Time misto com cara de titular em Erechim

O técnico Roger Machado disse hoje que tem conversado muito com Lincoln. Assuntos técnicos e até pessoais. E isso desde que chegou ao clube.

Está claro, então, que ele acredita, no guri.

Talvez não ainda a ponto de colocá-lo de titular. Entendo que Roger perdeu tempo demais ao deixar Lincoln fora do time, fora do banco, mas eu acredito no trabalho do técnico. Acredito em sua seriedade e em sua capacidade de avaliar o que é melhor para o time.

Roger, a meu ver, e também de um grande número de gremistas, poderia ter dado mais oportunidades para Lincoln. Por motivos que desconheço isso não aconteceu.

Mas agora Lincoln está abrindo seu espaço no time titular, que é composto por 11 jogadores mais uns três ou quatro. Lincoln está entrando nesse bolo. A titularidade absoluta agora é questão de tempo, pouco tempo imagino.

O jogo deste domingo, 18h30, em Erechim – terra do multicampeão Fábio Koff, faço questão de enfatizar isso para alertar alguns ingratos e desmemoriados – pode abrir caminho para que Lincoln enfrente a LDU em Quito desde o início.

Até porque jogadores jovens devem ter mais condições de suportar os efeitos da altitude.

Roger aproveitou que alguns jogadores estão desgastados ou com ‘desconforto’ muscular para escalar um time misto, desistindo da ideia absurda de jogar com a tal força máxima – que hoje se vê não é tão máxima assim, porque tem titular perdendo posição -, repetindo o erro cometido no Gre-Nal.

Erro, aliás, que eu, voz quase isolada, alertei na véspera – está registrado – quando todos, ou quase todos, queriam o time titularíssimo para vencer o clássico. Temia por lesões que viessem a desfalcar o time na Libertadores, o que lamentavelmente aconteceu. E justo com um dos dois jogadores por mim citados como alvo preferencial do adversário, o Miller Bolanos.

Bem, com esse time misto o Grêmio deve somar três pontos no Gauchão, talvez até assumindo a liderança. Quero dizer que diante da campanha na Libertadores e as atuações recentes dos titulares penso que devemos valorizar mais o nosso regional para impedir o hexa do rival.

O Grêmio deve jogar com Grohe, Ramiro, Geromel, Fred e Marcelo Hermes; Wallace, Maicon, Lincoln, Pedro. Rocha, Éverton e Bobô. 

Gosto dessa escalação.

Saúdo a volta de Wallace, que devolve ao time a qualidade perdida.

Ramiro e Marcelo Hermes estão ganhando posição. Nem tanto por seus méritos, mas pela ineficiência dos que vêm jogando nas laterais. Prefiro o Kaio no lugar do Ramiro, mas Roger conhece melhor os dois jogadores.

Do meio para a frente só falta um: o Luan, que entraria no lugar de Bobô.

Nesse jogo, aliás, eu escalaria Henrique Almeida, que não é tão dependente quanto Bobô. Tem mais iniciativa e se movimenta mais.

O fato é que esse time misto tá com muita cara de ser titular em pouco tempo.

CONTRATO COM TV

Não li o contrato do Grêmio. Mas não tenho dúvida de que Romildo Bolzan, habilidoso negociador, tirou o máximo da rede de TV.

Sei que muita gente queria ver a TV Globo pelas costas. 

Mas se RB optou pela Globo, é porque a proposta atende melhor os interesses do clube.

Entre propostas iguais, eu ficaria com a Globo, que tem muito mais visibilidade que qualquer outro canal de tv aberta.

 

 

Se gostou, compartilhe!

  • Andre Peixoto – Sarandi/RS

    Ilgo, creio que o time para o domingo seja o que de melhor temos no momento. Concordo com o Bobo, sendo que o Henrique seja o mais indicado. Luan precisa descansar (inacreditavel falar isso de um piá de 20 anos, mas…), pois deve estar com dores na sola do pé, que não foi resolvido do ano passado. Com relação a lateral eu discordo veemente, assim como não concordo com a tua frase, Ilgo, na qual ache que Roger conheça melhor os jogadores para poder decidir. Ele também conhece o Marcelo Hermes e Lincon e opta por MO e Douglas. Escolhas infelizes.
    Enfim, to curioso para ver esse time jogar…

    • Nelson Pedra

      Luan está com caxumba. Pelo que li, 10 dias parado.

    • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

      Andre, nem Zico, Maradona, Messi e Neymar eram titulares com 17 e 18 anos, calma. Vamos devagar …..

  • Francisco Coelho

    Não sou ingrato, pois não fez mais que a sua obrigação e tenho memória de elefante. Quem se candidata tem de fazer o melhor e principalmente cumprir com as promessas. Nesta discordamos. Kkk

    Maicon é + um erro, pois não está bem fisicamente e tecnicamente. Ramiro necessita de cobertura até pegar o cacoete e até por voltar de lesão onde Kaio aparentemente está melhor. A melhor opção seria Tontini no meu entendimento que pode cobrir Ramiro e segurar o adversário. Tem força física e faro de gol.

    • Ilgo Wink

      Caro Chico, nenhum dirigente tem obrigação de ser campeão. Tem é que dar o melhor de si. Nesse caso, ninguém supera Koff.
      Mas estou entre aqueles que acham que todos dirigentes de uma forma ou de outra buscaram o melhor, mas poucos conseguiram.

  • Serrano

    Ilgo, eu era um daqueles que entendia que o Gre-Nal deveria ser enfrentado com força máxima. Porque time titular precisa jogar continuamente, para pegar ritmo de jogo. E também como forma de honrar o adversário, reconhecer sua importância.

    Quem, sinceramente, iria prever a crocodilagem que presenciamos?

    Quanto ao time: espero não estar enganado, porque parece que, finalmente, algumas engrenagens antes travadas começam a trabalhar. Ainda não é o ideal, mas já é um começo.

    • Ilgo Wink

      Eu previ a crocodilagem. Tudo que o Inter quer é o Gremio se ferrando na Libertadores. A vida do Piffero seria insuportável com Gremio campeao da Libertadores.
      A direção deveria ter preservado, mas aqui na aldeia vencer grenal tá acima de tudo. a direção agiu como torcedor. Eu mesmo detesto perder grenal, mas estando em posto de dirigente teria preservado Luan e Bolanos. Inclusive o Geromel, mas aí seria arriscado demais.

      • Serrano

        Claro que eu não estou tirando ninguém pra santo. É só ver que a Federação-braço-forte-mão-amiga marcou o clássico entre dois jogos da Libertadores. E tratou de escalar um juizinho de comprovada afeição à Causa Maior.

        Mas te juro por Deus, nunca imaginei que chegariam ao ponto de, literalmente, QUEBRAR A CARA de um atleta. Correndo o risco de parecer ingênuo, é assustador ver até onde eles podem ir pra conseguir o que querem.

        HOJE é diferente.
        HOJE qualquer um pode ver com quem estamos lidando. E é lamentável assistir torcedores, ainda hoje, endossando a manobra toda, fazendo piada e chamando o agredido de “queixo de vidro” e coisas afins.

        Em tempo: aposto que muitos desses “piadistas” estiveram nas ruas nos últimos dias para “lutar pelo fim da corrupção no Brasil”…

      • Fiscal da Pipoca

        Ora, o treinador deles, conhecido por dar “chegadinhas a moda gaúcha” nos tempos de atleta, disse que “tem gente que chega de jatinho e sai de bicicleta”.
        A crocodilagem era previsível.

  • Francisco Coelho

    SUB-17 ENCARA O CORITIBA NA ESTREIA DA COPA DO BRASIL.

    Estréia de Beto Almeida.

    O Tricolor viaja até Curitiba para encarar o Coritiba no estádio Couto Pereira, no dia 30/03, às 17h. A partida de volta está marcada para o dia 07/04, às 17h, com local à definir. Caso o Grêmio vença por uma diferença de dois gols, o segundo jogo não será necessário.

    Não há previsão de TV o que é uma lástima.

  • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

    ILGO, meu querido !!!!!

    Acho que tu estás fazendo chover no molhado, pois nem Zico, Maradona, Messi e Neymar ERAM titulares em seus times com 17 ou 18 anos, só o Edson Arantes, mas este era o Pelé, ATERRISE.

    Eu assisti a várias vaias ao Luan com 19 e 20 anos na Arena e isso é público e sabido, portanto, pela tua experiência jornalistica, não esperava ler isto de você, pois o Luan com 22 ainda tem algumas contestações.

    Amigo, Lincoln é uma realidade sim, mas só à partir de 2017 e 2018, não existe milagres em futebol com 17 anos, pois o Pelé foi um só na história.

    O Douglas já é carta fora do baralho, mas não é o Lincoln que deve ser ”QUEIMADO” e lançado agora ”por pressão” da torcida, isso requer muita cautela, pois podemos perder aí uma grande promessa.

    Essa inquietude por títulos é que anda fazendo os torcedores perderem o foco e a razão do que deve realmente ser feito, e para isso, eu conto com a inteligência de nosso treinador Roger Machado, e o tempo.

    Não esqueça que ele assumiu em 2015 um grupo limitado e fez do que tinha nas mãos um time para chegar em 10º no brasileirão, mas chegou em 3º, está na Libertadores, em 2º em seu grupo e dependendo só dele para passar as 8ª, portanto, vamos devagar.

    É o 3º ano do Roger Machado como treinador e ele já está em um time bem grandioso, não merece ser cobrado por títulos que não ganhamos a 15 anos, pois está chegando agora e faz o que de melhor ele pode fazer.

    O time realmente caiu de produção à partir da 2ª quinzena de 2015, mas é perfeitamente visível que a austeridade no clube é necessária até ajustar a administração politica, financeira, social, patrimonial e técnica da equipe, portanto, vamos devagar, o nosso futuro é realmente promissor e não vamos nos tornar um clube mentiroso DE TUDO conforme nosso rival está sendo levado por tantas bravatas e soberbas.

    Quanto as cotas de TV, mais um ponto para Romildo Bolzan que usou a 1ª Liga e ”induziu” o Pífero ao erro de fechar com a EI, pois os caras terão que aceitar o que o mercado lhe oferecer em 2019 e calar a boca, pois traíram a Globo, e esta não é a hora de afronta-la, pois a Liga ainda não tem força nenhuma para isso. PONTO. Abraço.

    • Alexandre Sanz

      Diego era titular do Santos em 2002 com 17 anos, Robinho tinha 18, Eduardo Costa era titular com 16, Anderson salvou a pele de muita gente aos 17 em 2005, existe certamente outros muitos exemplos desses no mundo inteiro, lembrei mais um o Carlos Alberto era titular do Fluminense com 17 e com 18 foi campeão com o Porto da Champions league.
      😉

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Alexandre, acertasse aí ”parcialmente”, 1 em 5 dessas tuas opções.

        Titular joga o ano todo em todas as partidas e você acertou aí só o Diego do Santos que mesmo assim, o Leão mesclava ele, Elano e Ricardinho em 2002 para não queimar o garoto e nem assim, ele e Robinho estouraram no mundo e na seleção conforme eram as expectativas da mídia do Brasil, pois não confirmaram na Europa até hoje por serem coadjuvantes eternos.

        1) Diego tinha 17 anos em 2002 mas não era absoluto no time de Leão
        2) Robinho tinha 18 em 2002 e corre, pedala e nada até hoje (triatleta)
        3) Eduardo Costa foi titular em 2001 com ”19 anos” e não 16
        4) Anderson entrou aos 35 do 2º tempo, empate dava o acesso em 2005
        5) Carlos Alberto tinha 19 anos em 2003/2004 e não 17 na Champions e era substituído por Mourinho em todos os jogos. Onde está, qual o histórico?

        Amigo, Lincoln é nome certo no Grêmio, mas é como eu te disse, à partir de 18 ou 19 anos, pois em time grande a pressão interna, mídia, agentes, torcida, família, e outras ”cozitas más” extra campo atrapalham demais a formação de um talento de hoje, SALVO, Neymar, Messi, Maradona, Zico que nem assim, eram titulares absolutos aos 17 anos. AGUARDE.

        Só mais um pequeno detalhe, o agente do Lincoln é o Delcir Sonda, tá !!!
        Imagine os problemas que teremos na renovação dele em 2017 no Grêmio, pois seu contrato vai até 31/12 e em julho já poderia assinar um pré-contrato com outra equipe. Fique de olho.

        • Alexandre Sanz

          Tira ele do time agora.

          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Amigo Sanz, vou repetir, Douglas já era, e Lincoln será titular absoluto, mas com 18 ou 19 anos.
            Até lá, precisamos ficar intercalando sua titularidade para não queima-lo. O Roger está certíssimo.

      • Ilgo Wink

        Eu tenho 60 anos e ainda não estou ‘pronto’. Sempre aprendendo, sempre tentando evoluir
        O que dirá de um guri de 17 anos? Mas a hora dele chegou, hora de entrar cada vez mais no time.

    • Ilgo Wink

      Quer dizer então que Lincoln hoje é teu reserva?
      Tá bem. Respeito.

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Ilgo, detesto ver o Douglas em campo, mas não quero queimar um garoto de futuro, pois já vi até o Luan ser vaiado na Arena.
        O Lincoln é titular absoluto do Grêmio com 18 ou 19 anos, mas não agora. Aguarde.

        • Paulo Renato Zaleski

          Lincoln é craque!!! Diria mais é ele, Grohe, Geromel e mais 8!!!

        • Paulo Renato Zaleski
          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Paulo, vou repetir, Douglas já era, e Lincoln será titular absoluto, mas com 18 ou 19 anos.

            Até lá, precisamos ficar intercalando sua titularidade para não queima-lo. O Roger está certíssimo.

          • Paulo Renato Zaleski

            Com 18 anos vamos ver ele jogando na Europa…parece que por aqui nos nossos pagos ter idade é sinômino de talento, competência e outras coisas mais…é uma pena!!!

  • Pedro de Lara

    Parabéns, Ilgo. Era preciso restabelecer a lucidez.
    Eu também sou daqueles que acredito que existem dirigentes que querem dar o melhor para o clube. Se conseguem, colhem frutos no clube e na vida privada, o que não me parece problema. Quem, na mesma posição, não faria o mesmo desde que sob a luz da decência??
    Há os espertalhõe$$$ e há os incompetentes. Para esses, também há remédio. Dos primeiros, o banimento e responsabilização. Dos segundos, as urnas.
    Por outro lado existem diferentes tipos de gestão, de acordo com o momento do clube. Fica dificil aos puramente apaixonados entender as razões de um bom dirigente se não figurar entre elas investimento maciço no futebol. Fica difícil esperar mais um ano por títulos.
    Mas é preciso alertá-los. Sem solidez financeira, sem estruturação administrativa, sem redesenho de negócio não se vai a lugar nenhum.
    A recente Arena pode ser o marco de uma longa campanha de sucessos.
    Mas começou ontem, então que se aguarde o tempo até dar frutos.
    Menos paixão, menos imediatismo e olho nas urnas. Quem tá fora quer entrar e vai cometer equívocos, assim como Fabio Koff cometeu tentando devolver ao clube seu devido lugar, contratando muito e desesperadamente.
    Um equívoco. Quem antes não o cometeu, talvez até sob outro intere$$e?

    Outra:
    Não sejamos ingênuos. O futebol está dominado pelos agentes. Eles tem o poder. O aliciamento é fato e decisivo. É investimento. Acredito que todos os clubes grandes se submetem a isso.
    É possível que até nisso a Primeira Liga seja útil, desde que os principios acordados entre os clubes sejam seguidos.

    • Ilgo Wink

      Caro Pedro, por isso nós precisamos ter cada vez mais gente séria e honesta no comando dos clubes. É o caso do Grêmio hoje. O presidente pode tirar folha corrida sem problemas. Não sei se posso dizer o mesmo de outros por aí

  • Arthur J

    Não sei pra quê escalar o Maicon, se ele está suspenso do jogo da LA.

    Melhor seria já ir testando as alternativas. Mas saúdo que o Roger finalmente acordou e viu que Douglas e avenida Oliveira são duas nabas. Pena que jogou 3 meses fora até perceber isso.

    Sobre o contrato. Eu tenho um pé atrás. Sempre que escuto “o Grêmio fez um baita negócio”, logo em seguida surgem outras versões.

    • Rogério

      Certamente isso acontecerá, visto que o rival vai assinar com a EI. Espere isso ocorrer e verás a IVI detonando o contrato do Grêmio e exaltando o dos vermelhos. Como diz o RW: a IVI é invencível e previsível …

      • Alexandre B. Galiazzi

        Caro Rogério, a IVI da RBS não poderá nos criticar… eheheheh.

  • Francisco Coelho

    O importante no meu entendimento será o Banco contra o Ypiranga. Ali podemos ver o que pensa o Roger…

  • Gabriel

    Na minha opinião força máxima. Só não joga quem tem algum problema físico.

  • Moretto

    Para mim dessa escalação eu não concordo com o Bobo, e ramiro. De resto pode ficar todos como titulares, e viva o lincoln saindo jogando. Acho que os deuses do futebol vão ajudar o roger a escalar ele, deixando o douglas machucado.
    Ainda acho que precisamos de um zagueiro pra jogar junto com geromel e um lateral.

  • Gustavo Medeiros

    Fato raro. Para se observar de perto. Grêmio começará com 11 jogadores em campo.

    Só não me venha o Roger colocar o Fernando em campo. Aí voltamos a jogar em desvantagem.

    E a chance dele errar nas modificações, fora o caso do Fernando, são pequenas. Visto os jogadores reservas.

    Dessa vez em acredito.

  • Rogerio

    Amanhã o Roger vai poupar os torcedores de ter que aturar Douglas e Marcelo Oliveira, só não me conformo em ver o Edinho em campo. Perdi as esperanças com o meu treinador. Ele não pode ter uma idéia de jogo com Wallace e Maicon como titulares e ter o Edinho como substituto de qualquer um deles. São coisas completamente diferentes, eu não sei em nome do quê é feita essa escolha!

    • Ilgo Wink

      Torcendo para que os substitutos joguem aquilo que a gente espera deles. Caso contrários, os outros voltam.

  • Walter Luis Borba

    Sobre essa renovação de contrato com a Globo acompanho aqueles que ficam com um pé atrás sobre eventual “vantagem” deste contrato da Globo comparado ao que foi ofertado do EI.
    A Globo “nunca” perde. Algum desdobre vai acontecer!
    Até porque, creio que, ainda existe muito bairrismo e antipatia pelo Grêmio…pelas vezes que o Grêmio vergou os times queridinhos da globo – flamengo, corintians, palmeiras-parmalat.
    Depois, veio a história do Fábio Koff e os clubes do 13….
    É bom o conselho do Grêmio ficar de olho aberto, para depois não vir dizer que “desconheciam” os termos do contrato, como alegaram no caso ARENA.

  • Marcio Luiz

    Concordo ilgo. Kaio foi bem contra o Cruzeiro, mereceria uma sequência. Ramiro é mto limitado. Henrique Almeida está lesionado, por isso da titularidade do Bobô. To torcendo para uma grande atuação do Lincoln, pois Douglas deixa o time lento e burocrático. Na altitude então isso deve se agravar.

  • Arthur J

    Grêmio joga com 11, enfim. Belo primeiro tempo.

  • Francisco Coelho

    Pedro Rocha e Lincoln mesmo com Roger contra dão vitória ao Grêmio…

    • Eder

      E agora? Manutençao da intensidade ou volta dos pangarés?

      • Gustavo Medeiros

        Tinham que ter perguntado ao Roger. Mas muita coisa me deixou preocupado.