Estranha campanha em favor de Bobô e Douglas

É impressionante a campanha para tornar Bobô titular do Grêmio, acabando com o esquema sem centroavante de carteirinha, o aipim.

Tem gente que se deu ao trabalho de contar os minutos de participação do atacante com a camisa do Grêmio. O resultado, segundo esse levantamento que eu não conferi, mostra que Bobô fez 8 gols em 15 jogos.

Nada mau para quem não ganha continuidade e na maioria das vezes entrou no decorrer de alguns jogos.

A questão não são os gols, mas o futebol que ele apresentou. Nada que autorize alguém a afirmar que Henrique Almeida é muito inferior a Bobô, como ouvi após o jogo contra o Novo Hamburgo.

Bobô até pode ser o goleador que o Grêmio precisa, mas até agora sua maior participação foi como o instrumento que afetou o esquema até então vitorioso montado por Roger, com Luan de falso camisa 9, com Éverton ou Pedro Rocha pelo lado esquerdo e Giuliano pela direita.

Coincidência ou não, desde então o time não foi mais o mesmo.

Outra campanha em curso é para manter Douglas como titular. Entre os defensores de Douglas estão alguns que defenderam a saída do ídolo colorado D’Alessandro, que já não teria mais preparo para aguentar uma partida inteira, estaria decadente, etc.

Douglas é um jogador de técnica apurada, um meia raro no futebol, talvez até porque o futebol atual prescinda do articulador que se movimenta em espaço reduzido, não combate, e mal e mal cerca o adversário que está com a bola. 

Os que defendem Douglas acreditam que ele merece continuar no time quando Bolaños puder jogar. Sairia, então, Éverton, que tem sido o atacante mais regular e efetivo do Grêmio neste início de temporada.

Não, Éverton merece ficar. Quem deve sair é Douglas, o que contribuirá para tornar o time mais ágil e objetivo no ataque.

Desconfie daqueles que querem a permanência de Douglas. 

TIME MISTO

Marcelo Grohe; Wesley, Pedro Geromel, Fred e Marcelo Hermes; Edinho, Kaio, Luan, Lincoln e Everton; Bobô. 

Este deve ser o time que enfrenta o São Paulo, em Rio Grande, nesta quarta-feira.

Gostei da escalação e da ideia de poupar Douglas. Mais uma chance para Lincoln.

Só não gostei, e não consigo entender, por que Geromel não é poupado.

O gramado do SP é ruim, as chances de lesão não são pequenas.

Geromel, o melhor do time no momento, deveria ficar de fora dessa encrenca.  

ARGEL

Mesmo sob críticas da imprensa e desconfiança de sua própria torcida, o técnico Argel vai arrumando a casa.

Aos poucos, seus críticos mais ferozes vão mudando de posição devagarinho.

Imagine o que eles dirão se por um acaso Argel ganhe o Gre-Nal, por exemplo.

Então, é melhor recolher a artilharia. Pelo menos por enquanto.

 

 

Se gostou, compartilhe!

  • Andre Peixoto – Sarandi/RS

    Ilgo, isso que está acontecendo não nos surpreende. Não lembro qual botequeiro uma vez disse: se a ivi diz que jogador x não joga nada é porque deve ser bom. Se querem que o Douglas fique é porque se Lincon ou Bolanhos entrarem o time cresce.
    Como diria o RW, o Sala de Redação respira por aparelhos. O que parece aquele Wianey xingando a todos? De tanto que faz barulho chego a suspeitar de encenação para ganhar IBOPE no programa. Ser um valente da fronteira sem grife.
    Com relação ao time misto, realmente não dá prá entender cabeça de treinador. Já pensou se Geromel se machuca? O lateral direito teria de ter sequência, pegar ritmo de jogo. Mas de que adianta poupar o Douglas se sabemos que ele, não só voltará no jogo da Libertadores como não irá jogar bosta nenhuma…

  • Gustavo Medeiros

    Me parece que o Geromel joga para pegar mais entrosamento com o Fred.

    Kaio e Lincoln tem suas chances de mostrarem serviço.

    • Ilgo Wink

      é para pegar entrosamento, mas na minha opinião não vale o risco, até porque não sei se Fred tem bola para se manter titular.
      Eu pouparia o Geromel. Imagine jogar sem ele na zaga

  • Fabio Scheffer

    Eu não vejo com mal olhos a inclusão do Bobô ou o Henrique Almeida como homem mais fixo de ataque gremista.

    Nas atuais circunstancias isso pode até ser positivo se ali na frente o Roger montar uma linha com Giuliano-Luan-Miller ou Luan-Miller-Everton chegando por trás desse camisa 9 mais “aipim”.

    Dois volante, uma linha de três no meio com boa mobilidade e o atacante “aipim” que estiver em um melhor momento não é um esquema desprezível não.

    O grande problema a ser resolvido no time é o Douglas que atua como um meia atacante sem obrigações defensivas, sem velocidade e com pouca capacidade de definição.

    Não dá pra manter um jogador assim de detrimento de outros e não sair impune disso.

    Substituindo o Douglas acho que o Roger resolve uns 50% dos problemas do time, pq os outros 50% são ajustes defensivos.

    • Alexandre Sanz

      O que eu vejo com mal olhos a escalação desse aipim é que barra a escalação do Lincoln, Tontini e Pedro Rocha, exatamente nessa ordem, que são um oceano de distância melhores que o dito cujo.

  • Rogerio

    Amigos,
    A opções do Roger tem me deixado um pouco apreensivo, senão vejamos:
    A principal novidade implementada por ele no ano passado foi a troca dos volantes Felipe Bastos e Ramiro por Maicon e Wallace, isso deu ao time uma saída de bola infinitamente melhor com articulação pelos lados em triangulos (Maicon, Galhardo, Giuliano) e pelo outro lado (Wallace, M. Oliveira e Pedro Rocha) e Luan e Douglas com liberdade para trocarem de posição. Pra mim, essa foi a grande sacada dele. O que está acontecendo neste ano é que essa dinâmica não está funcionando bem, Jogadores lesionados ou voltando de lesão além de 2 trocas que precisam funcionar coletivamente. O que tem me apavorado no Roger é que as opções que ele tem usado na falta dos jogadores titulares são completamente diferentes em termos de características. Qual a semelhança entre Wallace/Maicon e Edinho/Moisés ? nenhuma.
    O time perde muito com essas trocas. Por que o Fernandinho está na frente do Pedro Rocha? Baseado em qual critério? No que ele se baseia para empurrar o Giuliano para o lado do campo? Por causa do Douglas? Na entrevista do pós jogo de domingo, ele disse que o Douglas coloca um jogador na cara do gol por jogo, quantos o Giuliano colocaria? E o Lincon? E o Luan? E o Bolanos? Só pode ser piada.
    Enfim, essas perguntas eu gostaria que alguém fizesse ao Roger, gostaria de saber o motivo da suas escolhas bastante heterodoxas. O Gremio tem se especializado nisso, Tinha o Geromel e jogava com o Werley, tinha o Vargas e jogava com o Kléber. Um tá na Alemanha, o outro no Coritiba, vá entender.

    Estou preocupado

    • Ilgo Wink

      bem-vindo ao grupo dos preocupados

  • Arthur J

    Assistindo o San Lorenzo tomar um calor da LDU nesse primeiro tempo, dá pra dizer que nenhum dos 2 assusta muito.

    O que me assusta é o futebol apresentado pelo Grêmio até agora.

    • Ilgo Wink

      verdade

  • Andre Peixoto – Sarandi/RS

    Assisti todo o jogo LDU X SAN LORENZO. Jogador da LDU a ser marcado: Diego Morales. Não achei grandes coisas esses dois times. San Lorenzo mais fraco. Pareceu sem força. LDU não é essa galinha morta que tanto falaram. Aquele negão na frente incomoda uma barbaridade. Os argentinos batem sem pudor.
    Bueno, acho que o próximo jogo do Grêmio será decisivo, infelizmente…

    • Alexandre Sanz

      Assisti esse jogo tambem e cheguei a conclusao que vamos perder na altitude de Quito, restam portanto 12 pontos a serem disputados, estou rezando pro Toluca não ser o saco de pancadas do grupo, temo que essa alcunha pode vir a ser do Grêmio, espero realmente que a virada venha no próximo jogo, único resultado aceitável é a vitória.

      • Ilgo Wink

        Não fosse a questão dos gols, o melhor seria ir com reservas para Quito, porque a derrota é inevitável depois do que vimos contra o Toluca

        • Fábio Viana

          Se a direção acredita mesmo que a culpa da derrota no México foi a altitude, então houve erro no planejamento do jogo.
          Ou ajustam o planejamento e vão com titulares duas semanas antes do jogo e jogam pra GANHAR, ou vão com reservas, botando o Douglas pra jogar os 90 min. Só pra dar uma judiada.

    • Francisco Coelho

      André; o Diego Morales têm 29 anos e jogou no Náutico em 2012. Jogador mediano aqui.
      É o Grêmio que não está bem e não têm consistência nem inspira confiança.
      A cada partida os erros ficam mais visíveis e as escolhas do Roger mais repetitivas. A perda de confiança e a falta de perspetivas leva ao torcedor desânimo.

      Roger está cavando a própria cova com algumas escolhas…

      • Alexandre Sanz

        Mostra a qualidade do San Lorenzo, já não gostava desse time em 2014, acho que piorou de lá pra cá, o problema é a atitude do Grêmio, se jogar em Buenos Aires para ganhar, não perde.

  • Alexandre Sanz

    Para aqueles que querem a volta do aipim ou defendem o pontinho fora, sugiro ver o teipe de Huracan 0 x 2 Atletico Nacional, observar a escalação, o aipim Marlos Moreno, contar a quantidade de chutes e qual foi a decisão do treinador colombiano quando o time argentino teve um jogador expulso, nao preciso nem pedir para ver Juventus 2 x 2 Bayern.

    • Fábio Viana

      Vi esse jogo também.
      Desde de ARG 0x5 COL em 93, sou fã do futebol colombiano.
      Nacional com 3 jogadores de intensa movimentação na frente, tipo Douglas #SQN. Jogadores que chegam de trás, se apresentam para o jogo.
      Que alegria não ver ninguém plantado na grande área.

      Tá certo que o Huracan não é lá essas coisa, mas o São José também não é.

      • Alexandre Sanz

        Huracán é o vice da sulamiranda e tem um aipim horroroso que foi indicado nesse espaço para o Grêmio.
        Sem desconsiderar que jogaram fora de casa contra um argentino e foram para cima.

        • Fábio Viana

          Bah!!!
          o Ábila é horroroso.
          Perdeu um gol feito quando tava 0x1 ainda, eu acho.

  • Alexandre Sanz

    Ilgo, parece, PARECE, que a campanha do Endris no grupo da morte em 2014, vai ser BEM melhor que a do Guardiola Modernão Bruxão no grupo da morte deste ano, o que tu achas disso ?

    • Ilgo Wink

      Pode ser, mas o que importa é seguir até a final.

      • Alexandre Sanz

        Háhh! Tua inteligência é a fama que O precde, prepara-se ai a famosa ” corneta bumerangue”!!!!

    • Fábio Viana

      Tenho notado que nas últimas Libertadores, finalistas ou campeões, cresceram no final dos grupos e no mata-mata.

      San Lorenzo e Nacional-PAR – 2014
      River e Guaraní-PAR – 2015

      Essa é a minha esperança.

      • Alexandre Sanz

        Esperança de todo mundo, espero que dê tempo e que o grupo seja um perde e ganha danado, a m….. é que os times daqueles grupos eram tudo ruim, por isso o San Lorenzo classificou com 8 ptos e oRiver com 7.

  • Alexandre Sanz

    Sera que veremos o Tontini hoje?
    Ate agora chamou a atenção o futebol apresentado pelos colombianos, Sta Fé e Atletico Nacional, moderno com toques rapidos, controle de bola e objetividade, além de parecer que lá se preza o bom futebol, sem essa de empatezinho, jogadores de altíssimo nível como, Bocanegra, Ibarbo e Marlos do Atletico Nacional e o zagueiro Mina e Ibarguen do Sta Fé, mas o cojunto dos dois times parecem afinados, ressalva á escalação de Marlos de apenas 18 anos, diferente do que acontece com os gremistas lá parece que está “pronto”.

    • Francisco Coelho

      Alexandre; vou torcer para o Roger botar a cabeça no lugar e escalar o Tontini.
      Nos outros times vemos jogadores de qualidade jogar com 16, 17 e com 18 titulares absolutos. Não deve ser a água nem o tempero do feijão e sim bons treinadores na base e confiança no trabalho.

      Os nossos não podem más vão buscar encostados como o Walace Oliveira com 21 enquanto temos vários com a mesma idade ou mais que nunca fardaram.

      É que o trabalho de Xérem é melhor… neste ritmo o ideal é aos 15/16 ir para o Flu ou Santos aprimorar e virar titular.

      • Eder

        O tal do Jaílson passou na frente de arthur, Balbino, araújo e do argentino que veio do inter. To curioso pra ver o futebol do rapaz, esse bruxo é forte.

    • Dilamar Costenaro

      Outro time perigoso é o The Strongest, tem uma campanha irreparável dentro de casa em todas as liberta que disputaram, e ganhou do São Paulo fora, o time é o mesmo a 5 anos, prestem atenção neles.

      • Alexandre Sanz

        Sim é complicado mesmo, onde falta qualidade sobra entrosamento, mas não deve chegar as semis, embora seja uma pedreira horrorosa, jogar lá se tomar mais de 3 já era.

  • Eder

    No campo ruim de Rio Grande a garotada pode ter alguma chance, jogar na Arena é privilégio apenas para os bruxos. O Tinga só teve chance de jogar em sintético pegando fogo, hoje temos dois laterais abaixo do nível dele. O rapaz nao é craque, mas poderia ter tido mais oportunidades.

    • Francisco Coelho

      Eder; primeiro quero pedir desculpa por não ter lido bem e respondi errado sobre o Erik Roberto Silva do Nascimento no Lajeadense.
      Algo que não lembro foi falado sobre o mesmo. Não sei se foi sobre companhias… Dei uma pesquisada más não encontrei. Era uma das melhores promessas e a mãe até veio do RJ assistir algum jogo más depois foi sumindo. Mais um mistério do Grêmio para ser desvendado.
      Abração.

      • Eder

        É, vamos seguir observando seu desempenho no fraco Lajeadense. Seu contrato com o Grêmio é até o final do ano.

        • Francisco Coelho

          Se não me engano com o Felipão ele ganhou oportunidade e foi bem sumindo após voltar para a base.
          Para atacante é relativamente baixo e ai a velocidade e qualidade na finalização são importantes. Vamos acompanhar e ver o desempenho.

          Um grande problema no Grêmio é a falta de transparência em um plantel grande. Claro que os treinadores têm suas preferências más raros aproveitam o plantel na plenitude. Ai chega um novo e “descobre” alguns bons jogadores perdidos na base.

          O Uruguaio fez isto na base vermelha e vai fazer no Galo.
          Esta é uma vantagem na vinda de treinador de fora pois os “indicadores” internos vão com muita cautela na indicação onde o treinador prefere ver para crer e chega com bota alta contra picada de cobra. Kkkk

          O Grêmio deveria ter alguns clubes onde colocar seu excesso de jogadores. O Sport Recife recebe os do Cruzeiro. O Náutico do Santos e Internacional.

          Claro que têm de ser clube com estrutura e que disputa bons torneios tendo bom treinador.

          • Eder

            O atlético pr vem fazendo uma boa parceria com a Ferroviaria de SP. O Grêmio poderia fazer uma parceria com um time do oeste paranaense, onde a legiao de gremistas é grande: Foz, Toledo ou Cascavel.

          • Francisco Coelho

            Eder; estes teriam boa estrutura como bons fisios e médicos?

  • Daniel Scherer

    Só não concordo em poupar o Douglas, tinha que rescindir o contrato dele para nunca mais fardar no time. Esse é o buraco que o Roger não quer tapar. Só de ter a oportunidade de ver um jogo sem ter que aturar aquela barriga de cadela se arrastando em campo, é um bálsamo para minha alma atormentada.

    • Rafael – Jack

      Sério, tenho vontade de convidar vcs pra ver esse jogo num boteco só pra gente poder falar mal desse desgraçado…

      • Alexandre Sanz

        KKKKKKKKKKK, tô dentro, só marcar dia, hora e lugar…

  • Fábio D.

    Olá botequeiros de plantão!
    Assisti a Arsenal x Barcelo ontem e vi, pelo menos assim eu pensei ter visto, o modelo, eu escrevi, modelo, de jogo do Grêmio em campo sendo aplicado pelo Barcelona. Um time muito ofensivo que controla o jogo através da posse de bola e com muita paciência para escolher o momento certo de atacar. Sendo um time muito ofensivo oferece o contra ataque ao adversário que tenta sair em velocidade e surpreender a defesa que joga, praticamente, sobre a linha do meio-campo. O maior problema do Arsenal, ontem, nem foi se defender, foi atacar. Pois quando resolveu fazer isso perdeu o jogo. O Barcelona possui um contra ataque mortal, muito veloz e objetivo. Além da qualidade dos jogadores do Barcelona que é muito grande, isso é óbvio, para o Grêmio ter sucesso nesse esquema terá que preparar jogadores para a frente que tenham vitória pessoal e que sejam excelentes finalizadores. O Barcelona criou quatro ou cinco chances claras de gol (inclusive bola na trave) antes de fazer o seu primeiro gol. O Grêmio está, ultimamente, cria uma ou duas jogadas, se o atacante perder essa chance, adeus, só no próximo jogo. A outra questão é a vitória pessoal para abrir uma defesa fechada. Dito isso, Éverton NÃO pode sair do time, Bolanhos tem que entrar no lugar do Douglas. Ainda não estamos perdidos, esses times aí da Libertadores são muito parecidos com o Grêmio em questão de qualidade, não vamos nos assustar demais dá para encarar.

    • Marcos lena

      Eu falei isso pro meu filho, o Grêmio joga que nem o Barcelona, a diferença que eles tem na frente Messi, Neymar e Suares – heheheh, pouco diferença.

      • Fábio D.

        Iniesta – Douglas / Neimar – Éverton / Luan – Suarez / Pedro Rocha(ou Giuliano) / Messi … é a dura realidade.

        • Gustavo Medeiros

          Ia responder exatamente isso. Essa é a realidade.

          Já escrevi aqui. É ter um time de padeiros e querer pintar uma casa.

          Roger tem que jogar com as peças que tem. Não com o modelo que não se aplica aos jogadores do elenco.

          • Alexandre Sanz

            Dá para trocar as peças e claro que um enfrentamento direto Gremio x Barça hoje, teria um favoritismo exacerbado para o espanhol porém aqui contra os nossos poderia dar jogo: Iniesta/Lincoln – Neimar/Luan – Suarez/Everton – Messi/Bolaños, pode dar certo, ainda mais se houver culhões e ajeitar o time com Giuliano/Raktic, e colocar o Tontini, pode faltar lugar no 11 mas ai tem outras formas de compor como a colocação de 4 zagueiros atrás, sem laterais já que não os temos mesmo, talvez no fim do ano com treinamento constante, mudança de conceito (pontinho, aipim, poupar time no BR…) entrosamento do time e ganho de experiência, em caso ser campeão da LA, chega num Mundial em condições de disputar, apesar das estrelas do outro lado, afinal Luan, Everton, Lincoln, Bolaños e Tontini nos próximos 3 anos estarão brilhando lá.

          • Fábio D.

            Concordo. Fiz uma escalação ali embaixo e queria fazer a linha defensiva com quatro zagueiros, escalando o Giuliano como “voltante”.. o problema é que não achei (me recuso a escalar o Werley no time kkk)

          • Alexandre Sanz

            Sempre tem os guris da base, é só querer e ter paciencia, para essa liberta não dá mais, mas ele perdeu ótimas oportunidades desde o ano passado e Eu apontei todas aqui.

    • Roque fernando

      Acho que não temos cacife pra isso….Veja o ataque, Neymar e um centroavante que parece que se movimenta… Na realidade todos do meio se movimentam por traz do Soares cai muito no meio e nos lados de campo e Neymar/Messi ficam um pouco atrás e chegando…No caso do Grêmio, temos Douglas tranca rua e lentidão do meio pra frente.
      Sugeriria um time: Grohe, Walace, Geromel, Marcelo Oliveira (Werley),
      Wallace, Maicon, Luan, Miller, Everton, Bobô (Henrique Almeida). Ou Miller no lugar do Everton com Giuliano…essa escalação seria menos ousada…Mas tem que ter cabelo no peito pra fazer a 1º escalação….Roger que se vire, hehhehe

      • Fábio D.

        Imagina uma escalação com apenas um volante aqui no RS? kkk Na tua escalação o Wallace é lateral esquerdo, né? Eu faria um pouco diferente:

        Grohe
        Wallace O.
        Geromel
        Fred
        Marcelo O. / algum lateral que saiba marcar, aceito sugestões.

        Wallace
        Giuliano

        Luan
        Miller
        Éverton

        Henrique Almeida/Pedro Rocha (Bobô banco)

        Isso eu, que assisto da arquibancada…

  • Thiago

    Francisco, tu que tens mais embasamento, peço ajuda.
    Até acompanho a base gremista, na medida do possível, mas não consigo lembrar e nem sei quem é o tal Jaílson.
    Quem é esse jogador? O que ele fez para “passar na frente” de Arthur e Balbino, por exemplo?
    Não sei, mas sinto cheiro de empresário ou padrinho forte nisso….

    • Francisco Coelho

      Thiago; falam que é um bom volante. Arthur já mostrou serviços e Balbino não teve oportunidade. Eu não vi o Jailson más falam ser de alguns empresários de Poa parte do passe. Já pegou um banco na partida passada.
      Vamos ver jogar e avaliar.
      O cara pode ser um monstro e surpreenderá o RS ou será + 1 paraquedista no Grêmio.
      O Balbino sabemos que é bom e falam ser ligados ao Paulo Carpegiani.
      Vamos observar e tirar nossa conclusão…

    • Ilgo Wink

      Jailson é de um nível superior. Assim como Lincoln está passando por cima de vários com idade maior que a dele, que é 17 anos

  • Andre

    Time cu da merda….

  • Gabriel

    Bom time, com o Giuliano e o Maicon poderia ser a equipe titular.

    Vamos ver se o Grêmio acerta no planejamento desta vez.

  • Gabriel

    Vcs viram o jogo da Bayern ontem??? No gol do Müller, se percebe o desenho tático mantido desde a criação até a conclusão. Roben cryzacryza, Douglas Costa escora, Lewandowski passa pois no triângulo ofensivo ele é o vértice e Müller entra sozinho para marcar.

    No melhor Grêmio, em 2015, esse movimento acontecia, ocorre que hoje o Douglas não entra na área, o falso 9 está na linha dos extremos ( o que embola o meio da área) o extremo contrário também não chega. Falta obediência tática para gente, por isso as pararam e/ou não acontecem.

  • Luis Augusto Waschburger

    Hoje é dia de ver o Grêmio sem Douglas!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Como vai ser bom ver um jogo do Grêmio sem me irritar!

    • Ilgo Wink

      problema lá é o campo ruim, difícil de jogar

    • Rafael – Jack

      “Roubaste” meu comentário, Luis!

      Vim aqui só pra dizer isso, rs

      • Luis Augusto Waschburger

        hehehehehe

  • Walter Luis Borba

    Colegas de Buteco,

    Estou de cabelo em pé. Esse grupo do grêmio é terrível. Não vai ter jogo fácil.
    Essa LDU tem um bom time, e na altitude será impossível ganhar.
    Dia 02, temos que ganhar bem, e tentar fazer pelo menos 2 x 0.

    Ilgo, sobre o Argel:

    Foi bom que você falasse sobre ele.
    Ele é tosco, é grosso, não sabe se expressar, mas tem uma coisa que INFELIZMENTE jogador gosta: ele interagi com os caras…

    A maioria dos boleiros gosta disso. Se a longo prazo dará certo, é provável que não. Uma hora o gás acaba.

    Contudo, para os jogadores brasileiros que SÃO BURROS e MAL EDUCADOS (SEJA NO ABC ou FUTEBOLISTICAMENTE)…Um cara como o Argel acaba tendo espaço.

    Outra coisa, com o empréstimo do DALE, ele ficou livre para escalar conforme sua cabeça. Não tem “influências” para o gringo jogar.

    E ainda, como Argel tem alguns anos há mais do que Roger nesse mundo dos técnicos, já lidou com tudo que é tipo de dirigente.

    Ao contrário do Roger, que tem “prestar” contas ao Rui Costa e seus “amigos”, daí fica difícil para qualquer treinador mostrar seu trabalho.

    • Gustavo Medeiros

      Não vai ter jogo fácil Walter. Vai ser um tirando ponto do outro. Ia escrever um palavrão. Mas tenho certeza que já me entendeu.

      O problema é que o primeiro e segundo colocado desse grupo, dificilmente terá muitos pontos. Tendo que, logo, decidir fora de casa a maior parte dos jogos.

      • Gabriel

        Essa do melhor primeiro contra o pior segundo causa um desequilíbrio técnico, pois existem diferenças na qualidade de cada grupo. O correto seriam chaves direcionadas ou sorteio.

  • Francisco Coelho

    Para contratar e buscar o Miller foram de jato e para mandar as garantias bancárias de navio?

    Não terá lá um banco que também tenha cá?

    0000000000—0000000000

    Estranho?

    http://www.jornalminuano.com.br/VisualizarNoticia/12971/jailson-e-repassado-por-emprestimo-a-chapecoense-.aspx

  • Roque fernando

    Essa história de aimpim ou centroavante fixo…eu não concordo com a designação, pois com toda a movimentação de atacantes o Grêmio não acerta, e chuta muito pouco. Talvez Suares fosse contestado nessa formatação de time… Acho muito simplista essa explicação de que o problema seja aipim ou macaxeira, ou atacante que se movimenta. A bola não chegando pra nenhum dos qualquer um, fica tudo igual: Time com pouca ofensividade, burocrático e dispersivo. Precisamos de referência na frente, eu me lembro do Renatão jogando por uma bola (vejam só….) e sem atacante, só com volantes…e perder com escalações esdrúxulas.
    Nenhum dos atacantes do Grêmio cabeceia bem…Gol de escanteio é pra zagueiro fazer…faça-me um favor…O Grêmio tem mais time que todos esses do grupo da morte como dizem…mas precisa acreditar…Roger tem que ser menos paneleiro e mais ousado.

    • Alexandre Sanz

      Roque não existe mais, a bola chegar, esquece, hoje a movimentação de todo o time faz a bola chegar, ontem o Lewandowski era quem puxava os contra ataques desde seu campo defensivo, hoje um centroavante tem de fazer pelo menos 3 funções diferentes para ter chances num grande europeu, jogar com um cara dependente da “bola chegar” dá em 7 a 1.

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Alexandre, por isso que eu acho que o nosso camisa 10 este ano, será o Miller Bolaños com Luan e Everton na frente de falso 9, voltando para fazer a movimentação à partir do meio e assim, faz até o Giuliano jogar mais, pois ele anda preso devido as falhas e erros de passe do Douglas.
        Ainda acredito no Wallace Oliveira tendo uma boa sequência de jogos, mas na esquerda, tem que ser o Marcelo Hermes, pois o Marcelo Oliveira é volante e está alí, na lateral esquerda jogando deslocado fora de sua posição desde que chegou no Grêmio.
        Também acredito na evolução do Fred ao lado do Geromel na zaga, pois o Kadu não aguentou a pressão após a sequência de jogos que lhe foi dada.

      • Fabio Scheffer

        Alexandre tanto o Bobô quanto o H.Almeida não são craques que vão ser protagonistas de grandes jogadas, mas também não são caneleiros que não podem sair da área.

        Tendo meias que se movimentem, e que chutem a gol, a função de pivô ainda pode ser muito útil se bem aproveitada.

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          Fábio, talvez isso aconteça como uma opção de 2º tempo, mas hoje se exige uma movimentação intensa à partir do 1º volante que tem que dar o bote, roubar a bola e sair jogando pra frente com acertos nos passes, senão, compromete o restante do time.

        • Alexandre Sanz

          Discordo, o Bobô já provou que é caneleiro e o HA ta no mesmo caminho.

    • Francisco Coelho

      O problema é a distribuição em campo e as atribuições de cada um. Sem movimentação e qualidade no meio para abrir espaços os atacantes (Braian e Bobô) se marcam com os zagueiros.

      Basta ver que a velocidade possibilitou os gols da tarde noite de ontem. Com Douglas em campo não tem como…

    • Fabio Scheffer

      Eu concordo…

      Põe um 9 mais fixo na área (Bobô ou H.Almeida) e coloca uma formação com um trio com qualidade de movimentação vindo de trás (escolhendo entre Miller, Luan, Giuliano, Everton e Lincoln) e o Grêmio já ia ganhar em intensidade ofensiva e um maior poder de definição.

      Basta sacar o Douglas e tudo se ajeita !!!

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Mas isso pode ser bem feito sem um 9 fixo, pois acho que o nosso camisa 10 este ano, será o Miller Bolaños com Luan e Lincoln ou Everton na frente de falso 9, voltando para fazer a movimentação à partir do meio e assim, faz até o Giuliano jogar mais, pois ele anda preso devido as falhas e erros de passe do Douglas.
        Imagine uma intensa movimentação à partir de Bolaños, Luan, Lincoln à frente de Wallace, Maicon e Giuliano.

  • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

    Ilgo, Argel tem retrospecto só dentro de casa contra times pequenos, medianos, e com vários gols de xiripa, pois quando sai do Circo remendado para jogar fora de casa, as estatisticas são tremendamente piores que as do Roger Machado.
    No Grenal de volta no Circo em 2015, a vitória foi por acidente num lance horroroso do Eraso (1×0), senão, o empate era eminente e ainda assim, o Grêmio teve algumas boas chances de gol.
    O jogo será na Arena e já vão chegar e entrar lá tremendo devido as duas surras que levaram lá dentro em sequência e em apenas 9 meses, e isso, marcou o lombo deles fortemente, pois é só observar as reações coloradas até hoje no assunto Grenal, e a festa que fizeram por causa de não perder de novo no jogo do Circo de 1×0.

    • Gabriel

      Também acho. É também uma questão de não supervalorizar o time deles, até porque só jogam em casa neste estadual.

    • Rafael – Jack

      Fala baixo, rs

  • Francisco Coelho

    O banco: Grassi, Bressan, R. Thyere, Jailson, Tontini, Fernandinho e Bobô.

    Meio: Edinho e Kaio, Everton, Lincoln e Luan. Na frente H. Almeida.

    Sobrou o Batista…

  • Francisco Coelho

    Num jogo de apagão dançou o machão. Com três quedas de luz, três gols marcados. Foram 2 para o Veranópolis…

  • Francisco Coelho

    Grohe mão de alface…

  • Daniel Scherer

    Como é bom ver o time jogando com 11. Lincoln é 10x melhor que o pangare do Douglas. Cagada do grohe, Luan tendo seus momentos maravilhosos e seus apagões. Poderia colocar Tontini no lugar do Luan. Mas o melhor é que nao estamos com o tok tok sem objetividade. M. Hermes fez em um jogo mais jogadas de fundo que o m.oliveira o ano rodo ate agora.

  • Gabriel

    Só eu vi falta no Grohe??? Vi o braço do jogador do SP empurrando ele.

    • Daniel Scherer

      Me pareceu também, mas a reação dele condena, ele mal reclama.

      • Gabriel

        Ninguém nunca reclama. Apanham calados sempre.

  • Daniel Scherer

    Alguem acredita que com douglas em campo teriamos feito esse gol????? Nao, ele teria pisado na bola e matado o ataque. Roger troca os óculos. ….

    • Gabriel

      Estou contigo

    • Alguém acredita que sem Douglas em campo tomariamos uma virada bizonha??? Torcedor torça os óculos. …
      Obs.: os que entram tem jogar mais, isso só em pensamento mágico acontece, tirar o que não joga nada e colocar qualquer que resolve.

      • Daniel Scherer

        Beleza Zé. Sabado então douglas novamente desfilando sua categoria. E isso ai.

        • Bah veio já falamos aqui sobre isso. E apenas ironia da minha parte. Pela lógica, então, sem Douglas o time teria que jogar melhor, mas na minha modesta opinião, joga a mesma bolinha de gude, sem analisar o adversário. Hoje praticamente jogou o time da “torcida”, aquela que acha que tirando Douglas e os laterais o time fica uma máquina, até aceitaria, se, somente se, os que entrasse resolvesse os problemas. O time está perdidinho, porque Roger perdeu o rumo, faltam jogadores com qualidade pra jogar como ele quer. Os meia-boca com jogadores bons melhoram, com jogadores ruins afundam, com guri da base e a mesma coisa, com agravante, não importa se são bons ou ruins, salvo se forem craques na sua essência, o que estão longe de serem. Resumindo, não quero o Douglas no time, porém sou mais exigente, quero alguém que jogue mais que ele, esse alguém não é qualquer um.

          • Eder

            No time da torcida tem Batista e Tontini.

          • Éder, só fiz uma alusão de que o bom é o que não joga
            O time está perdido, então, não é somente trocando as peças que as coisas melhoram.

          • Daniel Scherer

            Ok. Mas tirando o resultado o time de hoje jogou mais que o time de sábado. E a verdade é que independente de quen jogue, o Grêmio nao tem time para ganhar uma libertadores, é muito mais desejo do que realidade.

          • OK. Porém, contra times do interior além de jogar melhor tem que vencer.

  • Gabriel

    Melhor em campo, e na atualidade melhor do time, Éverton. É um cheque em branco!!! E pensar que ano passado muitos daqui pediram sua cabeça numa bandeja…

    • Se tu acha isso, ramo bem então. Reze pra esse menino conseguir jogar em times do interior no futuro.

  • Gabriel

    Cadê o Pedro Rocha????

    • Francisco Coelho

      E o Tontini…
      Luan já apanhou muito.

      • Gabriel

        Verdade

  • Gabriel

    Bola aérea defensiva é um pavor!!!

    • Ricardo

      Acabaram de renovar por 5 anos com o pavor da bola aérea defensiva (Grohe)… te prepara que até 2021 não tem título com esse franguinho aí no gol.

  • Arthur J

    Roger de novo Tite tá passando a ser um novo Autuori.

    Só papo furado.

  • Dilamar Costenaro

    Da gosto ver esse time do grêmio jogar, claro que na altitude de Rio Grande não é fácil jogar mas passamos por cima de tudo isso.

    • curra-chita

      mazembado detected. V aza do forum colorida.

      • Dilamar Costenaro

        Sou mais gremista que tu rapaz, só não sou cego.

  • Walter Luis Borba

    Zaga riducula.

  • gilberto

    kmpressioonante grohe entrega o jogo, no primeiro iol conseguiu falhar duas vezes, sai ao largar a bola e depoi s o cafa chuta em cima dele e ele pula atrasado, aliás contra o goiás ano passado foi a mesma lambança, ele tem braços curtos e não consegue socar a bola para fora da área , no segundo gol ficou parado e no terceiro espalma a bola para frente.

    • Daniel Scherer

      Grohe falhou no primeiro gol sem dúvida. Nos demais nao acho que falhou. No escanteio primeiro pau e do jogador que esta colocado ali e dois falharam, matando o goleiro. E no terceiro ele fez o possivel numa bola que desviou e o erro foi do zagueiro e lateral pela direita que nao acompanharam o lance. Nada que o grohe pudesse fazer.

      • Rogério

        Dessa vez não tem defesa: Grohe fez uma partida digna do Remi. Falhou feio nos três gols.

        • Daniel Scherer

          Cara discordo. Falhou no primeiro, mas nao estava bem no jogo. Nos outros dois gols nao falhou. Minha opinião. Não é defesa, é apenas justiça que eu entendo deva ser feita.

      • Por que será que ninguém diz que o Geromel falha muito nas bolas aéreas. Geromel é aquele ditado: em terra de cego quem tem olho é rei. Porém é uma lástima de cabeça, já escrevi aqui sobre isso, se nossos meia-boca estão deficientes o que sobra para os perna de pau.

  • Francisco Coelho

    Um grande time inicia com um grande goleiro…

    No meu entendimento Kaio, Luan, Everton e Lincoln os melhores.
    Aos 17 do segundo o Edinho após uma canelada mostrou estar sem gás. Ficou e deu no que deu.
    Edinho o pior seguido do Grohe.

    A pergunta é pq levar banco se Roger só troca os mesmos ou por lesão…

  • Eder

    Roger nem perdendo o jogo colocou o Tontini, estava satisfeito com a derrota para continuar a bancar os bruxos.

  • Daniel Scherer

    Roger estava fazendo o que em rio grande. Tirar o Henrique para colocar o Bobo qual o sentido? E depois nada mais? Alias o Roger deveria pegar os escanteios cobrados pelo São Paulo e fazer o douglas ficar assistindo como fazer ( ou alguem tem duvidas que o pança volta sábado). Cada vez mais tenho a impressão que o Roger esta perdido. Libertadores ja era, nao tenho dúvidas.
    E outra coisa, o Luan (e nenhum outro jogador)não pode no final do jogo, o time derrotado por um clube do interior, ser entrevistado e dizer que o time está de parabéns. Perai, parabéns por ser derrotado?????? Tem coisa muito errada. Vou ouvir o Roger….

    • Eder

      Se o pança continuar titular nos próximos jogos, acabou o primeiro semestre.

      • Então tem que jogar o time de hoje. Oremos.

    • Gabriel

      O time tem um buraco no meio campo entre os volantes e a armação. Todo time que joga conosco roda a bola como quer por ali.