Grêmio joga melhor, mas só empata

O Grêmio não fez uma grande partida, mas mereceu vencer. Mas alguém lembra de uma atuação impecável do tricolor (ou do Inter) no Bento Freitas?

Deve existir, claro, mas são tão raras que é difícil citar uma. 

Então, não vou fazer parte do Coro dos Eternos Insatisfeitos, que está sempre esperando seu time massacrar o rival, ainda mais quando há um abismo entre as folhas de pagamento de um de outro.

Futebol não se ganha no holerite. Para os mais jovens, contracheque.

Pra mim, o importante é que o Grêmio foi superior ao Brasil, que tratou de se defender e especular um contra-ataque (normalmente em cima do Marcelo Oliveira) e, principalmente, apostando na bola pelo alto. Aliás, foi aí que Gustavo Papa empatou o jogo, depois de Ramiro abrir o placar com muita raça.

O goleiro Eduardo Martini foi o nome do jogo. Fez grandes defesas e garantiu o empate, que mantém o Brasil na luta por uma vaga.

Pelo lado do Grêmio, gostei do sistema defensivo. O goleiro Léo foi bem e não teve culpa no gol.

Na linha defensiva, destaque para Kannemann e Léo Moura.

Os dois volantes foram eficientes, mas sem brilho.

Ramiro voltou a ser destaque pela movimentação, pela entrega e pelo gol.

Miller Bolanos foi bem, mas sem o brilho de alguns outros jogos. Luan continua devendo, embora tenha evoluído nesse jogo em termos de dedicação e espírito coletivo.

Pedro Rocha continua dando razão aos que gostam dele e aos que querem vê-lo longe. Muita irregularidade em 90 minutos. Mas estou entre os que enxergam muito potencial no Pedro Rocha.

Agora, para quem quer brigar pelo título da Libertadores, PR hoje é insuficiente. É preciso alguém com mais qualidade para completar o ataque.

Éverton até pode ser esse jogador, mas é outro que tem a instabilidade como característica.

Em resumo, foi mais um jogo para Renato armar o time para o que realmente interessa: a Libertadores.

A meu ver, o trabalho está no rumo certo.

TAPETÃO 

O Inter aposta tudo no tapetão pra fugir da segundona.

Moralmente, o clube ‘glória do desporto nacional’, como diz seu hino, agoniza em praça pública.

Legalmente, está no seu direito disputar no tapetão a volta para a série A.

Já moralmente…

O Inter perdeu seus dois jogos diante do Vitória. Não somou um pontinho sequer diante do time baiano.

Fosse minimamente competente não teria caído.

Agora, quer conquistar no tapetão o que não foi capaz de conseguir no campo de jogo.

Pior é que tem gente que aplaude.

 

Se gostou, compartilhe!

  • Francisco Coelho

    Um time que não consegue superar a marcação é incompetência da equipe ou dos treinadores?
    Eu sempre deixei claro que não sou o dono da verdade. Todavia, não sou besta nem burro para negar que o cavalo passou encilhado e o Renato não sabia como montar. Roger não conseguiu.
    Tem muita gente que não sabe dos loucos tempos e tampouco foi vivente dos áureos tempos. Mas imagina que sabe tudo.
    Meu tempo é 50. Nunca fui de tribo ou galera. Meus parceiros são dê 48 à 60 anos de convivencia. Meus filhos questionaram mas olhando às fotos se calaram. Foram aorender com o professor Google. Kkkk Kkkk

    • Heraldo

      Como sempre oportunista….

      • COPIÃO DE TUDO

        Só oportunista, e só criticas …..

    • Arthur J

      às vezes pode ser mérito do adversário…

    • Heraldo

      Ops Heraldo errado

  • Heraldo

    O GRÊMIO jogou muita bola ontem e por isso o melhor em campo foi o Martini.
    Nuliveira esta acabando com a equipe, pois não joga absolutamente nada e é condecorado como capitão, é visível que começa aparecer fissuras no vestiário,pois quando escala o pior e ainda o condecora a bolerada simplesmente tira o pé.
    Final do jogo escanteio tosco do bolanos, renato reclama e Bolanos manda renato reclamar do mo.rda

    • Daniel Scherer

      Heraldo creio que o Renato reclamou da devolução do Everton e o Bolanos reclamou deste e não do Renato. Até porque a cagada foi do Éverton que devolveu uma melancia. Minha impressão.

      • Ilgo Wink

        a bronca, exagerada, foi com éverton mesmo

    • COPIÃO DE TUDO

      Amigo, achei que foi com o Everton pelo seu erro.

  • Daniel Scherer

    Gauchão só server para treinar e no nosso caso, criar crise. É como bater em bêbado, se tivessemos ganhado de 5 ontem iriam dizer que ” ah, mas é o Brasil de Pelotas, time de série B”, como empatamos aí o discurso vira ” que absurdo, não ganhamos nem de time de série B”. Fico imaginando se perdessemos, seria uma hecatombe hoje.
    Antes que me corneteiem e me chamem de puxa saco da direção, acho que o time não está bem, Renato deveria começar a testar outras variantes de jogo, principalmente para que o Barrios possa jogar, senão será mais um queimado, Aliás porque não colocar o cara desde o início, Pedro Rocha todo mundo já sabe o que pode dar, vamos ver o cara jogando o tempo todo e para isso o Renato tem que fazer o time jogar pelos lados.
    Acho que não jogamos tão bem ontem como foi falado nas entrevistas, Luan tá muito mal, Jailson vai ser torrado jogando de 5 ele não sabe jogar ali, M. Oliveira continua sendo M. Oliveira ou seja, bom motivador de vestiário antes de entrar em campo, porque dentro dele nem Jesus salva.
    Creio que Renato está deixando passar a oportunidade de dar ritmo aos demais jogadores, sempre entram os mesmos já que Gauchão não serve pra nada a não ser preparar o elenco para o brasileiro e a LA 2017.

    • Fabio Scheffer

      É velho, Jailson de volante mais defensivo tá estranho, acho que o lugar dele é mesmo de 3º no meio (reserva do Ramiro).
      Esperando o Maicon voltar pra colar com o Michel, e ver se com isso o M.Oliveira volta a recuperar o bom futebol, principalmente na parte da marcação, que teve na reta final da CdB.
      Renato tá botando força máxima pq quer decidir na Arena na fase mata-mata e isso eu acho correto.
      O Grêmio tem que ser CAMPEÃO gaúcho esse ano !!!

      • Ilgo Wink

        título do Gauchão, por menos que represente, é HOJE, questão de honra

    • COPIÃO DE TUDO

      Boa leitura, Daniel, e eu também sou taxado aqui de puxa saco desta gestão, mas vindo de onde sempre vem, oremos !!!!!

      Acho que o Maicon vai ajeitar o time com Michel que já mostra ser superior ao Jailson que sucumbiu e sinto que o Pedro Rocha só joga ou se esforça para jogar em gramados bons, senão, some de campo.

      Já o Marcelo Oliveira é de longe a sangria desse time desde a época do Roger Machado e precisa levar uma fisgadinha na coxa de 30 dias para o Renato ”por obrigação” arrumar o time, pois esse joga por ”decreto”.

  • Fabio Scheffer

    Pra mim o negócio agora é o Renato colocar logo o Barrios no time titular, para acelerar o processo de “centroavantização” que o time terá, passar o Luan pra armação junto com o Miller, ou o La Gata quando o equatoriano tiver na seleção.

    P.Rocha e Everton seriam as sombras para um Luan que tem melhorado um pouquinho, mas que tecnicamente ainda tá longe do brilho que teve em alguns momentos no ano passado.

    Quanto ao co-irmão pelo jeito a briga não é mais disputar a serie A e sim não acabar na C ou na D por conta dos e-mails, pdfs e outras falsificaçõezinhas que andou aprontando quando tava desesperado em não cair de divisão.

    Pra eles jogar a serei B em 2017 hoje é lucro !!! hihihi

    • Francisco Lanferdini Serafini

      Também acho que o Barrios tem que entrar logo, mas no lugar do Luan. Pedro Rocha tá fazendo mais que o Luan nessa temporada.

    • Heraldo

      Mas se todo os itens e subitens dos regulamentos do futebol fazem eles caírem pra C ou D, se jogarem a B,podemos dizer que subiram no tapetão. Correto!

  • Francisco Lanferdini Serafini

    Pedro Rocha é inconstante, mas muito mais útil que o Luan. Inclusive, ontem, o Luan pegava a bola, driblava para trás e passava para o lado. Pedro Rocha criava espaços e tentava avançar. Ou seja, ele é muito mais importante que o Luan nesse começo de temporada (e olha que acho o Pedro Rocha ruim). Bolaños não consegue jogar mais, pois está cercado de gente ruim. Léo Moura não vem comprometendo, mas lá na frente deixa a desejar (foram raros os cruzamentos e cobranças de falta em que ele acertou). Jaílson foi péssimo, enquanto o Michel foi bem. Jaílson, infelizmente, não pode jogar de volante. No gol do Papa, ele não o marcou direito. Ele é reserva do Ramiro, no ponto de vista. E para finalizar, o pior em campo disparado foi o Marcelo Oliveira. É por conta desse cara que não espero nada do Grêmio esse ano. Ano passado não esperava nada por esse mesmo motivo, mas o Grêmio conquistou o Penta. Beleza. Mas esse ano eu não espero nem o tri da Libertadores e nem do Campeonato Brasileiro. O hexa, quem sabe…

    • Fabio Scheffer

      Pedro Rocha sem duvida começou melhor o ano e taticamente sempre foi importante.
      Mas Luan tem um potencial maior e nas condições certas pode ser um jogador muito bom com lampejos, veja bem eu disse lampejos, de craque.
      Gostaria de ver ele mais como um armador, trocando de posições com o Miller e o Ramiro, criando e deixando a função de homem de área matador com o Barrios.
      Aí se não render, saí e abre vaga pro P.Rocha, Everton ou La Gata.

      • Francisco Lanferdini Serafini

        Pois é… O Luan tem que jogar livre, de repente mais para trás consiga jogar um pouco mais. Mas sei lá, vejo que o problema dele nem é onde ele joga (pois de falso 9 ele já mostrou ir bem), mas sim ser meio sono. Parece que não quer mais ficar no Grêmio.

    • Heraldo

      Nuliveira não joga nada,isto é fato! O Renato não se diz o cara,então padeiro, hora da ousadia, Pedro cafu Rocha na lateral esquerda,Barrios na frente,teríamos chegada com qualidade na esquerda e direita. Ontem dois lances salvos por martini,um com Luan outro com Bolanos que se não fossem fominhas o Barrios varoa 2gols.

  • Fabio Scheffer

    E o Grêmio já tem seu novo “Rui Costa”.
    André Zanotta, o poliglota, que pesquisando li que foi mais ou menos no Santos e um fracasso no Sport Recife.
    Acho a função hoje em dia importante, principalmente na lida com empresários de jogadores, então tomara que esse tal Zanotta tenha competência e faça um bom trabalho aqui no Grêmio.

  • Ricardo Sirangelo

    Eu tou até agora tentando entender por que o M. Oliveira cabeceou aquela bola pra escanteio (lance do gol deles). Era um balão pra ninguém, ele estava sozinho a 3 metros da lateral e a 15 da linha de fundo. Se ele NÃO EXISTISSE seria tiro de meta e o Brasil nunca faria um gol…

    • Francisco Lanferdini Serafini

      Contra o Palmeiras, ano passado, na Copa do Brasil, ele fez um escanteio bobo e depois não marcou o cara que fez o gol. Esse é o nível de demência desse jogador! E é o nosso capitão… Tá muito errado isso aí.

  • Alexandrebg

    Ando preocupado com a situação do binter. Eles moverão o mundo, pagarão quanto precisar, venderão a alma, comprarão todos que estiverem a venda, para reverter o rebaixamento…
    E olhando para as pessoas que decidirão a questão… fico muito preocupado.
    Que chegue logo o dia da primeira partida deles pela Série B, para que eu durma tranquilo.

  • Deny Camargo

    O Pedro Rocha não merece perder a titularidade. É o jogador que mais evoluiu no plantel do Grêmio. Este ano tem apresentado uma nova virtude que é dar assistências como a que deu pro Bolanos no Grenal e pro Leo Moura contra o Zamora.

    O desespero do Guerrinha para que o Pedro Rocha saia do time é prova cabal que ele deve permanecer. O mesmo Guerrinha que defendia o irregular Douglas porque sabia que com Bolanos, 5º maior artilheiro do mundo em 2015, o Grêmio poderia dar uma grande salto de qualidade…

    O Roger estava fazendo um grande trabalho no Grêmio até tirar o Pedro Rocha do time. Depois disso nunca mais se encontrou (e penso que perdeu a confiança do plantel que viu que ele não era o novo Guardiola como alguns defendiam…)

    • gremiocampeaomundial

      Respeito e considero sua visão como a de todos os colegas, mas continuo procurando o tal trabalho espetacular do ESTUDIOSO.

      Brother, o Guardiola original é bom treinador mas NÃO é supergênio E ainda pode cima é bom “bom” mesmo. “Bonzinho-dá pro gasto”. Bom MESMO – e eu já dizia isso há três anos atrás – é o Conte,

      Toque toique é improdutivo. Dá certo se o adversário entra na pilha, se desconcentra, Mas é muito fácil controlar e muito dificil executar.O Guardiola perdeu pro primeiro esperto que escalou doze atrás da linha da bola em 2013.

      Conte é trienador de ponta de verdade. É manhoso, malandro. Virei fã dele há anos como falei quando vi ele dizendo que treinador de futebol antes de qualquer cosia tem que ser psicólogo. Se achar que o trabalho é só mexer em peças e rabiscar prancheta, pode dar certo aqui e ali. E só.

      Os adversários usuais do Barcelona na La Liga são ridiculos exceto o RM, mais uns 2 ou 3 que podem aprontar, e o resto é Osasuna e Celta de Vigo (e mesmo esses aprontam de vez em quando).

      Pra concluir, até pq nao tenho nada contra o Guardiola e sim contra o toque taque e a fé cega e dogmática de alguns, tem méritos nesse caso do Douglas Costa. E o ESTUDIOSO pegou um time pilhadissimo correndo ao triplo pra rebater o Felipão. Passou o “efeito”, começou os treinos em salinha de três tatames.

      • Deny Camargo

        Eu também nunca fui fã do Roger. É o treinador mais teimoso que já vi desde que acompanho futebol, além do mais tem a pior leitura de jogo (se é que tem) realizando substituições esdrúxulas que sempre pioravam o time.

        O que o manteve no cargo foi a sua retórica vazia, mas apreciada pelos “ESPN boys” e a sua postura de bom moço.

        Com todos os defeitos que possa ter Renato é muito mais treinador. Só que o Renato não faz o jogo da mídia.