Luxemburgo, Cris e as nossas escolhas

Ficar ou não ficar com Luxemburgo, eis a questão. Lendo e ouvindo alguns comentários de fonte vermelha, que insistem em colocar o nome de Celso Roth na roda, fico inclinado a manter o técnico de passado vitorioso e presente perdedor.

Pela lei das probabilidades, depois de disputar cinco competições e não erguer nenhum troféu a sinalização é que Luxemburgo está cada mais próximo de um título.

O problema é que esse título pode não vir ainda neste ano, o que é muito provável diante do quadro de incertezas e das nuvens escuras que pairam sobre o Olímpico e a Arena.

Eu não tenho todos os elementos para uma tomada de decisão racional. Também não integro o tal conselho de administração do clube – infelizmente para o clube e também para mim -, que hoje irá reunir-se para deliberar se Luxemburgo fica ou não fica.

Se prevalecer o emocional, Luxemburgo não continua. É fácil para alguém de fora, sem compromisso maior com a gestão, dar palpite ou opinião. Não terá de arcar diretamente com as consequências.

Uma questão que deve ser pesada: o Grêmio tem como bancar uma indenização de 6 milhões de reais?

Ouvi o dirigente Nestor Hein, sempre procurado e facilmente encontrado para dar entrevistas, dizer que essa indenização não seria obstáculo porque aí seria coisa de clube pequeno.

Sendo assim, se dinheiro não é problema – o que eu duvido – e considerando o trabalho de Luxemburgo até aqui, a tendência é de que ele será mesmo demitido.

Agora, eu tenho convicção de uma coisa: não fosse a indenização, Luxemburgo só voltaria a Porto Alegre para cuidar do seu negócio com vinhos.

ORIGEM

Já escrevi muitas vezes: nós somos responsáveis por nossas escolhas e por tudo o que resulta delas. Isso vale para o futebol e para todas as coisas.

Quando algo começa mal, é improvável que termine bem.

Quando Paulo Odone manteve Renato Portaluppi como treinador mesmo querendo outro, ele deu o primeiro passo para o seu fracasso em 2010.

É preciso aprender com os erros do passado. Mas nem sempre se aprende e os erros se repetem. No futebol isso é muito comum, rotineiro.

Dois anos depois, Fábio Koff fez a mesma coisa: ficou com um treinador que ele não queria.

Nas duas situações, os dirigentes estavam respaldados pela voz das arquibancadas.

Odone ainda tinha mais razão para manter Renato, que havia pego o time ameaçado de rebaixamento e o conduziu à ponta de cima da tabela, e isso sem contratações milionárias.

Se a atual direção ouvir de novo o clamor da torcida, a mesma que gritou ‘fica Luxemburgo’ – praticamente intimando Koff a renovar o contrato do treinador -, terá de demitir Luxemburgo.

Mas, seja qual for a decisão da reunião marcada para esta segunda-feira, que seja resultado de análise e avaliação sensata e racional.

Que o torcedor que existe em cada dirigente fique do lado de fora da sala.

BOLÍVAR

A eliminação prematura da Libertadores tem várias causas. Algumas subjetivas. Outras obscuras.

Mas há as causas bem objetivas, cristalinas. Por exemplo, o pênalti desnecessário cometido por Cris no jogo de ida contra o Santa Fé.

Sem o pênalti e o consequente gol, o Grêmio estaria classificado.

Hoje, ninguém estaria lamentando o gol perdido por Vargas no finalzinho do jogo na Colômbia.

Curioso: no dia seguinte ao jogo, setores da imprensa – aqueles já muito conhecidos – especularam que Vargas não ficaria mais no clube. E isso que Vargas teve boa atuação.

Não li ninguém especulando sobre a saída de Cris, Fábio Aurélio, Marco Antônio…

BOLÍVAR

Falando em Cris: no ano passado, eu sugeri a contratação de Bolívar, que estava deixando o Inter. Houve boatos de que ele poderia ser contratado pelo Grêmio. Houve rejeição total dos torcedores gremistas.

Bem, não veio Bolívar. Veio Cris.

Cris afundou e Bolívar é campeão no Rio com o Botafogo, aquele que ‘nunca chega’, mas que com Bolívar chegou.

Nesta segunda-feira, ele pode ser eleito zagueiro da seleção do campeonato carioca.

Nós somos responsáveis por nossas escolhas.

Se gostou, compartilhe!

  • Francisco Coelho

    Ilgo; pela lei das probabilidades o raio cai sim no mesmo lugar…
    Pergunta para qualquer campeiro se sai em cavalo de olho claro ou baio em dia de chuva ou carregado…
    Mas mudando para o futebol mais custou ao Grêmio à saída da LA que demitir Luxemburgo e o MA, Cris…
    Minha única preocupação é quem virá, pois a listinha dos especialistas (Renato, Roth, Adilson) não me agrada e é trocar 6 x 0.
    Além de trocar o treinador tem de trocar é a filosofia, pois o Grêmio vencedor sempre teve jogadores medianos e com crias da casa onde 1 ou 2 eram as estrelas. Jogadores medianos é forma de expressão, pois qualquer dos medianos tinha mercado nos melhores cubes…
    Não adianta ter um elenco de ESTRELAS, pois já se sabe que termina dividido em grupos e não ganha nada.
    Minha visão é uma BASE de jogadores da casa (BASE) com contratações pontuais onde houver deficiência como a meia direita.

  • Francisco Coelho

    Claro que cada um tem suas preferências, mas eu prefiro um treinador esfomeado e que saiba trabalhar com escassez, pois este vai mostrar serviço se tiver ambição. Pode ver que quando tem demais os treinadores se perdem. Treinador que promete muito também não me serve, pois de promessas e boa intenção o inferno está lotado.
    Os que estão na espera: Dorival Júnior, Mano Menezes,
    Que sabem montar equipe: Carpegiani, Cuca, Nelson Baptista Júnior
    Promessas comprovadas: José Teodoro Bonfim Queiróz, Marcelo Martelotte, Augusto Sérgio Ferreira

  • MAZEMBIANO

    Ilgo eu concordo que tem que ter muita calma sim, mas discordo da tua frase “que o lado torcedor fique de fora na hora da análise e decisão sobre Luxemburgo”…porque se o Grêmio tivesse o lado torcedor prevalecido até agora, nós não estgariamos nessa situação pois nem a renovação com Luxa seria feita pela convicção da direção que ele não era o cara! Outra coisa, discordo dessa sua opinião do Bolivar, porque não era a contratação dele negada pelos torcedores que trouxe o Cris foi o Luxa,pois o que viria seria o Lugano, que nem vou comparar com Bolivar, que é um bom jogador, mas as coisas que ele sempre falou em grenais deram essas margens de contrariedade perante a torcida…na minha opinião que já falei antes, se dinheiro não é problema, tem que mudar, porque se não vamos até Junho ou Julho e com os problemas internos que esta vai tropeçar la na frente de novo…mas acho que precisamos de um nome forte na direção porque essa história de o Luxa não deixar ninguém assistir palestra da direção é uma calamidade assustadora do sr. Rui Costa…Concordo que tem que se dar chance a base, porque temos futuro com alguns jogadores,mas pra isso tem que liberar os bruxinhos do Luxa…

  • Getulio

    Nestor Hein é um dos poucos lúcidos dessa atual gestão do Grêmio, os outros são um bando de ressentidos usando o clube pra desforra pessoal.

  • MAZEMBIANO

    O Tite hein…parabéns, baita profissional!!! E ele não precisa vender vinhos e usar jatinhos…

  • Querubini

    Pelas conclusões expostas pelo Ilgo e pelos atentos comentários, parece que a solução para o problema atual deve partir de uma forte intervenção da Direção do Grêmio, caso contrário de nada adiantará tirar ou deixar o Luxemburgo. Acredito que dá para o Luxemburgo permanecer, mas desde que seja revista a sua atuação e limitado os seus “poderes”. Como ele mesmo já disse em uma das suas coletivas, “treinador treina, dirigente dirige”. Na verdade, observo a falta de unidade da Direção e a omissão em vários pontos, a exemplo do marketing de nosso clube e a perda de sócios. Enquanto os gremistas não se unirem em torno daquele que deve ser nosso maior ideal – time campeão e imponente – nada vai mudar. É nesse momento de crise que os gremistas devem se mobilizar e ir até o Olímpico exigir mudanças de postura, com direção mais ativa e time comprometido, exigir um maior número de atletas formados na base, mandar embora os bruxos e limitar o treinador apenas a bem treinar. Fazendo isso os resultados positivos apareceram.

  • Querubini

    corrigindo a última frase: “Fazendo isso os resultados positivos aparecerão.”

  • juca

    Algumas medidas pro Grêmio ficar mais próximo de ser Grêmio:

    Demissão do Lixemburgo. Rescisão com o Cris, Tony e o Fábio Aurélio. Talvez o Dida. Devolução do André Santos e do Welliton. Se o Zé se fresquear, manda ele embora também. Negociar o Gluty com outro pato. Negociar o Tony e o Tonho. Não contratar o Renato. Apostar nos guris da base (por que diabos mandaram o Fabián embora?) e em jogadores em times menores.

  • Querubini

    O resto é tudo ações da IVI explorando ao máximo esta fase ruim. Tanto que agora a bola da vez sai um pouco da Arena e vai para a desejada “saída do Luxemburgo”. Mas não esqueçam que a IVI fez pressão pela renovação, tentando jogar a torcida contro Koff. Como diz o RW, são invencíveis.

  • MAZEMBIANO

    Querubini respeito tua opinião, mas te faço um contraponto, se o Grêmio em decisões ou pré decisões, não consegue jogar pra ganhar até pelo estilo de jogo, como podemos aguentar mais uma vez o trabalho de Luxa? Não adianta a gente ali na frente vai cobrar, pois acabou o crédito dele, porque os resultados mostram, imagina ele explicando a inclusão do Cris de novo pra torcida que nem o Luxa aguenta mais…

  • Querubini

    Mazembiano. Bom, minha opinião acima se apóia numa premissa de escolha de manutenção do Luxemburgo pela Direção. Ou seja, mesmo mantendo o Luxemburgo seria possível uma solução para melhora do time? Eis a minha resposta: apenas com uma mudança de atitude da Direção. Ah, e quanto ao Cris, por mim já rescindia ontem.

  • Cláudio

    Pelo amor de Deus, o gremio já tá com problemas suficientes, não vamos mandar embora os jogadores bons. Me refiro ao Dida. Acho que não dúvida da qualidade dele, depois do jogo de quinta. Não entendo essa paixão pelo MArcelo Grohe, que é no máximo, um bom goleiro. Dida é superior, passa segurança pro resto da defesa e fez tres milagres na ultima partida. Não é por ai a solução. Deixem o Dida quieto fazendo o trabalho dele.

    A solução passa por uma intervencão da diretoria no futebol, pois Luxa é um ditador, tem plenos poderes. Mas a questão é, será que o Luxa aceita essa intervenção: Acho difícil. Ano passado tinha o Pelaipe, que pode ter todos os defeitos, mas apitava alguma coisa no vestiário, contornava as situação. Moreno fez 22 gols. Agora Luxa está sozinho, manda em tudo, brigou com o Paixão, com o Gabriel, com o Moreno, com o Vilson, com o Barcos. Quem colocar no futebol: Chitolina está sendo engolido. Até acho que ele tem competência e gremismo suficiente, mas é verde. Precisamos de um cara cascudo, um “pelaipe”, um “cacalo”, alguem que pode as asas do Luxemburgo. Esse carioco tá se achando e vai acabar com o Gremio se tiver plenos poderes. Bem vigiado, ele rende mais e quem sabe volta a ser um tecnico vitorioso que foi no passado.

  • Só pode ser piada, quem acompanha um pouco a IVI sabe que o NESTOR HEIN é um dos tricolores aliados a IVI. Durante a gestão anterior estava na Radio Guaiba quase todos os dias pela manhão no programa do Rogério M. e dele pau na diretoria e no Grêmio até concordava quando o Rech entra no programa e mete o sarrafo no Grêmio na Arena efim é um programa de colorado com participação de colorados ivis, e tricolores aliados aos mesmos.
    Se Presidente e diretores atuais soubessem fazer futebol o Grêmio não estaria assim. O Koff desaprendeu tudo e o resto nem da para acreditar que estão onde estão. O NH até de um programa saiu brabinho e não ficou para o embate e defesa do Grêmio. Esperar o que. Acho que todos deveriam renunciar em prol de uma juventude para comandar o Grêmio.

  • Francisco Coelho

    A Seleção Brasileira Sub-20 começou com goleada a série de amistosos que disputará no Espírito Santo. Nesta sexta-feira, com gols de Fernando Baiano, Vinicius Araújo, Erik e João Schimidt, o time do técnico Alexandre Gallo bateu o E.C. Aracruz por 4 a 0.

    Brasil :1. Matheus Vidotto, 2. Lucas Faria, 3. Jubal, 4. Doria e 6. Douglas Santos; 5. Matheus Biteco 7. Giovanni, 8. João Schmidt e 10. Erik; 9. Vinicius Araújo e 11. Fernando Baiano.

  • MAZEMBIANO

    Querubini pensamos o mesmo então…
    Alguém viu o Bate bola TV COM hoje? Pra mim o Nestor Hain deixou claro que por ele o Luxa já era, e que também ao lado do Pelaipe ele é um guri no vestiário…o Pelaipe as vezes falava por ele e dava exemplos pras perguntas dos “isentos” de uma forma de alguém com convicção e o NH parecia que ia se encolhendo de vergonha, e na pergunta se assistia a palestra se esquivou e disse que não sabe se o Chitolina assiste…lamentável, tem que entrar no vestiário e olhar na cara dos jogadores e apontar o dedo e colocar na ferida sim! Não tem como melhorar com Luxa no comando, vai só se criar grupinhos separados…o Chitolina e o Rui Costa tem que tar junto e cobrar!!!Que seja do próximo técnico!

  • Rafael M.

    O João tem razão, esse Hein é outro caranguejo, tipo o Haroldo Santos. Quando no poder, ficam mamando. Quando fora, ficam malhando.

  • Daniel Marcelo de S. Scherer

    Uma modesta contribuição para refletir um pouco: Será que o problema é só trocar o treinador?
    Se for, qual a bola da vez? Muricy, Nei Franco ou Dorival, porque os outros já vieram e pelo jeito são incompetentes também.

    Treinadores Grêmio 2001 – 2013

    Inicio Final Nome Titulos
    jan. 2001 jun 2003 Tite Gaúcho de 2001 e Copa do Brasil de 2001
    jun. 2003 Cléber Xavier (interino)
    jun. 2003 jul 2003 Darío Pereyra
    jul. 2003 ago 2003 Nestor Simionato
    ago.2003 jun 2004 Adílson Batista
    jun. 2004 set 2004 José Luiz Plein
    set. 2004 out 2004 Cuca
    out. 2004 dez 2004 Cláudio Duarte
    dez.2004 abr 2005 Hugo de León
    abr.2005 dez 2007 Mano Menezes Série B de 2005, Gaúcho de 2006 e 2007
    dez 2007 fev 2008 Vágner Mancini
    fev. 2008 Julinho Camargo (interino)
    fev. 2008 abr. 2009 Celso Roth
    abr 2009 maio 2009 Marcelo Rospide (interino)
    maio 2009 nov 2009 Paulo Autuori
    nov 2009 Marcelo Rospide (interino)
    dez. 2009 ago 2010 Silas Taça Fernando Carvalho 2010 e Gaúcho 2010
    ago. 2010 jul 2011 Renato Portaluppi Taça Piratini de 2011
    jul. 2011 Roger (interino)
    jul. 2011 ago 2011 Julinho Camargo
    ago 2011 dez 2011 Celso Roth18 25
    jan 2012 fev 2012 Caio Júnior 8
    fev 2012 fev 2012 Roger (interino) 1
    fev 2012 Vanderlei Luxemburgo

  • MAZEMBIANO

    A imprensa vermelha se supera mesmo…agora a questão é que o Luxemburgo é “especialista” em pontos corridos…o suicídio é um dever…o cidadão perde 6 campeonatos, tem o grupo reformulado,manda em muita coisa,ganha bem e ainda assim, se espera que ele ganhe o brasileiro que é muito difícil,em vez de cobra-lo por alguns torneios que seria mais fácil…aí esperamos e ele consegue a 4 ou 6 lugar e la se foi, mais um ano de R$ 700,000.00 mensais…a renovação já não era pra acontecer,mas foi feita e mais trajédia aconteceram, então analisar uma nova chance pra que?Contra fatos não há argumentos!!!O Koff tem errado também e muito, mas dou crédito ainda pra ele, em virtude desses problemas da arena, mas também esta muito mal assessorado, pois esse Rui Costa com discurso fino e calmo, o Chitolina com discurso que parece que ta lendo o que vai falar, é dose…precisamos de gente de postura forte e cobrador…sei que o Pelaipe tem seus erros, mas perto desses aí nossa é uma imensidão de competência, embora com ele os fracassos de 2012 também aconteceram…

  • MAZEMBIANO

    Ouvi a entrevista do barcos agora a tarde e ele disse que o Luxemburgo não falou com eles ainda…lamentável, muito lamentável! E ele respondeu as perguntas com um tom de indignação, na qual imagino estar descontente com o comandante seja por sua posição em campo e pela tal briga que ele negou…agora, continuar com o Luxemburgo é errar novamente, empurrar o carro e ele apagar logo ali na frente…ir contra a torcida nessas horas não é recomendado…mas esperar o que desses diretores Rui Costa e Chitolina, não tem competência para tomar decisões…e pergunto aos amigos dado o contexto é aceitável uma derrota domingo com a mesmo bolinha?

  • Francisco Coelho

    WL
    Anos Clube Jogos Vitórias Empates Derrotas Aproveitamento
    2005 Real Madrid 44 27 6 11 68,1%
    2006-2007 Santos 141 82 26 33 64,3%
    2008-2009 Palmeiras 110 40 30 40 37%
    2009 Santos 26 9 8 9 49,9%
    2010 Atlético-MG 53 22 12 19 52,8%
    2010-2012 Flamengo 73 35 27 11 60,3%
    2012-2013 Grêmio 73 45 14 15 67,5%

  • Rafael M.

    Eu ouvi a entrevista. O Barcos parecia irritado com a imprensa e com algumas coisas que repercutem (briga, twitter do irmão, etc… ). O duro é quem colocar no lugar do Luxa, se ele cair. Renato não é bom treinador. Rotho adora brigar com jogador bom. Mano parece que quer sair do br. Por favor, que não inventem o dorival…

  • MAZEMBIANO

    Agora vai!Copa do Brasil,se não der Brasileiro, se não der, gauchão 2014 se não der….e assim vamos a próxima competição é a mais segura…
    Acabei de ouvir o Rui Costa e disse ” o Luxemburgo fica porque acreditamos no trabalho”…não dá pra retirar o Rui Costa também? Lamentável, me desculpe a palavra ” o cagalhão ” do Luxemburgo vai ficar uns 5 ou 6 jogos podem cuidar…e o pessoal em SP acha que a gente é trouxa em ficar com esse cidadão, e nós torcedores nas mãos dessa gente sem competência…

  • MAZEMBIANO

    Outra coisa como será quando o Luxemburgo vir dar a explicação pra colocar o Cris de novo? E assim a gente vai…larguei desisti, espero que esse cidadão faça eu morder a língua, mas depois de 6 campeonatos acho difícil kkkk…a lamentar…

  • rafael

    Mazembiano, após ler teus posts, uma pergunta: qual a tua solução? Quais jogadores trazer e qual treinador? Quais os dirigentes?

  • ilgo

    Imagino, e espero, que Luxemburgo ficou sob determinadas condições. uma delas,
    liberar o Cris para patrolar em outras áreas. Fora isso, dispensar o FAurelio e o MA
    e aproveitar melhor a base.

  • juca

    Decidiram pela manutenção do pojeto. A pederastia do Grêmio pós-2009 passou dos limites. Larguei.

  • MAZEMBIANO

    Pessoal, eu imagino assim, o Grêmio perde as partidas desastrosamente e o Luxemburgo não sente, vai pra casa e dorme, toma e vende vinhos…não é assim, precisamos de um treinador que não durma, que sinta na pele a pressão, que se importe com o Grêmio e não vejo isso nesse cidadão…a direção vai morrer abraçada com esse cidadão…deixa ele perder o grenal pra ver…

  • Censura do medroso

    ilgo
    10 de março de 2013

    Essa manifestaçao do sujeito que tem nome de goleiro frangueiro mostra que os colorados estão inquietos, nervosos, tensos, angustiado, com o crescimento vertiginoso do Grêmio como time de futebol.
    Eles estão pressentindo sete anos de vacas magras.
    Futebol é assim, formado por ciclos.
    Tem uns que acham que seu ciclo de vitória é eterno. Aviso: não é.

  • marcelo

    nao adianta sai ano entra ano, e o gremio nao tem time…. investe variosss milhoess e nd tras quem o luxa pede e nd, tem q ter solucaooo, ouvi hj uns colorados dizerem rindo que do jeito q ta cai de novo esse ano.
    aind acho q o vestiario deveria ter alguem de pulso, q nao deixe o luxa ter tanto poder, alguem identificado com o gremio, senaoooo……
    AH EU IA ESQCENDOOO FORA CRIS E MARCO ANTONIO, TRAGAM UM ZAGUEIRO DE VERDADE PQ COM OS Q TEM AI NAO VAI SER UM BRASILEIRO BOMMM ANOTEMMM.

  • Cláudio

    Ilgo, se o que o Paulo Santana escreveu hoje está correto, será a melhor notícia do ano para o Gremio, pois não creio em título da CB ou Camponato Brasileiro. Agora, temos que aguardar e ver os termos do contrato.

  • walter borba

    Ilgo…

    Estou contigo.
    O Luxa, tem que ser “enquadrado”…dar limites a ele.
    Os bruxos tem que serem dispensados.
    E a direção tem que fornecer os jogadores que entedem que tem o perfil do Grêmio.
    A partir disso, as coisas vão se ajustar.
    No mercado, não há treinadores tão confiáveis assim.

    Ilgo,
    Você conhece o Flavio Campos..do Lajeadeanse????
    Ele teria condições de assumir o Grêmio num inicio de ano????
    O que me diz sobre ele?

  • Francisco Coelho

    Política do morde assopra ou toma lá dá cá? Agora a arena é…
    Más contrariando creio pelas manifestações a grande maioria dos verdadeiros gremistas o político Koff e sua trupe mantém W. Luxemburro. Segundo uns por ser treinador de pontos corridos (Muricy Tb e tem LA) outros por multa e uns por teimosia ou convicção do Koff.
    Alguns falam ser por falta de opções no mercado. Eu diria por não conhecerem o mercado por terem uma visão simplista de trocar 6 por meia dúzia.
    São estes mesmos pensamentos que colocam na BASE ex-jogadores que muito pouco ou quase nada conhecem de tática ou de aprimoramento dos fundamentos. Não sei se as opções são por amizade ou semelhante, mas a verdade é que um trabalho verdadeiro para a formação de jogadores completos é definitivamente deficitária. Se efetuarmos uma analise mais aprofundada veremos que pouco dos treineiros atuais dos principais clubes tem real capacidade de contribuírem para o desenvolvimento dos atletas. O que se dizer dos que atuam na formação na BASE.
    O futebol brasileiro está vivendo de um passado com uma maioria de treineiros ultrapassados e medrosos preocupados apenas com o umbigo. Na atualidade quem não tiver um time que saiba aliar técnica e tática não vai longe, pois mesmo os grandes destaques individuais como Messi e Neymar sucumbem frente a um bom posicionamento adversário.

  • Francisco Coelho

    1/05/2013 08h05 – Atualizado em 21/05/2013 08h37
    Muricy sofre rejeição, mas Laor banca permanência do treinador.
    Contestado nos bastidores, técnico se segura graças ao prestígio que tem com presidente do Santos. Insatisfeitos sugerem Marcelo Bielsa.

  • ilgo

    Pessoal, o Luxemburgo já foi enquadrado. A coisa vai mudar a partir de agora, e isso é informação.

    Haverá mudanças na fotografia do time.

    Walter, tu consegue imaginar um técnico do interior controlando o vestiário onde tem Barcos, Elano, Ze Roberto, Dida, Kleber, etc?

    Se ele ainda tivesse um dirigente forte no vestiário, talvez desse certo. Mas não há.

    Por fim, apesar das mudanças que vão ocorrer, continuo sem confiar no futuro presidente do Flamengo.

    Mas o negócio é torcer pra que dê certo.
    O futebol é uma caixinha de surpresas…

  • MAZEMBIANO

    Na entrevista “engraçada” desse malandro, no qual ele sabe conduzir muito bem, ele disse que cresce nas derrotas, mas qual o numero de derrotas? 6 não bastam? É dose, o cara perde tudo e esta prevendo a Libertadores do ano que vem? Não seu Luxemburgo, se Deus existe, o sr. não durará tanto tempo, assim espero…esse discurso mentiroso e sem perspectiva é o nosso alento?
    Ilgo essa história de enquadramento serve pra quem é humilde, não pro caso dele…no momento em qe vc bate em alguém, as coisas já mudam nada é o mesmo…achas que o grupo aguenta esse cara? só os bruxinhos dele…ele disse também que vai ver com a direção sobre as saídas de jogadores, então isso é mais preocupante ainda, pois será que vem mais bomba aí? só peço pra ficar entres os 10 pelo menos não cai de novo…é triste…o Grêmio vem se apequenando a muito é tempo e com esse cidadão será mais ainda, pois nas gracinhas dele a gente perde campeonatos e mais campeonatos que é nosso destino…

  • MAZEMBIANO

    Eu não poderia ser diretor, pois o Luxemburgo dando risada na entrevista após a desclassificação da Libertadores? Falta muita coisa no Grêmio principalmente RESPEITO!!! Esse Rui Costa “abacaxi” deveria sair junto!!! Eu botaria o dedo na cara desse Luxemburgo e pediria RESPEITO,COM O CLUBE! Estamos perdidos e derrotados…

  • Hillary

    Prezado Ilgo e companheiros de blog: acho que nós os insatisfeitos somos maioria com especial menção ao Juca e ao meu amigo Mazembiano(tuas colocações são otimas, só acho que deverias trocar este apelido) : mais uma vez estou muito, muito triste por ver, saber, constatar que novamente estamos sem nenhuma perspectiva de melhorias em qualquer sentido..

    Acho que a unica leitura que podemos fazer e que eu faço é que o fundo do poço ainda não chegou, porque se estas cabeças previlegiadas que dirigem este grande clube achassem que o limite tinha sido ultrapassado em todos os sentidos(financeiros, de futuro, de ambição, de prestigio, de ter uma pessoa com mais educação e respeito com todos, de querer um titulo por menor que seja) eles com certeza, por mais caro que fosse, teriam feito a faxina necessária para termos um minimo de chance nos campeonatos que virão!!!

    Temos apenas que contar quantas desclassificações mais teremos que ter ate o longinquo dezembro de 2014.. senão veremos CB 13.Cb 13, Gauchão 2014, CB 14 e CB 14 ..será que esqueci algum????

    E não é secação, infelizmente é apenas um miniomo de conhecimento do clube, é apenas realismo, é apenas exaustão, cansaço, desgosto e exasperação pela incompetência, omissão, burrice e falta de voltade de mudar as coisas!!!!!

  • Antonio

    A ARENA É NOSSA.

  • Luxa

    tudo isso faz parte do pojéto…

  • ilgo

    Hillary: nós, os da kombi, hoje somos maioria.
    Os fãs do futuro presidente do Flamengo é que não lotam uma Kombi.
    inverteu a coisa.
    Mas precisamos torcer, futebol é legal por isso:
    tudo pode acontecer.

  • Oi Ilgo! Por estas coisas que não se explica,(incêndio no ed. da minha mãe) conheci nesta madrugada,o tenente Miguel, um dos responsáveis p/liberação da Arena. Co-lo-ra-dis-si-mo. confesso q lavei a alma…e ele, seguramente, não se agradou!

  • MAZEMBIANO

    Hillary obrigado pelas tuas palavras, mas meu apelido é uma ‘MARCA” no currículo da menor torcida do RS, que uso para lembrá los… e em tua mensagem, concordo, aos poucos vamos nos acabando, é como se já não tivessesmos mais voz pra gritar…

  • Walter Borba

    Ilgo,

    O que eu imagino, seria um sonho, qual seja:
    A dispensa de boa parte desses medalhões “Barcos, Elano, Ze Roberto, Dida, Kleber, etc”
    Com o vestiário “limpo”.
    Chamaria um cara como o ´Flavio Campos e dizia:
    Flavio o time do Grêmio obrigatóriamente deverá ter 5 jogadores de base, e o resto é com você.
    Como vem dizendo do Francisco Coelho, temos que focar na base…

  • Francisco Coelho

    Walter Borba; obrigado. Neste momento é complicado. Teu pensamento segue minha linha de raciocínio. Flavio Campos e algum outro com bagagem e conhecimento tático e 1/2 ano trabalhando com a preparação de jogadores para 2014, pois 2013 já finda com Copa e o brasileirão. Seria o ideal.
    Vê um jogador como o Everton Luiz Ferrão de Oliveira Júnior com 20 que tem Grêmio no couro desde os 6 anos. Será que um cara deste se entrega como o Elano, MA ou o Zé que ficam dando toquinho e interrompem corrida. Este cara não vê bola perdida nem canela ferida.
    O Grêmio tem goleiros, zagueiros, laterais, muitos meias canhotos e bons atacantes. Bastaria catar um bom meia destro e botar para jogar amistosos e treinar muito fundamentos e posicionamento tático. Tem uns piás de 16/17 anos que vem fazendo afagos na redonda (jogando muito), mas necessitam de aprimoramento tático para aliar a habilidade sem abrir mão da coletividade. Somente um jogador com habilidade pode superar ao adversário e criar o espaço para a marcação de gol.
    Pode até inscrever esta equipe em torneios ou semelhantes fora do estado e do Brasil buscando adversários fortes e variados para submeter elenco a testes reais. Não são necessários mais que 25 jogadores para este aprimoramento. É investimento que amanhã se paga fácil e basta cortar alguns medalhões improdutivos que sobra dinheiro para isso.
    Outra saída é pegar um clube e ceder o dep. de futebol e atletas. A PUC tinha um bom estádio e poderia montar o PUC FC.
    Más tem de separar para não atrapalhar a captação e o desenvolvimento das categorias de BASE no dia a dia. Mais ou menos uma linha de escola e exercícios visando a equipe principal. Definido os melhores e testados a equipe e um treinador assume a principal mantendo o outro a mesma estrutura de aprimoramento para abastecer a equipe principal.

  • Adriano Schtscherbyna

    Morro e não ouço tudo…ME TIREM O TUBO…É verdade que o Muriel vai poder jogar a !ª partida, mesmo não cumprindo a automática???

    ME TIREM O TUBO…

  • Francisco Coelho

    Ilgo; Paulo Francisco da Silva Porto no comando do ABC acaba de vencer de virada o Sport/PE no estádio Ilha do Retiro em Recife (PE). O confronto foi volta da segunda fase da Copa do Brasil e segue na competição. Com um time sem estrelas mostrou determinação boas triangulações mesmo com jogadores sem recurso técnico mostraram mais vontade e futebol que alguns que jogaram contra o Santa Fé…
    ABC 3 x 2 Sport.
    Sport: Magrão; Moacir (Sandrinho), Aílson, Maurício e Marcelo Cordeiro; Renan Teixeira (Reinaldo), Rithely e Lucas Lima; Marcos Aurélio, Nunes e Felipe Azevedo (Jonathan Balotelli). Técnico: Sérgio Guedes.

    ABC: Lopes; Bileu, Leandro Cardoso, Vinícius e Lino; Leandro Santos, Mateus, Geovani (Diogo Barcelos) e Júnior Xuxa; Vanderlei (Jean Carioca) e Rodrigo Silva (Rodrigo Santos). Técnico: Paulo Porto.

  • Francisco Coelho

    A seleção Sub 20 sofreu, mas acaba de vencer ao Rio Branco por 2 a 0. (23:00). Mais detalhes amanhã.

  • It as fantastic that you are getting ideas from this post as well as from our argument made at this place.