Inter festeja, Grêmio chora e RG ri

O Inter fazia um jogo de seis pontos contra o Flamengo. Empatou e saiu de campo comemorando. Se Guinazu não tivesse sido expulso, de maneira infantil é preciso ressaltar, o Inter talvez tivesse vencido e hoje estaria em melhores condições de brigar até pelo título. Ninguém culpou o volante argentino, até porque havia um curioso clima de euforia no Beira-Rio. Ninguém parecia preocupado em encontrar culpados.

Já o Grêmio voltou a perder, mantendo a rotina deste ano, entra treinador, sai treinador. E isso significa que o problema é o time.

Ao perder, ouvi comandantes gremistas responsabilizando o Rafael Marques. Se o zagueiro não tivesse levado cartão vermelho a poucos minutos do final o Grêmio teria garantido o que? Uma vitória? Longe disso. Um empate. Rafael Marques foi culpado, segundo ouvi das profundezas da sepultura, digo, do vestiário tricolor, por ter impedido o empate glorioso contra o estupendo time do Atlético Goianiense, cuja folha salarial é 15% da gremista.

Rafael Marques cometeu uma falta na intermediária do ataque goiano na tentativa de evitar um perigoso contra-ataque. Um falta justificável. Diferente da infração do Guinazu, que levou o segundo amarelo por simular falta dentro da área para faturar pênalti.

Ninguém culpou o argentino. Já o Rafael Marques foi condenado às labaredas do inferno.

Uma desculpa ridícula e covarde para outro fracasso gremista no campeonato. Querem ofuscar o fato de que o Grêmio, ao longo dos 90 minutos, teve apenas uma chance clara de gol. Uma metida, uma não, a única metida do Douglas no jogo, que deixou o Miralles livre para marcar. Miralles, que nunca foi goleador e nunca será, chutou desviado.

Então, em vez de se discutir o principal, que é a incompetência ofensiva do time, se prefere culpar um zagueiro. Pelo futebol do time, arrisco dizer que o Grêmio perderia mesmo se continuasse com onze em campo.

O Grêmio está mal. É preciso admitir que Celso Roth fechou a peneira defensiva. Os adversários já não criam tantas chances de gol. Mas a que preço?

A impotência ofensiva do time aumentou com a chegada do Roth. O dilema do treinador é continuar com uma defesa mais sólida, mas ainda distante da ideal, e ao mesmo tempo ser mais efetivo e criativo na frente. É um problema difícil, porque falta qualidade no ataque desde a saída de Jonas, conforme tenho repetido aqui como um disco vinil arranchado.

Se Roth não arrumar a casa, ou seja, dar mais equilibrio a esse time, o Grêmio corre mesmo o risco de cair.

INTER X RG

RG deixou o campo dizendo que sempre se deu bem no Beira-Rio, lembrando, é claro, o que fez pelo Grêmio no tempo em que era amado e idolatrado pela metade do Rio Grande do sul.

Quando RG ajeitou a bola para cobrar a falta, a TV mostrou seu rosto. Eu previ: ele vai bater no lado de fora da barreira. Não deu outra. Houve falta de um jogador do flamengo, que empurrou a barreira para a bola passar.Mas valeu o gol.

No final, Damião, sempre ele, fez um golaço e evitou a derrota colorada em pleno Beira-Rio diante de um concorrente direto pelo topo da tabela.

GRE-NAL

Roth entrou com três volantes ontem. Ele havia acenado com Marquinhos e douglas, mas, covarde, preferiu a retranca, como sempre. No Gre-Nal, deve ir com quatro volantes e dois goleiros.

Agora, falando sério, a suspensão de Adilson abre espaço para o guri Fernando, estrela da seleção sub-20 ao lado de Oscar, começar de titular.  É Fernando ao lado de FR e Gsilva. Douglas continua, claro. Roth talvez coloque mais um marcador e tire um atacante. É o Roth. Ele é assim, chegado numa retranca.

Se gostou, compartilhe!

  • R Fernando

    O problema não é se defender, mas abdicar de atacar. Qual o problema de jogar com dois armadores de origem, como Douglas e Marquinhos e mais dois atacantes. Não entendo. Só se defender não dá. Quem sabe a vitória não vem no Grenal ? Afinal, o ditado diz que tal jogo sempre arruma a casa. Olha Ilgo, não vou ficar chorando leite derramado, mas o Grêmio vem desde o fim da época de Renato desorganizado. Mesmo sabendo que reforços não vieram. Mas friamente, padrão de jogo o Grêmio não tem faz horas. O gol do Atlético-Go foi um achado. O Vitor, larguei de mão, acho que não deveria ficar nem no banco. Deveria ficar treinando pra recuperar a forma e até como forma de preservá-lo, já que ele mesmo reconhece a má fase. O time do Grêmio, precisa de uma liga que ainda não aconteceu.

    abs,

  • Ilgo!

    Não vi o jogo, pois estava atuando como fiscal da OAB no exame realizado ontem, mas vou tecer algumas ponderações sobre os comentários que ouvi entre ontem e hoje.

    Primeiramente, antecipo que mais uma vez estamos lutando por algo valioso (NÃO CAIR OUTRA VEZ). Não acredito que o Grêmio possa desenvolver um bom futebol, uma porque não temos ataque, defesa e laterais.

    Vi o compacto pelo site da globo, no primeiro tempo o Grêmio teve volume de jogo, não teve foi competência, coisa totalmente normal ultimamente. Nós tivemos duas chances de gol, uma com Douglas num chute na frente da área, que passou raspando e o goleiro não chegaria nunca na bola, outra foi o gol que o Miralles perdeu, pelo amor de Deus, um gol daqueles não tem como perder, mas ele perdeu. Ah! o Atlético também teve uma chance clara de gol.

    Já o segundo tempo foi lamentável. Com o Grêmio totalmente perdido e com nova falha do Victor (isso tu não falou Ilgo!), mas para sorte desse fabuloso, magistral, extraordinário goleiro de seleção, o atacante estava empedido.

    Ratifico aquilo que já escrevi antes… Gabriel, Lucio, Adilson, Rafa Marques, Vilson, todos reservas… ou iremos mergulhar novamente na segunda divisão.

  • Hillary

    Olha, quando há necessidade de troca por expulsão(na otica dele|) e ele tira o unico e melhor atacante pra colocar o Lucio na direita, acho que realmente chegou a hora de rezar… e muito!!!

  • Hillary

    Ilgo, vou discordar de ti quando diz que o problema é o time.O problema no Gremio de 2011 chama-se simlesmente : falta de cadeia de comando.A partir da funesta eleição do odono, todos começaram a ver como as coisas iriam transcorrer.Disputa de vaidades, guerra de bugios, interesses grandiosos fora do clube, pessoas despreparadas e outras coisas, culminando com as negociacoes de meses a fio com um vigarista pra trazer um jogador que os verdadeiros gremistas odeiam, detestam e que queriam enfiar golea baixo da torcidade.A partir dai, o abismo foi aberto e estamos ainda procurando o fundo.É ingenuidade acreditar que os jogadores não sabem da nada, de quanto a torcida detesta e abomina o derroth, de quanto a torcida quer ver o odono pelas costas pq não respeita ele e assim vai.
    Pq eles vão jogar a morrer por estes dois se no 2° dia a torcida já queria ver o treinador pelas costas??
    INfelizmente a soluçao é muito mais profunda e dolorosa que apenas trocar de tecnico!!!

  • rauru

    Ilgo, tudo bem? Quem sabe tu investiga isso e mata a questão? Diz respeito às profundezas em que o nosso glorioso está enfiado e não vê luz alguma pra sair. Dia desses, foi notícia a condenação do clube a pagar cerca de 1 milhão (não lembro se US$ ou R$) a uma agenciadora de “craques” em comissão ainda pela vinda (não pela ida) do Amato e Astrada (lembra deles?). Só essa notícia, eu, pelo menos, não vi em lugar algum explicação pra tão estranha questão. Afinal, qualquer guri que hoje aplique uma “janelinha” num bêbado no meio da rua se arrisca a ser cercado por um “empresário” que vai investir nele até onde puder pra ganhar sua “comissão” quando o guri tiver seus “direitos econômicos” transferidos pra alguma eventual potência estrangeira. E essa comissão vai sair da parte do guri. Pq, então, quem trouxe aquelas “nabas” portenhas, teria prometido, além do pagamento de “direitos econômicos” que não devem ter sido baixos (o valor do dólar era outro…), comissão de “compra” pra essa tal de agência? E pq ninguém do Grêmio conseguiu encontrar documento algum comprovando que a agência não teria nada a reclamar?

  • ilgo

    Rauru, a agencia é a Bahia, se não me engano, e tem a ver com gente da Espanha, por incrivel que pareça.
    essa agencia foi intermediaria na vinda dos dois ‘craques’.
    foi no tempo da ISL, um tempo que rolou muito dinheiro, respingando para muitos lados.

  • ilgo

    Hillary, em qualquer negocio qdo se começa errado, a tendencia é que continue errado e termine errado, ou mal.
    os erros de uma direção que não era afinada no início deram nisso que a gente está vendo, um time apenas razoável, sem atacante de qualidade.
    vamos comparar o ataque do Grêmio com os outros ataques dos principais times. é covardia.
    O desmoronamento começou no topo, não na base.

  • Rafael M.

    Enquanto não tirar o Victor, o Grêmio vai perder sempre, pois não fará gols. Esse ataque improdutivo é culpa do Victor, ele não merece nem ficar no banco. Quando ele sair, o Grêmio volta a fazer gols, não sei como o Roth não vê isso…

  • Francisco Coelho

    O técnico Ney Franco, que comandou o Brasil no certame disputado na Colômbia, destacou a importância do volante gremista na campanha vitoriosa da equipe e disse que ele pode se tornar o maior “ladrão” de bola do futebol nacional:

    – Eu acho que está pronto. Foi outro jogador determinante na nossa campanha. Quem acompanhou o Mundial viu que jogamos apenas com um volante de pegada. Pra nossa felicidade, o Grêmio tinha este jogador. Optamos por jogar desta forma, pois o Fernando sabe atuar assim. O Casemiro era um volante que saia mais e o Oscar jogava pela esquerda. O Fernando tem a possibilidade de ser o maior “roubador” de bola do futebol brasileiro – disse Ney Franco.

    Tá no clicrbs; palavras de quem entende e é campeão. Foi quem levantou o Coritiba e formou a base.

    Amanhã pretendo assistir ao Sport x Vila Nova. Vou ver Maylson, Viçosa e provavelmente Bégson. Logo verei também o Roberson pelo que estão falando.

  • Para ganharmos o Grenal precisamos da seguinte equipe!

    1. Marcelo Grohe
    2. Spessato (ou Mário Fernandes, mas preferio o Mario num esquema de 3 zagueiros)
    3. Edcarolos (foi contratado, não é prata da casa, então vai jogar certo, nem me lembro do futebol dele, mas ele vai jogar)
    4. Gerson (baita zagueiro, alto e com personalidade, coisa que está faltando na equipe)
    5. Mario Fernandes (ou Saimon)
    6. Julio Cesar (ou Bruno Collaço)
    7. Fabio Rochemback
    8. Fernando
    9 Brandão ou André Lima (os dois são cabeça de bagre mesmo)
    10. Douglas
    11. Leandro

    Coloquei o Gilberto Silva no banco, assim como Gabriel e Lucio.

  • Valores do ingresso para o Grenal:

    Cadeira Central: R$ 60,00

    Cadeira Lateral: R$ 50,00

    Arquibancada: R$ 40,00

    Com o futebol apresentado até aqui, a direção do Grêmio deveria colocar o ingresso a R$ 10,00 com direito a um acompanhante.

  • Francisco!

    O Sport anunciou a contratação do Roberson!

  • Looking forward to reading more. Great post.Thanks Again. Really Cool.