Roger e os outros culpados

Por mais que a gente goste de apontar um culpado e transformá-lo numa Geni, jogando-lhe todas as pedras como cantava meu ex-ídolo Chico Buarque, essa instabilidade inquietante do Grêmio deve ser atribuída a muita gente.

Nem todos estão dentro de campo ou em suas imediações. Fora isso, há atenuantes como a falta de dinheiro para buscar no mercado jogadores com melhor qualidade. Edilson, por exemplo, veio por uma questão de custo/benefício, conforme ouvi do sr Alberto Guerra.

Até aí tudo bem, o problema é que o passado nos ensina que não adianta empilhar jogadores razoáveis, porque a resposta deles nunca será aceitável e aí se busca outro e mais outro. Tem sido assim especialmente na lateral-direita tricolor. 

Trazer de volta jogador insuficiente tem um preço. Vejam o quanto custou caro a volta de Bressan. 

Tudo isso quando há na base um guri, o Raul, de inúmeras convocações para a seleção brasileira sub isso, sub aquilo. Será Raul um jogador de empresário influente na CBF, que joga tão pouco que não merece uma chance sequer em treino no grupo principal? Será? Não acredito.

Então, quando a gente vê, há culpados em tudo que é lado.

De quem seria a culpa pelo fato de o Grêmio ter desandado, por exemplo. Onde está aquele Grêmio de boa parte do Brasileirão passado, aquele Grêmio que deslumbrou o país, inclusive colorados, e alçou o noviço Roger Machado ao grupo dos melhores treinadores?

É possível pulverizar responsabilidades. Mas eu me detenho nos nomes mais visíveis. Não são os únicos, mas talvez sejam os principais.

Primeiro, Roger Machado; segundo, Bobô; terceiro, quem o contratou.

O Grêmio desandou, ou melhor, deixou de empolgar, quando Roger começou a escalar Bobô.

Aí bagunçou a casa, da cozinha à sala, passando pelo banheiro.

Roger cedeu à pressão dos defensores do aipim enfiado na área. Não sou contra aipim, ainda mais frito, mas precisa de ser boa qualidade. 

Não me parece ser o caso de Bobô, um jogador mediano conforme prova seu currículo de escassos gols.

Com a chegada de Bobô, Roger se perdeu. O ataque de movimentação intensa, velocidade e com Luan chegando de trás e sempre mais próximo da área, se perdeu.

Está até hoje perdido. Roger não o encontra mais, e insiste na ideia do centroavante.

O ataque tão efetivo antes já não marca há três jogos.

A insistência com Douglas e o quase ‘abandono’ de Lincoln’ também contribuem para a queda de rendimento.

Aqueles que defendiam apaixonadamente Douglas ‘Metidinha’ durante a Libertadores, agora nem questionam o fato de ele ter ficado no banco na estreia do time no Brasileirão. Estão aí, assoviando com as mãos nos bolsos,olhar de paisagem, como se não fosse com eles.

Esses todos que defenderam Douglas também são culpados pela derrocada em três competições seguidas. 

E aqueles, então, que acreditaram que Fred poderia substituir Erazo, o que dizer eles?

Há muitos culpados, mas o importante agora é tirar ensinamentos do que aconteceu e buscar uma retomada do caminho das vitórias.

Minha esperança é que Roger aproveite mais os guris da base, em especial Lincoln.

Mas tem outros, como o Tontini, que foi abandonado como uma cueca velha.

 

Outra coisa: Roger poderia pensar num esquema alternativo.

 

O esquema dele já mostrou ser bom, mas não ganhou nada até agora, além de elogios que hoje são cada vez mais raros.

Eu pensaria num esquema alternativo: o clássico 4-4-2, usado por grandes equipes do mundo.

Na frente, dois atacantes de movimentação.

Aipim só como aperitivo, digo, só para entrar no final, ali pelos 44 minutos…

Se gostou, compartilhe!

  • Francisco Coelho

    Macaxeira cozida com charque frita na manteiga de garrafa também é muito bom…

    Não adianta ter 5 volantes onde só jogam 2. Não adianta ter 6 atacantes com características semelhantes.

    Éverton e P. Rocha são semelhantes. Bobô, Henrique Almeida e Batista são semelhantes. De pé esquerdo não há embora o Éverton saiba usar. Ty que é canhoto não é usado e só vive de treinos…

    Giuliano o fisicultor já predestinou seu futuro como segundo volante. Só Roger não escutou?

    Como não temos um enganche destro no padrão Walter Damián Montillo, Juan Román Riquelme ou Diego Ribas da Cunha que já passam dos 30 devemos dar todas as oportunidades ao Felipe Tontini da Silveira.

    O mesmo podemos dizer do enganche canhoto “diamante negro” Lincoln Henrique Oliveira dos Santos (16 jogos 4 gols). A De Beers do CT Hélio Dourado ou do CT Luiz Carvalho não têm mais o que ensinar ao guri Lincoln. Agora é só desenvolvimento tático e muito jogo para aprimorar as jogadas. O Campeão Estadual Sub-17 (2014) já deve estar enfadado de tanta conversa e pouca ação.

    Também foi contratado o meia Yuri Gonçalves de Souza. Canhoto, com 1,85 m de altura, Yuri fez apenas dez partidas pelo time principal do Macaé, sendo três como titular. E mesmo e tão poucas partidas chamou a atenção do Tricolor gaúcho.

    Até o momento poucos viram em treinos…

    Até os meias atacantes são semelhantes onde Luan e Miller são destros embora Luan goste de movimentação lateral e Miller mais vertical.

    No gol temos 2 goleiros que não sabem sair da pequena área nem são bons com os pés. Temos também um terceiro que falam estar treinando muito bem más que não joga.

    Nas laterais Ilgo já falou sobre o LD da seleção Raul José Cardoso um Campeão Estadual Sub-17 (2014).

    Na LE já emprestaram o Carlos Eugenio Júnior Tavares dos Santos e arquivaram o Iago Sampaio Silva.

    Um mistério é o LE Lucas Lovat que ninguém mais fala…

    Na zaga. Chega…

    • Ilgo Wink

      Chico, qual a diferença da manteiga de garrafa para a de tablete?
      Gostei desse teu prato.

  • Arthur J

    Eu estou começando a desistir do Roger.

    É só mais do mesmo. Quando sai um bruxo (Douglas), entra outro (Bobô).

    Lincoln parece até que voltou pro time de transição. Tontini eu nunca mais ouvi falar. O Tilica, então… fez uma boa partida contra o Avaí e foi “punido” ficando de fora do gauchão pro BRAIAN (!!!).

    Tem ainda o Iago, que me pareceu um LE interessante, com muita velocidade, mas foi preterido pelo Avenida Oliveira e pelo Marcelo “Parazinho” Hermes.

    E pode apostar que quando o Bolaños for pra seleção o “Pifador” volta.

  • Eder

    4-4-2 deveria ter sido testado ainda no gaúcho. No brasileiro seria preciso fazer um rodízio maior de jogadores, todos sabemos que Maicon, Giuliano, Oliveira não suportam jogar quarta e domingo. Kaio e Tontini seriam substitutos perfeitos para meia, o Tilica como lembrou o Arthur, seria outra alternativa para o ataque, juntamente com Batista, que marcou um gol nos raros minutos que jogou e foi arquivado.

    Meu time do meio para frente: Wallace, Kaio, Tontini, Lincoln; Tilica e Batista. Aposto que com estes garotos não haveria seca de três jogos sem gol. Pelo menos deveria ser cogitado em treinamentos para ver se daria liga. O Luan deveria pegar uns dois ou três jogos de banco para ver se acorda prá vida, se o Roger escala ele em uma posição na qual não se adapta, deveria ter personalidade e peitar: “professor, eu só jogo de falso 9, se quiser pode me deixar de reserva do bobo, mas se eu entrar me garanto!”

    • Ilgo Wink

      Eder superando o patrono na juvenilização do time, ehehehe

  • Celso

    Como é que um clube com tantas dificuldades financeiras paga 7 milhões por uma nulidade como este Maicom, e faz um contrato de 3 anos com o Edilson ? Não serão erros como estes a causa da sangria nos cofres da instituição ?

    • juca

      É a austeridade e a excelente administração do Romildo.

      Próximo passo é pagar pelo menos R$ 3,5 milhões pelo Wallace, que não poderá jogar a Copa do Brasil, e é um jogador mediano pra ruim, muito contestado pela torcida do Flamengo. Isso se não subir o preço, como aconteceu com o capitão desconforto.

  • Walter Luis Borba

    Eu já estou sem argumentos.
    Depois dos jogos de ontem da libertadores todos os times que nem louco atrás da bola…
    Vou me conter…
    Todos nós sabemos as deficiências do grêmio.
    Contudo, os dirigentes não.
    Assim, fica difícil para qualquer treinador dar jeito.
    Pode trazer o Guardiola, Sampaoli, Mourinho….
    Que no Grêmio vão sucumbir.

  • Rogério

    Só eu que sou o “diferentão” e vejo que, mesmo com uma semana de treinamentos, o time do Grêmio perde o gás no fim? Vide último jogo …

  • Imortal

    Ilgo, a imprensa de Minas está criticando muito a equipe do Atlético-MG por levar muitos gols de cabeça. Contra o SP na LA foram dois. A direção constatou que o Erazo não era solução, mas faltou trazer alguém. Fred = Erazo.

  • Francisco Coelho

    Hoje vamos ver quem têm gorduras para queimar. O de maior torcida ou o da melhor torcida.
    O da melhor torcida já foi realmente da torcida e hoje é de muitos grupos. Talvez este seja o maior problema com despesas e falta de títulos.
    A diferença é que um teve uma semana para trabalhar e o outro uma semana conturbada e vêm sem comandante adoentado.

    Quanto ao time pelos concentrados é mais do mesmo com os questionados de sempre. Só de LE já vai 5 mudanças sem soluções. Sinalização de que algo não está funcionando no sistema.
    Talvez ninguém tenha se ligado que o problema esteja no comando. As contínuas contratações de jogadores insuficientes podem ser o motivo ou mascarado o verdadeiro motivo.

    Neste fim de semana já podemos ver que times com custos de 1/3 vêm obtendo melhores resultados. Este é um claro e cristalino sinal de que as coisas não estão bem no Grêmio.

  • Alexandre Sanz

    fiz o teste no wwww.cornetadorw.blogspot.com.br minha pontuação deu 24 pontos, tudo porque uma vez pronunciei a frase o antijogo faz parte do jogo kkkkk, Ilgo qual tua pontuação???

  • Dilamar Costenaro

    Que time ridiculo esse Gremio, não consegue fazer um misero gol nesse amontoado do Flamengo, mas também esperar o que de um tome que tem M. Oliveira, giuliano, maicon e bobo…..aí é querer demais. E ainda na casamamta um projeto de treinador .

  • Dilamar Costenaro

    Que time ridiculo esse Gremio, não consegue fazer um misero gol nesse amontoado do Flamengo, mas também esperar o que de um time que tem M. Oliveira, giuliano, maicon e bobo…..aí é querer demais. E ainda na casamamta um projeto de treinador .

  • Dilamar Costenaro

    O mão de alface falhou bisonhamente de novo, que goleiro frangueiro pelo amor de Deus.

    • Talita j

      Larga mão de ser um chato, seu retardado.

      • Dilamar Costenaro

        Não, quem sabe tu acha bom goleiro esse inútil, que não sabe nem sair do gol. E retardada tu sabe quem é!!!

  • Arthur J

    Ficou escancarado ontem que o Bobô não rende nesse esquema de toque de bola do Roger.

    O time melhorou com o Everton, ainda que este nem tenha entrado tão bem assim (errou muitos passes). Mas só pela movimentação e pelo reposicionamento do Luan já valeu a troca.

    Agora tem o jogo contra o Galo e sem o Bolaños. Se o Roger seguir com o bruxismo, vai escalar o Douglas na meia e manter o aipim lá na frente pra tropeçar na bola.

    Eu gostaria de ver o Roger com coragem de escalar o Lincoln e o Everton, mas todos aqui sabemos que isso nunca irá acontecer.

    Ah, e o Edilson até que estreou bem. Pelo seu lado, o Fla não criou muitas chances. Já a Avenida Oliveira segue um pavor, mas esse é bruxo, pode errar à vontade.

  • Daniel Scherer

    Jogo de ontem qualquer um poderia ganhar, jogo muito equilibrado, num nível médio para baixo, Flamengo com leve superioridade principalmente depois que o Grêmio fez o gol, se acadelando como já é normal.
    Normal também o toque toque sem objetividade, mas isso não vai mudar.
    Só eu que estou achando o bolanos fora de sintonia??? Talvez fora de posição, sei lá.
    Luan precisa de um choque de 220 ou que o Roger coloque ele na posição correta, vai queimar o guri.
    Para mim, o Grêmio apenas se repetiu, com todos os defeitos que estamos vendo desde o ano passado, não vi evolução tática alguma, é mais do mesmo. Sem jogadas de lado, sem chutes de fora, marcação cerca lourenço dando muito espaço, enfim….
    Carlos Miguel dizendo que Douglas faz muita falta quase me fez quebrar o rádio, tive que trocar da Grêmio Rádio depois desta.
    Douglas só faz falta na mesa de carteado, pifando.
    Aliás ontem realmente ele pifou o P. Rocha, mas antes e depois errou tudo, mas tem quem ache que ele tem que jogar por causa das pifadas, paciência, por que agora ele volta com certeza.
    Menos mal é que não tem um time que preste neste campeonato, qualquer um pode ser campeão, olhando hoje as atuações.
    Vamos ver quais clubes terão daqui pra frente crescimento técnico e tático, para despontar como postulantes ao título, hoje é tudo japonês.

  • Detective

    Fantástico! RW superou-se!

    O TESTE! VOCÊ É DA REPÚBLICA DO TEXAS?

    Cada resposta SIM vale 5 pontos.

    Cada resposta NÃO vale 1 ponto

    1) Você é militante do Sinpof (Sindicato do pontinho fora)?

    2) Alguma vez você pronunciou a frase “o anti-jogo faz parte do jogo” ?

    3) Você acha que treinador-trabalhador (Roth)é “arrumador de defesas” ?

    4) Quando o time de Guardiola levanta taça você fica mal-humorado?

    5) Você acha que a seleção de 1994 (Dunga-Mauro Silva) foi a melhor equipe de todos os tempos?

    6) Já sonhou com a volta de Orcina e Chamaco Rodrigues para o Grêmio?

    7)Gosta de centroavante aipim?

    8)Você é propagandista das qualidades (?) do volantes que sujam o calção de barro?

    9)Sonha com o Edinho frequentemente?

    10) É defensor do esquema de “1 bola só” ?

    11) Você acha que o Macho Argel é o “novo Simeone”?

    12) Você é defensor do esquema com 3 volantes maratonistas?

    13) É a favor da porrada?

    14) Você já atingiu o orgasmo assistindo um “chuveirinho’ para o Aipim fazer “um golinho de cabeça”?

    15)Você acha os jogadores do Barcelona “muito leves”?

    16) Você acha que churrasco com jogadores ganha campeonato?

    17)Você acredita que Dunga é um bom técnico?

    18) Você já pronunciou alguma vez a frase ” volante não precisa saber jogar futebol”?

    19)Você é defensor de “1 metida” por jogo?

    20)você costuma usar frases do tipo:

    “jogar fechadinho”

    “voltar vivo”

    “jogar pelo regulamento”?

    RESULTADO

    70-100

    Você é um legitimo representante da República do Texas.Fuma o cigarro Mistura Fina.Possui uma Telefunken 90 na sala do apartamento.Bebe Guaraná Sielva e tem um Monza na garagem.

    50-69

    Você é um representante da Republica do Texas “de centro”.Fica gravitando entre a direita e a esquerda da República do Texas.Não aparece no Bar do Beto com medo da retaliação dos adoradores dos volantes que sujam o calção de barro.

    46-49

    Este é o pior representante da República do Texas.Torce escondido para os times de Guardiola.Faz terapia para se livrar dos conceitos dinossáuricos.Não gosta do centroavante aipim mas tem medo da gritaria dos mandioqueiros.É chamado no Parque de Redenção de “coitado”

    36-45

    Este faz parte dos republicanos que enfrentou o conflito de gerações.É um homem confuso.É o mais chato deles.É o sujeito que tinha 10 anos nos anos 90.Ouvia seu avô falar em “centeralf “no mesmo período que Cruyf estava dirigindo Barcelona.Se apaixonou pela seleção de 1982 mas ficou com medo de apanhar dos retranqueiros na capital da República do Texas(Porto Alegre).É um eterno dividido.Frequentemente recorre ao Rivotril.

    0-35

    Você não pertence a República do Texas.Você entende que Suarez do Barlcelona é um atacante.Jamais vai dizer que Cristiano Ronaldo é “um centroavante”.Você prefere o talento.Não faz propaganda do esquema de jogo “sangue nos olhos.”Parabéns.Você gosta de um esporte chamado futebol.

    Postado por RW às 08:45 Nenhum comentário:

    Enviar por e-mail

    BlogThis!

    Compartilhar no Twitter

    Compartilhar no Facebook

    Compartilhar com o Pinterest

    • Gustavo Medeiros

      Ótimo post.

      Mas acho uma bobagem se ater a conceitos radicalmente. De qualquer tipo.

      Um aipim da categoria do Ibrahimovic não jogaria? Simplesmente porque é um aipim?

      Ok. Ele é um exemplo extremo. Mas o que quero mostrar é que o treinador precisa se adaptar as características dos jogadores, e não a uma definição de jogo, por si só, sem conhecer o elenco.

      Jardel não jogaria no Grêmio de hoje então?

      Ele jogou, e muito bem, porque tinha Paulo Nunes ao seu lado, dois ótimos laterais e meias que sabiam apoiar.

      Guardiola fez chover no Barcelona, mas sem os melhores do mundo, em um outro grande time, o Bayern, ele não teve tanto sucesso. Todo mundo aqui na Alemanha, sabe quem vai ser o campeão alemão de 2017. A pergunta é só, em que rodada será. Eles são muito superiores aos outros times. Se é bonito de ver eles jogarem, claro que é. Mas um time com mais marcação e bom poder de finalização, pode ser mais efetivo.

      Então, menos gente. Vamos ser ponderados.

      • Detective

        Tudo bem, amigo. Foi só uma descontração lúcida e de humor refinado e inteligente do Wortmann. Obviamente, os radicalismos devem ser evitados em todas as áreas. Abraços!

    • Fábio D.

      A brincadeira é muito válida! hehehehe

      Como tudo mais nessa país é tudo dividido radicalmente entre aqueles que pensam como eu e são gênios, e aqueles que não pensam igual e são idiotas.

      O óbvio é que um time de futebol, para ter sucesso, precisa jogar muito bem, ora vejam, futebol. A forma como o time joga varia muito e os resultados influenciam muito o que se dirá de uma equipe no futuro.

      A primeira copa do mundo que assisti, sabendo o que estava vendo, foi a de 82. Foi fantástico. Até hoje vejo no youtube os jogos ou lances. Foi um crime não ter vencido. Merecia muito.

      A seleção de 94 era quase que apenas força, assim como todos os times daquela horrível copa, mas tinha um gênio na frente e jogava bem, não era brilhante, nem bonito. Romário foi um dos maiores centroavantes que jogaram no Brasil e fez a diferença. Essa seleção foi campeã e acabou com um jejum que Zico e Falcão não conseguiram acabar.

      Então é tudo muito relativo. O gosto do observador vai determinar sua tolerância maior ou menor com resultados adversos (ou a vibração com eventuais vitórias). De 90 até hoje a seleção que eu mais gostei foi a de 98, só para dar uma base.

      Embora todos os times brasileiros estejam jogando uma bolinha de gude, eu acho que o que nos liquida é a falta de qualidade em algumas posições e de força mental para suportar a pressão e resistir a um adversário jogando melhor.

      A qualidade do futebol brasileiro está muito baixa, resultado da lei Pelé e da entrega das bases dos clubes, e muitas vezes das escalações até no profissional, para jogadores de empresários. Esse excesso de dinheiro estragou o futebol profissional no Brasil.

      Tivemos fôlego enquanto a onda das gerações nascidas nos anos 80 manteve o nível…. Da geração de 90 para cá, onde coincide o início na base dos clubes com a vigência da Lei Pelé… só sobrou o Neymar. O resto não fardava na seleção de 1990 (a famosa seleção da era Dunga).

      • Detective

        É isso aí.