Não existe ‘jogo jogado’: todos na Arena

A possível saída de Luan para um futebol quase secreto ocupa amplos espaços na mídia. Não faltam nem suposições sobre como será o Grêmio sem Luan.

Ora, será como foi quando perdeu Renato Portaluppi – que saiu quase de graça para o Flamengo -, e Valdo, pra ficar apenas nesses que estão na galeria dos melhores jogadores que vi com a camisa tricolor.

Nunca mais apareceu um Renato ou Valdo, mas vieram outros igualmente talentosos, e até com características similares às dos que partiram – alguns pela porta dos fundos como quem rouba.

Enfim, o Grêmio sobreviverá, sem dúvida. E continuará grande, forte, porque tem uma torcida que se mantém ao seu lado nos bons e nos maus momentos até que a morte nos separe, amém.

No momento, para seguir sua trajetória vitoriosa nesta temporada dos sonhos – não me acordem – será preciso continuar na Libertadores. Para isso, é preciso superar esse obstáculo chamado Godoi Cruz. Tem gente aí opinando que o time argentino é ‘galinha morta’, que a vitória virá ao natural, sem maior esforço.

Quem diz esse tipo de coisa é:

-um gremista otimista demais, meio fora da casinha;

-um mal-intencionado, querendo criar clima de já ganhou até pra não ir muita gente à Arena;

-um saudosista que imagina ainda estar em algum lugar do passado em que os clubes menores tremiam diante dos mais fortes;

-um neófito, que sabe droga nenhuma de futebol, seus dramas, suas tragédias, como a vitória imposta pelo glorioso Mazembe a um clube hoje chafurda na segundona.

Felizmente, a maioria dos torcedores já sabem que não existe jogo jogado. O argentino Kannemann, que conhece bem seus conterrâneos, está alertando para um jogo muito difícil nesta quarta, 19h15. Diz ele que será um jogo disputado no limite, e eu não tenho dúvida disso.

Já li hoje na imprensa que o Grêmio tem larga vantagem. Desde quando vitória por 1 a 0 é larga vantagem? Esse tipo de afirmação é coisa de gente mal-intencionada, que quer uma Arena com pouca gente – o horário contribui para isso, infelizmente.

Assim como o time em campo terá de jogar no limite para evitar uma surpresa, cabe ao gremista se esforçar para ir ao jogo e torcer por um resultado que mantenha o clube na briga pelo tri da Libertadores.

De minha parte, vou ao jogo mais tranquilo porque a direção decidiu poupar titulares contra o Atlético-MG. O Grêmio terá força máxima, com exceção de Edílson. Mas quem tem Léo Moura não se preocupa com esse desfalque.

 

Outro motivo para ir à Arena: ver de perto a arte de Luan com o manto tricolor. Vá antes que acabe…

Se gostou, compartilhe!

  • Walter Luis Borba

    Ilgo,

    Cautela nunca é de mais.
    Um ex disso é o jogo do ano passado contra o Alt Paranaense.
    Eles devolveram o 1 x 0 aqui, e jogo foi épico.

    Se o Grêmio manter a pegada, passamos sem susto, mesmo sendo time argentino.

  • gremiocampeaomundial

    O título desse post me lembrou o ditado: jogo é jogado e lambari é pescado.

    A imprensa, como de costume, ocupa-se em exercer o óbvio como ontem e amanhã. Grêmio vendeu a alma do time, PIFA comprou (leia-se: o Cafetão deu de presente) o novo Pelé, e Charles Kane morreu. Taí três coisas que tem em comum “imprensa”, filmes velhíssimos, que conheço bem e já sei como terminam. Aliás, todo mundo sabe, mas eles continuam tentando impressionar os incautos, ignorantes de sua suposta responsabilidade como formadores de opinião. Uns, ignorantes de fato; outros, ganhando bem para fingir sê-lo.

    Quem disser que perder um bom jogador é reforço, está mentindo. Quem disser que o Grêmio está malfadado por isto, também está. Ou era um espermatozóide em 1994 e não fez a lição de casa. Não é a perda o fator preponderante, mas sim a capacidade dos que ficaram. Isto, no entanto, a imprensa “esquece”. Porque, afinal, vai que cola, né? Aí não tem “tragédia” pra vender.

    Ainda sobre delírios da mídia, falaram em “larga vantagem”? Imagina se fosse 2 x 0 então nem precisava ter jogo de volta. Mas é natural. São os mesmos que vacinam nossos adversários contra o “melhor futebol do Brasil”, e relativizam os méritos do líder com seu “futebol pragmático consciente das próprias limitações”.

    Ainda hei de entender por que o Grêmio, com seu histórico reversor de adversidades e dono da alcunha de “Imortal”, sempre é cantado em verso e prosa como moribundo, quando um outro clube rebaixado em dezembro de 2016 ganha seis meses de “sobrevida-no-limbo” tamanha a convicção em sua retomada heróica nos tribunais do raio que os parta.

    Um desses clubes foi campeão da América num tempo em que o futebol sobrava em feliz qualidade e infeliz violência – sem a mídia globalizada que hoje pode coibir ou no mínimo registrar maiores excessos, voltando vivo de Ciudad de La Plata. Já o outro só conseguiu ser campeão anos mais tarde, num torneio marcado pela expulsão polêmica do volante Josué e, acima de tudo, pelo “fenômeno” registrado no estádio que afunda 1 cm por ano pelos jornais uruguaios sob a manchete: “Com roubo não tem milagre!”

    Quem não conhece até pensa que um é o outro e o outro é um. E o mundo acabou em 2012. E o Grêmio vendeu não sei quem. E vai ser eliminado. E depois, rebaixado. E o PIFA vai ganhar o CR7 de presente do Cafetão. E o Charles Kane morreu. E… peraí, a gente já não falou nesse(s) assunto(s) em algum lugar aí em cima?

    • Ilgo Wink

      Muito bom.

      Só não entendi essa do estádio que afunda 1cm por ano

      • gremiocampeaomundial

        Agora antes da última Copa, durante as reformas, surgiu um assunto que o estádio do rival afunda em média 1 cm por ano. Por ser construído sobre o aterro do Guaíba, que não seria solo muito firme

        Se é verdade ou não acho que só alguém da área de engenharia e construção civil pra esclarecer. Mesmo sendo real, na prática 40 cm em 40 anos deve causar menos danos que o desgaste natural da estrutura.
        Ou de repente é uma área maior do terreno que sofreu algum desnível e alguém aproveitou pra tocar uma flautinha criativa

        Se alguém aí puder esclarecer esse assunto, também fiquei curioso agora. Na época era pra ser “sério” mas como eu não entendo nada de construção civil…

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          Também ouvi esta história, mas para variar, a ”IVI” desconversou quando isso foi abordado ao redor de uma mesa redonda da RBS das 13h05m até as 14h30m de todos os dias de segunda à sexta. Adivinheeeee …..

        • Ultron

          Se for verdade, os caras literalmente estão sendo rebaixados.

          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Muito boa (kkkkk)…..

        • Rezende

          Eu me lembro que anos atrás foi preciso fazer obras nos transformadores antigos do Beira Rio, quando o Fernando Cofre Vazio ou Te dou Porrada assumiu, o local estava abandonado e com quase meio metro de ÁGUA pelo rebaixamento da estrutura e vazamento do lençol freático…

  • Francisco Lanferdini Serafini

    Se não tiver nana-neném, o Grêmio passa. O Grêmio é muito mais time e tá numa liga absurda. Só não pode ter nana-neném… Portanto, foco e matar o jogo quando tiver oportunidade.

    Aos gremistas que forem ao estádio, certamente poderão acompanhar um bom jogo, em que verão ou um Grêmio sofrendo pra passar (o que não acredito), ou um Grêmio muito superior em campo. Enfim, há de ser emocionante.

    Ah, e sobre o jogo e a IVI. Já falaram do entorno da Arena depois da chuva que está caindo em solo gaúcho?

  • Alexandre

    Luan é ótimo, sempre gostei dele, mas aqui no Brasil nos acostumamos a ver os melhores jogadores saindo, tanto que nem nos indignamos mais. Não sei se há substituto para ele hoje, Bolaños deveria ser o cara, Maicon, Fernandinho e Everton são outras opções. Pela características é certo dizer que o time mudará um pouco, mas isso pode ser bom, o tempo dirá. Quando Walace saiu também houve preocupação, no entanto Michel e Arthur o substituíram a altura, talvez até com acréscimo.

    Time argentino é sempre chato jogando fora de casa. Mesmo com o resultado a favor, não pode dar brecha. Um golzinho deles e tá tudo igual de novo. Mas o time do Grêmio é superior e, se nada extraordinário acontecer, avança de fase.

    • Francisco Lanferdini Serafini

      Acho que com a saída do Luan, o Grêmio vai jogar naquele 4-1-4-1 que o Grêmio já jogou em algumas oportunidades e não foi lá muito bem.

      O Bolaños, também conhecido como Miro Bahia por mim e mais alguns ilustres gremistas, quebrou o planejamento gremista, infelizmente. Pode ser sim lesão, o que não tem muito o que fazer, mas, para mim, no puro achismo, ele não joga por “problemas” pessoais.

      • Alexandre

        4-1-4-1 com o Maicon no lugar do Luan, acho o mais provável também, se o Bolaños (Miro Bahia hehe) não tiver condições. Como o Fernandinho anda numa boa fase, capaz de permanecer no time, com o Ramiro mais centralizado (eu não gosto dele ali), mantendo o esquema atual.

  • Rezende

    Luan é um talento, só tem um defeito que é ter pouco corpo para um meia-atacante que segura demais a bola.
    Seu MAIOR sucesso futuro depende apenas de ele decidir qual caminho vai adotar para superar este seu defeito, ganhar mais corpo para não ser dominado tão facilmente por seus marcadores (e gerar contra-ataques mortais) ou investir na sua velocidade e segurar menos a bola (o caminho de Felipe Coutinho por exemplo).
    Renato vai se virar como na saída do Walace e a fila anda…
    Só quero deixar claro que NESTE MOMENTO a saída de Luan para o Spartak de Moscou não é tão ruim nem para o Grêmio e nem para o Luan.
    Lá ele vai jogar com um BAITA volante que é o ex-nosso Fernando e num clube que tem tradição de acolher, respeitar e ENTENDER os atletas brasileiros.
    Segundo, Luan vai jogar a Champions League pois o Spartak é o atual campeão russo.
    E a Copa do Mundo ano que vem vai ser lá na Rússia.

    Por isso ACHO que se a proposta dos russos ficar nesse patamar de 20/22 milhões de Euros e não atingir os 25 milhões de Euros que a diretoria do Grêmio pretende; esta diferença deveria ser superada NÃO com a permanência do Luan até o fim do ano no Grêmio e sim com a retenção de um percentual do passe do jogador numa revenda futura do Spartak após a vitrine da Champions League 2017/2018.

    Hora de APOSTAR no futuro do Luan e LUCRAR….
    E na competência do Renato em continuar achando soluções para o Grêmio…

  • Ilgo Wink

    Li há pouco na zH digital:
    Torcedor Gremista ZH
    A saída de Luan é inevitável, mas derrubará o Grêmio se acontecer agora.

    É de enlouquecer!!!

    • gremiocampeaomundial

      Depois de ver o Grêmio sobreviver à saída do Jardel e repor com Zé Alcino do rival e Afonsão…

      Claro que ninguém gosta de perder jogador bom mas cruzes…

      Único cara hoje no Grêmio que me deixaria mais preocupado se saísse é o treinador.

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Bah, amigo ….. esta última frase é um prato cheio para a ”nossa” Urubulândia, hein !!!!!
        Mas jamais ousaria não concordar contigo, e ”eles” sabem porque (kkkkk).

        Desde 1977 que vejo, leio, escuto e não aceito que um time desmontado é o fim da linha, pois já vi tanta coisa em futebol pelo mundo que isso jamais será um fato.

        É evidente que um time em ótima fase sente um pouco uma ou duas perdas, mas ele com certeza se reinventa, e isso, é o pior dos remédios para os críticos contumazes porque o Grêmio tem Renato Portaluppi que já inventou e reinventou muitas coisas boas pra nós.

        Luan é um ótimo jogador e será na Europa sempre um ótimo jogador, mas é só isso porque ele não é um craque fora-de-série devido a ascensão dele ter sido lenta demais na minha ótica, senão, estaria sendo cobiçado desde os 19 anos igual aconteceu com o ”craque” Gabriel Jesus do Palmeiras, mas Luan não é Gabriel.

        Desde 2014 quando surgiu, o tímido Luan teve altos e baixos, mas é nítido que algumas vaias burras atrapalharam no percurso e a postura diária da ”IVI” criando crises em qualquer grão de areia na Arena do Grêmio também não ajudou e só atrapalhou.

        Que siga seu caminho e seja muito feliz em sua caminhada, pois vai deixar uma grana boa para nosso ótimo gestor seguir sua trilha de regularizar nossas finanças com mais um bom negócio que somados as vendas de Giuliano, Wallace e mais a boa negociação com a Globo está deixando o caixa em condições positivas e aceitáveis para o futuro. Pois é, eu sabia.

    • Ultron

      Lembro também que pintaram o inferno no futuro do Grêmio quando o Douglas machucou o joelho.

      • Francisco Lanferdini Serafini

        Já eu, agradeci aos céus, hehehe.

        • Rodrigo Mello

          Agradecer por uma lesão de um trabalhador honesto é meio forte Francisco, que tu nunca tenha uma lesão forte, verás que é muito difícil.

          • Francisco Lanferdini Serafini

            Não me rogue praga, rapaz.

            E obviamente não fiquei feliz por ele se lesionar, mas sim por ele sair do time.

            Isso vale também ao Maicon e ao Avenida Oliveira.

    • Robert Plant

      Ilgo, existe algo pior do que a ivi: O Gremista corneteiro, aquele a quem os anos de sofrimento acostumaram a ver tudo cinza. Dei no pé de um grupo do whats hoje. O fim do Grêmio foi decretado. É um clima que não quero para mim. Lá em janeiro fizeram coro que Léo Moura era velho, Arthur guri demais, não tinha substituto para Douglas e Walace. Profetas do apocalipse. Quem os ouve, crê piamente que tivessem na direção do clube e em uma década superaríamos o Real Madrid. Digo mais, isso vai além do Gremismo: É a síndrome da hiena Hard har har, do desenho Lipe o leão. A vida é um padecimento para estes. Imagina esse povo atendendo no CVV? Os suicídios aumentariam 2.000%! Mostrei todos os gols das finais da CB 2016 para o meu guri de 6 anos. Delirou. Quer ser sócio, entrar em campo, tirar foto com a taça. Não sou cego, mas a vida já tem vicissitudes suficientes. Otimismo só faz bem à alma. Boa sorte para nós na Arena amanhã, Ilgo!

      • Rodrigo Mello

        Perfeito, tem pessoas que não querem ser felizes, sempre se vacinando para o pior, tá certo que não podemos ser abobados que nem Flamenguistas, que ganham um jogo e já sentem cheirinho, mas também não dá pra ser o oposto.

    • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

      Ilgo, esse Gremista Urubulino José Augusto Barros é o maior corneta do Grêmio que existe na RBS, pois ele conseguiu enxergar problemas na vitória de goleada do Grêmio 5 x 0 Inter na Arena. E ainda insiste em suas teses furadas na coluna Torcedor Gremista ZH toda semana.

      • Fabiano SC

        Guilherme Mazui é infinitamente superior quando escreve para o Gremista ZH, mas acho que ultimamente tem ficado na política/sucursal de Brasília.

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          Sim, Fabiano, o Guilherme Mazui é mais pontual nas suas críticas e não faz cornetas burras e fora de contexto como esse idiota do José Augusto à todo comentário.

  • Deny Camargo

    Esse time do Grêmio provou que por melhor que seja o jogador não sente a ausência de ninguém. Já ficamos vários jogos sem Geromel, Barrios, o próprio Luan e a equipe manteve o padrão de jogo.

    Por incrível que pareça o único jogador que cai bastante o padrão de jogo do time quando não joga é o Pedro Rocha. Ninguém no grupo ataca e defende com a mesma intensidade. Quando ele fica fora o time perde demais ofensiva e defensivamente.

    Não foi por acaso que depois que o Roger colocou o Pedro Rocha no banco nunca mais se achou no Grêmio…

  • Juliano Flores

    O luan saindo agora é ruim pro time mas não me entristece tanto, jogou 3 temporadass e meia e ganhou titulo aqui, sai como a maior venda da historia do clube.

    Acho que esse caminho adotado pela atual diretoria é o certo, fica com o o jogador algumas temporadas e depois vende por um bom preço. Acertadissimo, não tá saindo pelos famigerados 8 milhões de euros de outrora.

    E agora cabe ao professor Renato encontrar novas soluções, nada que não tenha feito inumeras vezes.

  • Lucio

    E o Luan esta indo embora… e agora?

    Agora! CONTINUAREMOS, agora o Renato encontrará uma solução, mais uma, da mesma forma que fez com o Ramiro e com o Michel. Em outros tempos perder um jogador como o Luan significaria abrir mão de qualquer possibilidade de conquista, seria motivo de aflição e pessimismo, MAS HOJE NÃO, hoje temos um time, UMA FORMA DE JOGAR, UM TÉCNICO, sobreviveremos, acredito que novos destaques surgirão em breve.

    E MAIS… não estamos doando o Luan para ninguém como em tempos passados, ESTAMOS FAZENDO A MAIOR VENDA DA HISTORIA DO GRÊMIO, não estamos vendendo um jogador sem ter obtido resultado dentro de campo, SOMOS PENTA!. Parabéns ao Romildo, e obrigado ao Luan por ter HONRADO A CAMISA DO GRÊMIO!

    Agora seguimos em frente!

  • Daniel Scherer

    Sobre o jogo: nada ganho, pezinho no chão, entrar como se tivessemos perdido na Argentina. Se for pelo discurso dos jogadores, direção e treinador, não vejo maiores problemas. Se for pela intenção dos “isentos”, vamos ser eliminados, pois o que eles querem é torcida de salto alto esperando goleada. Então não me preocupo pois acho que o grupo esta blindado contra essa aves de mal agouro. De qualquer forma é jogo enroscado, e não é impossível uma decisão nos penaltis. Esse é o problema que vejo nesses formatos de copa, basta uma cagada e tu está eliminado, e aí joga por terra todo um grande momento. Mas é do jogo e vamos torcer muito.
    Sobre Luan, pra mim é muito mimimi, o Grêmio não é o Luan e o cara queria sair, fazem três meses que o Grêmio tenta renovar e não consegue. Aí vejo criticas a direção, tipo “ah, deveriam oferecer mais pro cara ficar”, mas quem disse que não fizeram isso?? Não basta o clube querer, tem o empresário do jogador, tem o jogador, tem os investidores. “Ah mais se ele ficasse até depois da copa ele valeria o dobro”. E quem disse que ele vai pra copa? E se ele sofre uma lesão grave e fica um ano parado? Então muito muito obrigado Luan, não deu pra ficar até o fim do ano, seja feliz. Cabe agora recuperar Bolanos de uma vez por todas ou mandar pastar, pegar o dinheiro e gastar com muita inteligência. Não vão inventar Tardellis e outros desse naipe para repor.

  • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

    LUAN: Concordo com o texto e visão do Ilgo, do Daniel Scherer, Robert Plant & Outros Gremistas que seguem o Blogueiro por aqui, pois eu nunca critiquei o Luan desde que surgiu nas mãos do fraco Enderson Moreira e logo depois foi lapidado pelo Felipão e Roger, explodindo nas mãos do Renato que consegue algo incrível desde que chegou impondo seu estilo e visão de futebol ”aglutinando” sempre o elenco e o time.

    Como disse abaixo, Luan é ótimo jogador e sempre será ótimo jogador aqui no Brasil e na Europa porque não é um craque fora-de-série, senão, teria sido assediado desde os 19 anos igual aconteceu com Gabriel Jesus que também não é um fenômeno, mas é craque que joga muito futebol e vai se dar bem por lá.

    O Grêmio perdeu o Renato, Valdo (meu grande amigo pessoal desde 1981), Assis, Denner, Jardel, Paulo Nunes, Ronaldinho Gaúcho, Douglas Costa, Jonas, Fernando e vai perder Luan também, mas vai se reinventar como sempre fez e fará em sua história de sucessos, títulos e muitas alegrias contidas de 2002 à 2015, pois somos um time grande e respeitado no Brasil, na américa e no mundo.

    Me criticam por aqui (apenas uma meia dúzia Urubulina) porque me acham oficialista, chapa branca e até de um, PASME, pretendente (jamais) a uma cadeira no conselho por ser sócio com duas cadeiras na Arena e por apoiar esta gestão administrativa, financeira e técnica do Grêmio desde dezembro 2014.

    Mas é evidente demais os constantes acertos de Romildo Bolzan & Cia que com as vendas de Giuliano, Wallace, Luan e mais as ótimas cotas renegociadas com a TV Globo trouxeram para os cofres do clube mais de R$ 265 milhões em pouco mais de um ano dando o fôlego necessário & prometido pelo Presidente na condução financeira devidamente reorganizada pelo clube.

    Um dia, ainda no Boteco do Ilgo a cerca de uns 2 ou 3 anos, este prezado Blogueiro Wink me disse que o meu otimismo era grande e contagiante, mas que ele também acreditava nesta gestão pelo tempo e experiência que ele tem de futebol, e isso me animou mais ainda. Valeu, Ilgo Wink, o caminho é esse.

  • Fabio Scheffer

    Vou ser sincero.

    Quando pintou não gostava do Luan, achava ele um jogador meio mongoloide, e apostava muito mais no Everton (que apesar de mais novo subiu quase junto) no que nele.

    Felizmente para o Grêmio ele evoluiu e se tornou com passar do tempo em um grande jogador, ajudou numa conquista histórica e agora vai ser bem vendido ajudando também os cofres tricolores (olho na chegada do Liverpool na jogada).

    Agora como disse o Ilgo, foco no Godoy Cruz para continuarmos esse agosto na briga por todas as grandes competições que temos !!!

  • Ricardo

    E o Grohe acaba de tomar um frangaço… braço de jacaré com mão de alface

    • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

      Também achei que foi mais um goró, Ricardo, pois passou no meio das mãos dele e era defensável.
      Que pena, mas acho que o Paulo Victor vai ajudar o Grohe, ou a melhorar ou pra sentar no banco.