Enfim um reserva à altura de Grohe

Além da conquista de três pontos fundamentais para seguir nos calcanhares do Corinthians e consolidar sua posição na vice-liderança, o jogo do misto gremista contra os reservas do Atlético Mineiro serviu para que o goleiro Paulo Vitor apresentasse seu cartão de visitas.

Nas poucas vezes em que foi exigido, o ex-goleiro do Flamengo mostrou segurança. Mas foi ao defender um pênalti cobrado pelo veterano Robinho, no ‘apagar das luzes’, como diziam os locutores na antiguidade do futebol, foi que Paulo Vitor conquistou a torcida gremista.

A atuação segura do estreante sinaliza que Marcelo Grohe agora tem uma sombra de respeito no banco de reservas. Sei que um jogo é muito pouco para aferir as reais condições de um jogador, principalmente de um goleiro, mas já serve como alento para enfrentar com mais tranquilidade o funil que se aproxima nas Copas Libertadores e do Brasil.

 

Sobre o jogo de ontem, destaque para Léo Moura (já era fã dele nos tempos de Flamengo), Arthur e Maicon, este mostrando que dispensa carteiraço para ser titular. Joga muito. Dentro e fora de campo – prestem atenção nas entrevistas dele.

Destaco também o Fernandinho, provando que Renato tinha razão em insistir com ele, contrariando a opinião da maioria da torcida, inclusive a minha. Fernandinho é mais uma evidência de que Renato enxerga muito.

Luan voltou e deu o toque de qualidade nas jogadas ofensivas. Uma pena que ele esteja na iminência de deixar o clube, uma pena.

Gostei também do Pedro Rocha e do Éverton. Essa dupla enlouquece qualquer marcação.

Na verdade, o time inteiro fez uma partida de bom nível, inclusive os dois zagueiros. O outro estreante, Bruno Rodrigo, que muitos aqui queriam ver no time no lugar do Bressan, mostrou por que, no momento, é a quinta opção para a zaga ao cometer um pênalti desnecessário, poucas vezes assinalado, mas legítimo.

Se gostou, compartilhe!

  • Robert Plant

    Ilgo, depois de duas derrotas (Corinthians e Avaí) e um empate (Santos) presente na Arena, hoje não fui…rsrsrs! Sintonizei na rádio Grêmio (o som vinha depois da tv – melhor do que chegando antes) via app e pus a tv no mudo. Pronto, livre de Alano e Batista. Após receber uns áudios de um amigo atleticano doente, comprovei o que já suspeitávamos: Não é paranoia nossa! Esse meu amigo ficou apavorado com a má-vontade do Batista com o Grêmio. Veja bem: Constatação de um torcedor do nosso adversário desta tarde de outro estado e portanto, sem comprometimento emocional com o Texas!

    • Francisco Lanferdini Serafini

      Batista foi triste mesmo, bah. Ficou lamentando o pênalti mal cobrado e estava inconformado com a frouxidão da marcação do Atlético-MG.

      Bom, mais uma vitória do Grêmio que ele se vê obrigado a engolir.

      • Ultron

        Se eu ganhasse cinco centavos por todas as vezes que o Batista exigiu do Atlético “marcação em cima”, eu teria condições de comprar o passe de Luan e mantê-lo na Arena.

    • Ilgo Wink

      Só a Sportv não ve essa sacanagem
      Mas continue assim, longe da Arena ehehehe

      • Robert Plant

        Contra o Cruzeiro estarei lá 🙂

        • Ilgo Wink

          isso é uma ameaça????

          • Robert Plant

            Kkkkk. Vai dar certo!

  • Francisco Lanferdini Serafini

    Boa coluna, Ilgo. Concordo com quase tudo hoje, hehehe. Não vi todo esse futebol do Maicon não. Enquanto o Arthur toca para frente, ele toca pros lados. Inclusive, fez várias faltas por chegar atrasado. Duas no Valdívia, uma atrás da outra. Pra mim, continua no banco.

    Sobre o Fernandinho,fiquei sabendo que o contrato dele está acabando, o que explica esse baita futebol dos últimos jogos, hahaha. Que o Grêmio só renove, se for renovar, dia 31 de dezembro.

    E o goleiro foi muito bem mesmo. Que assim sempre seja, que não será problema se o Grohe não puder jogar.

    E o tal de Patick, que estreou hoje, entrou bem. Tomara que estore e se torne um baita jogador.

    • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

      Francisco, o contrato do Fernandinho vai até 15/12/2017.

      • Francisco Lanferdini Serafini

        Que renove dia 15, portanto, hahaha. Senão vai voltar a ser o velho Fernandinho de outrora.

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          Pois é, e dizer que Fernandinho era muito criticado por aqui, inclusive, por mim que não aceitava o futebol dele de cair pros lados e entrar sempre em diagonal usando a velocidade e a força muscular, mas o cara tá jogando muito futebol com Renato.

          Mas como disse o Wilson Santos lá em cima, o Fernandinho é mais um dos ”milagres” do treinador que sabe tirar o melhor de cada peça que tem à disposição, ”mas”, ele não vai acertar sempre o tempo todo.

          • Francisco Lanferdini Serafini

            Não querendo desmerecer o Renato, mas o Gabriel, aquele lateral direito, também jogou uma barbaridade antes de renovar o contrato. Pra mim, é o mesmo caso do Fernandinho.

    • Alexandre

      O Fernandinho vem se mostrando uma boa opção pro time, jogando bem e fazendo gols começando como titular ou entrando no 2° tempo. O problema é que ganha um salário muito alto para um reserva.

      • Francisco Lanferdini Serafini

        Pois é. Se for pra renovar, tem que ter uma redução salarial significativa. O cara já não é o mesmo “jovem” de quando foi contratado.

  • Humbertosm

    Se tem coragem de sair do gol e ataca as bolas fáceis já vale a pena, as bolas difíceis não importam.

  • Ricardo

    O Paulo Victor é trezentas vezes melhor que o Grohe, não pode ser reserva… a defesa na falta do Valdivia eu acho improvável que o “titular” fizesse, e a defesa do pênalti, as saídas de gol e os chutes nas bolas recuadas o Grohe nunca vai fazer igual.

    Pênalti alto no meio é difícil, principalmente pra goleiros que ficam apontando pros lados, fazendo a dança do siri em cima da linha e que pulam um minuto antes da cobrança…

    • Ultron

      Gosto do Valdívia por ele ter auxiliado a chafurdar a morangada no inferno da série B, mas levar gol de quem já vestiu vermelho é para estragar o domingo. A sorte que o goleiro estreante demonstrou reflexo, confiança e agilidade naquela cobrança de falta. Ótima notícia para nós!

    • Ilgo Wink

      quanto ódio nesse coraçãozinho…

      • Ricardo

        Pelo contrário, grande Ilgo… é muito amor por finalmente ter um goleiro normal, que pega pênaltis, sabe sair do gol e chuta a bola pro outro lado do campo!

        • Ilgo Wink

          todas essas conclusões por um jogo?

          • Ricardo

            Olha só.

            Nesse jogo, ele pegou um pênalti, o Grohe nunca pegou um no meio do jogo.

            Nesse jogo, ele dominou uma bola atrasada pro pé ruim e, pressionado, ajeitou pro pé bom e fez um bom lançamento que quase virou gol (foi na trave). Grohe costuma chutar essas bolas pra lateral.

            Nesse jogo, ele mostrou controle da área, pegando algumas bolas altas, inclusive fora da pequena área, e soqueando na diagonal outras. Grohe parece que tem medo de sair…

            São três fundamentos que o Grohe tem extrema dificuldade desde sempre, e o PV mostrou algum domínio. Só falta ver se o pv consegue jogar tão bem como o Marcelo nos jogos em que o outro time não chuta no gol, pra ver se “ganha crédito” ou “passa segurança” como o titular…

            Desculpa o sarcasmo. Eu sei que um jogo é pouco, mas ele mostrou que possui qualidades que o Grohe nunca apresentou. Se vai ser sempre assim eu não sei, mas os nossos goleiros atuais não são assim nunca…

          • Fabiano SC

            Ilgo,
            Uma vantagem que vi no Paulo Victor foi que, contrariando todos os goleiros atuais, ele tentou segurar todas as bolas possíveis, abrindo mão das famigeradas espalmadas para os lados, que às vezes vão para a frente.
            Aliás, você saberia me responder por que os treinadores de goleiros passaram a exigir que seus atletas espalmem todas as bolas para o lado ao invés de agarrá-las?
            Na pelada goleiros assim sempre foram conhecidos como mão de pau ou mão de alface, mas de repente essa começou a ser a técnica adotada por todos.
            Por isso, mais um ponto a favor do Paulo Victor, que espalmou acho que apenas a bola da falta cobrada pelo “futebolista mais feio do mundo” e o pênalti, segurando as demais!

          • Ilgo Wink

            Fabiano, todos os goleiros em algum momento vão espalmar, se der será para o lado, se não vai pra frente mesmo. Eles só seguram quando a bola vem à feição para isso.

          • Fabiano SC

            Em algum momento eu concordo, mas hoje eles espalmam todas, mesmo as que vêm à feição para ser abraçadas!

  • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

    Ilgo !!!!!

    São 7 vitórias, 2 empates e apenas 1 derrota desde aquele azarado jogo com o Avaí na Arena do Grêmio nos últimos 10 jogos seguidos do time do Renato.

    São 6 vitórias, 2 empates e apenas 1 derrota (Palmeiras 1×0 com os reservas) nos últimos 9 jogos seguidos fora de casa juntando Copa do Brasil, Libertadores e Brasileirão, um ótimo retrospecto.

    Eu tinha uma ótima impressão do Paulo Victor desde a época do Flamengo e hoje ele confirmou ser uma boa opção no elenco fazendo assim o Marcelo Grohe ficar esperto nos treinamentos e nos jogos, pois ele vem de um período bem crítico na titularidade do time. Acho que ”uma sombra” fará bem à ele.

    Sobre o jogo, eu gostei da atuação com 8 reservas porque todos foram bem, inclusive o criticado Bressan que não comprometeu, mas o Bruno Rodrigo fez um pênalti infantil e parecia desembocado na função o que é normal para quem só viajava com a delegação, e não jogava.

    Os demais tiveram uma boa atuação com destaques especiais para o goleiro, Fernandinho, Arthur, Pedro Rocha, Luan e Évertom que foram muito bem no jogo. Acho que Luan já é página virada na história do Grêmio devido a faceirice do Bolzan desde a semana passada.

    Quanto ao Corinthians, os caras estão dimoaaaaaiiiiisssss, pois eles andaram por aqui lendo o que aquele ”sábio das finalizações” andou falando na época do Roger Machado quando criticava o Grêmio dizendo que o problema do time era esse, e o Renato acertou o pé da rapaziada que agora faz gol em todos os jogos, INCLUSIVE, fora de casa sendo o melhor ataque do Brasil porque sai pra ganhar e não volta goleado como em 2016 na ERA ROGER.

  • Ricardo

    Só uns numerozinhos aqui:
    Tirando o gauchão, o Grohe nunca pegou pênalti durante o jogo. Foram 12 em campeonatos brasileiros e 4 em Libertadores. 16 gols.

  • GremioSempre

    Ansioso para ver este time do Grêmio começar as “verda e as ganha” a LA e a Copa …que jogos estão por vir se ao final do ano passado jogos do nosso Grêmio já eram de sentir orgulho… imagino 2017. Que ano gurizada!! Vamos Grêmio Sempre!!!

  • wilson santos

    Nunca fui fã de Fernandinho, mas tenho que reconhecer, ele está comendo a bola, jogando o que NUNCA jogou no Grêmio.
    Renato fazendo milagre mais uma vez.

    • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

      Não elogia o Renato, Wilson, o ”alvo” pode ser você (kkkkk) ….. que fase, que ano e dizer que ainda existem Gremistas querendo ele fora do Grêmio após tantos ”milagres” que o Treinador teve que fazer após a saída do Roger Guardiola Machado. Oremos.

  • Robson Cembranel

    Eu assisti o jogo pela Globo Minas, e o Bob Faria e o comentarista de arbitragem estavam super isentos, muito melhores que Batista e Alano, e olha que estavam transmitindo pro estado deles.

    • Querubini

      E dizer que Batista jogou no Grêmio.

      • Ilgo Wink

        fardou apenas

  • Querubini

    “Enfim um reserva à altura de Grohe” ou “Enfim um goleiro à altura do reserva Grohe”

  • José da Silva – COPIÃO DE TUDO
  • José da Silva – COPIÃO DE TUDO
  • Heraldo

    Geromel,kanemann,Thierry e agora bruno . Todos crescem e jogam melhores com o mito Bressan.

  • Walter Luis Borba

    O Grêmio guardadas todas as proporções por vezes parasse que ‘joga o futebol total’ difundido pela Holanda .
    Grêmio show.

    —–*——

    Ilgo, a IVI dispensa mais um Gremista.
    Marcão saiu da Guaíba, sabe as razões.
    No google, vi uma noticia que em abril ele já tinha pedido demissão porque ‘contestaram’ uma crítica que ele fez ao Dalessandro.
    Se criticar o Binter, tá na rua!
    Onde chegamos….
    Claro, não sei se foi essa a razão….mas…

  • gremiocampeaomundial

    Renato parece ter transformado Fernandinho como transformou o Grêmio: aquele time bur(r)ocrático agora tem objetividade, assim como o jogador.

    PV bem, ótima opção ou, como disseram alguns, quiçá titular. Briga boa e saudável pela frente. Na defesa do pênalti não deu as “cacoeatadas” do Grohe, que o ajudam a pegar bolas difíceis quando funcionam, mas também deixam passar algumas fáceis. PV chegou a se mover mas se recuperou e defendeu a bola no meio.

    Ilgo, vou ter que discordar sobre o pênalti (pra mim não foi) e apresento um argumento fácil e rápido: olha todos os escanteios do jogo e me diz quantos pênaltis teriam que ser marcados PROS DOIS TIMES nessa lógica. Isso não existe. E esse negócio de “o árbitro dá quando quer” é absurdo. Imagina uma final entre Grêmio e Flamengo no Maracanã. Só os urubus vão jogar soltinhos enquanto a gente vai lutar jiu-jitsu na área deles (embora fique o registro, por justiça, que foram prejudicados na última rodada por um pênalti inexistente, dentro da “Ilha-do-Urubu”).

    “La Gata” meio que saiu pela frente no meu entendimento. Publicou respeitando o clube. Todos sabíamos (inclusive eu mesmo falei aqui) sobre a relação dele com o Estudiantes. Veio por um valor baixo quando o futebol argentino estava em greve, tamanha era a crise. O prejuízo foi proporcional ao risco ou menor. Mas demos um pouquinho de sorte. É só olhar pro Galo, que paga uma fortuna pra um torcedor do Santos cobrar pênalti no meio do gol…

    Quanto ao Luan, há que se entender uma coisa: não sou contra o que o presidente Bolzan disse, até a página dois.

    Explico: entendo que ele se expressou em termos do que é, comumente, esperado e praticado nesse meio. Não vai vir o Messi nem o Di Maria. O clube precisa ser administrado… enfim, tudo aquilo que todos aqui sabemos portanto não preciso repetir.

    Mas o Grêmio precisa se reforçar? SIM! Agora? Não, não exatamente agora. Quando então? Ao longo do tempo. E como? Somos um clube de futebol. Aceito que não possamos brincar de PSG porque não temos um cara de nome impronunciável nos bancando, e além disso esse negócio de cafetão é mais comum lá pros lados da Padre Cacique.

    Portanto, nós temos de nos reforçar descobrindo novos Luans. Novos Pedros Rochas, Évertons, Geroméis e Kannemans. Novos Wallaces, Arthures e Ramiros. Seguir a nossa história vencedora de quem um dia descobriu Arce, Paulo Nunes e Jardel largados por aí, e promoveu da base atletas como Roger e Carlos Miguel.

    Enquanto ninguém lá dentro esquecer ESTE sentido da palavra “reforço”, do garimpo e refinamento de jóias brutas, jovens ou desconhecidas, estarei tranquilo porque o Grêmio estará no caminho certo – o caminho dos títulos, que é o seu lugar de direito e de onde jamais deveria ter saído.

    • Ultron

      Garimpar a base é um bom começo. É devido a isso que o Arthur, por exemplo, hoje é rei ali no meio do campo.

  • Rezende

    Entramos agora na reta final da temporada, vamos atrás das Copas e manter uma regularidade no Brasileiro aguardando que os manos quebrem o encanto ou tenham um pouco menos de “sorte” para o Grêmio de o bote na reta final.
    O cartão de visitas do Paulo Vítor já foi dado, o Marcelo Grohe que trate de treinar mais e falhar menos pois nos fundamentos que o Marcelo sempre foi criticado, o novo reserva mostrou que em vários deles tem mais qualidade que o titular…