Caso do PDF: perdi alguma coisa?

Desde ontem que que me sinto inquieto, com a sensação desagradável de ter perdido alguma coisa.

Eu estou entre aqueles que não desgrudam do whats com medo de perder alguma coisa interessante e importante que possa ser dita em algum dos grupos que frequento.

Se por alguma circunstância sou obrigado a me manter afastado por algumas horas me vem essa inquietação de ter perdido algo. Na imensa maioria das vezes não perdi nada, porque o que se diz de abobrinha nas redes sociais é impressionante.

No caso presente, essa inquietude começou quando vi a reação de quero-quero protegendo seu ninho da imprensa gaúcha diante da revelação de que perícias contratadas pelo STJD no caso do PDF teriam constatado que houve adulteração  de documentos anexados ao processo que questiona a legalidade da inscrição de Victor Ramos pelo Vitória.

Explico: é que pra mim isso é notícia antiga. Acho que faz uns dois ou três meses que as redes sociais publicaram à exaustão a diferença no teor de emails constantes no processo, anexados pelo Inter, através de seus advogados por ele contratados. Ah, não resta dúvida de que o clube contratante é que terá de responder por qualquer irregularidade, não seus eventuais prepostos. 

Na época em que vazaram esses documentos, os mesmos que agora são levados mais a sério pela mídia gaudéria, o pessoal não deu muita bola. Houve quem os desdenhasse. Era uma armação, um complô, da CBF e do STJD contra o Inter, diziam. A soberba era tão grande que projetavam até a volta para a série A.

O que acontece de diferente é que agora os documentos foram periciados e a adulteração comprovada. Resta saber com certeza que é responsável. Todos os dedos apontam para o Inter, o que, a ser confirmado, poderá levar o clube à uma severa punição, que deve ser exemplar. Até o rebaixamento para a série C é cogitado. E não seria uma demasia.

Lembro que no caso de racismo que ninguém da imprensa local considerou uma demasia a eliminação do Grêmio da Copa do Brasil.

Portanto, espero igual rigor do tribunal da CBF.

Bem, os maribondos vermelhos estão enlouquecidos, e o quadro deve piorar na medida em que a hora da decisão se aproxima.

Interessante, bastou escrever essas linhas que a minha inquietação passou.

Se gostou, compartilhe!

  • Nilton Oliveira

    Baldasso no twitter está praticamente GARANTINDO que se o inter for culpado, não será punido, e quem vai responder serão as pessoas e não o clube.

    Baixem essa declaração dele no twitter. Em breve nos será muito útil, kkkkk

  • Alexandrebg

    Demorou, mas o inferno colorado está chegando… rebaixamento, falsificação de documentos, time dependendo de penalidade sonegada ao adversário (São José) para se classificar EM SÉTIMO lugar no regional, caso do beira rio…

    • Marcos lena

      Como dizia aquela frase da Popular “`BEM VINDOS AO INFERNO ´´´e o inferno chegou de vez.

      • Jack Nogueira

        Ou, como eles mesmos gostam: “O inferno é meu destino”, rs

        Que tenham uma boa e lenta viagem.

    • Fernando

      Dois mil e dezesseis, o ano que ainda não acabou.

  • Fiscal da Pipoca

    Ilgo,
    Lembra que no final do ano passado tu comparavas o rebaixamento do inter à uma dor de dente? Que não importava o que estivesse fazendo, só pensava nisso?
    Eu tinha o mesmo sentimento.
    Pois já faz algumas semanas que meu dente começou a doer de novo…
    E a cegueira coletiva vermelha em relação ao assunto me faz duvidar do que vejo com clareza. É inacreditável o ponto em que chegaram. Olha o tamanho do risco que estão correndo, por puro desespero de não jogarem a série B.
    É tão absurdo e inacreditável o que fizeram, que eu não consigo pensar em outra coisa. É um dente latejando o tempo inteiro.

    • Ilgo Wink

      Pô, tu acordou o meu dente. Já tá doendo de novo, ehehe

      • Heraldo

        Espero que não seja o de abrir cerveja.DDDDD

  • Luis Augusto Waschburger

    Que ano, amigos! Que ano!

    • Ilgo Wink

      Tô assistindo de camarote, degustando uma Mazembier.

  • gremiocampeaomundial

    Eu já tinha falado lá no blog do Algoz: se lembrasse das duas versões do e-mail, publicava um argumento sólido e irrefutável. Mas puxei pela memória, baseado nos originais e tentando lembrar exatamente onde e o que foi alterado. Tenho boa memória, não perfeita, mas boa. E já sabia que esses e-mails foram falsificados (leia-se: não existe “erro” possível de gerar aquela saída específica). A base da análise é o fato da estrutura de editores e mecanismos de conversão. Os editores se orientam por unidades sintagmáticas, e os mais “antigos” (e bons) por largura de coluna.

    Aí entra a parte da “memória”. Tinha um ponto final (‘.’ ou ‘x2E’ para os íntimos) no meio do trecho deletado. Isso é terrível pra eles se estivessem com o primeiro caso em mente. Em todas as linguagens do mundo o ponto final é um separador natural, nem precisa entrar em termos como “unidade sintagmática”.

    A única saída restantes seria alegar que o trecho deletado tinha largura de coluna muito específica e achar um editor com ela. Claro, esses editores permitem que se altere a largura pelas flags, mas o juiz que comprar essa “coincidência” compraria qualquer coisa. Então o PIFA que corra atrás das falsificações pra ver se alguma delas é múltiplo de 72, 75 ou 80. Testei os três do coreutils nesse caso mas o resto (e nem tem muito “resto”) não foge disso.

    Se eu como um simples estudante de computação entendo isso, imagine o que os PERITOS não entendem.

    O Cravo cravou o PIFA por não conhecer o bastante sobre computaçao. Botou a culpa no PDF = Portable Format Document sem antes saber se ele poderia ter culpa. Muitos leigos pensam que “qualquer erro é um erro, em essência a mesma coisa” (cultura Windows do “Something Happened”…)

  • Rezende

    O que mais me anima é a absoluta falta de saída dos Mazembados…
    Esta caca toda foi gerada pelo Justo Guerra que fez o contato dos advogados com o SCI by Píffero e embarcaram nesta marcha de insensatez do caso Victor Ramos.
    Antes de cair em campo no Brasileiro a gestão anterior trouxe o batráquio do Baldasso para dentro do SCI que foi recebido (junto com o time e as finanças destroçadas) pela “NOVA” direção do SCI by Medeiros que inexplicavelmente ao invés de se desvincular da direção anterior mantém o Baldasso, o Paulão e PIOR insiste em manter a marcha da insensatez do caso Victor Ramos e ainda levá-la para o exterior, na Europa no TAS !!!
    Esta choradeira financeira de hoje no SCI foi muito estranha pois ela era para ter acontecido logo após a mudança de diretoria, NESTE MOMENTO, me parece mais uma estratégia de pré-vitimização do clube.
    Com o intuito do SCI se “defender” de uma agora uma MUITO possível punição de suspensão do clube, argumentando que a CBF acabaria com o SCI se impor a punição merecida na legislação.
    Tese que a IVI abraçaria sem dúvida com PAIXÃO E ARDOR..
    Com o que está se alinhavando neste início de 2017, o sofrido pelos vermelhos em 2016 vai parecer fichinha…
    TOMAR QUE ARDA MUITO…

  • Walter Luis Borba

    Ilgo,

    O que mais me espanta neste caso do PDF é que jornalistas experientes com vivência no futebol ainda caem no “conto da sereia”.

    Creem fielmente na versão de Daniel Cravo e Gustavo Jurgen, advogados do Inter, que ardilosamente tentam impor aos “leigos” que a verdade dos fatos é aquela noticiada pelo Inter.

    Por favor, qualquer pessoa, em 30 minutos de pesquisa na internet via google e wikipédia é capaz de questionar aquilo que é defendido com ardor pelo Jurídico do Inter.

    É surreal admitir que um Tribunal Arbitral como o CAS modifique uma decisão proferida pelo STJD que é o nosso tribunal superior desportivo.

    Cabe aqui uma analogia:

    Imaginem uma decisão prolatada por Ministros do STF. A parte que perdeu, inconformada resolve recorrer para a ONU.

    O Tribunal da ONU resolve acolher o pedido do recorrente…

    Senhores, será uma aberração, será um afronte a Justiça da República federativa do Brasil.

    Sendo assim, volto lá no início do meu comentário, NÃO POSSO CRER, que jornalistas experientes e inteligentes, chancelem esse posicionamento articulado pela defesa do Internacional.

    Por óbvio que os Advogados estão no papel deles.

    Agora, jornalistas e cronistas,que tem o dever nos passar uma informação verdadeira, não podem ficar sustentnado uma “mentira” velada muito bem articulada pelo Internacional.

    Para finalizar, de regra, um Tribunal Arbitral tem a função de mediar, vejamos o que significa MEDIAR:

    “Mediar significa cortar ao meio ou dividir por dois. É uma forma
    alternativa de tentativa de resolução de conflitos por meio e um
    terceiro imparcial, estranho ao conflito, que atuará como uma espécie de
    facilitador, sem, entretanto, interferir na decisão final das partes
    que o escolheram. Sua função é estabelecer um ponto de equilíbrio na
    controvérsia, aproximando as partes e captando os interesses que ambas
    têm em comum, com a finalidade de encontrar uma solução que seja a mais
    justa possível para ambas as partes, onde todos saiam ganhando”.

    Ora, no caso do Inter, só ele quer sair ganhando com o retorno a Serie A.

    Sendo Assim, o tribunal arbitral não atende o fim pretendido pelo Co-Irmão…

    • Ilgo Wink

      Walter, é puro desespero. aí o pessoal perde a vergonha na cara

    • Jack Nogueira

      Mas já tem gente de vermelho dizendo que o objetivo não é voltar à Série A, e sim peitar a CBF e moralizar o futebol brasileiro…

      E tem gente (tb de vermelho, em sua esmagadora maioria) q acredita!

      • Heraldo

        Nunca esqueças dos justinos.

  • HENRIQUE MARTINS

    Queria ver o Binter botar a culpa no Guerrinha….kkkkkk (esse merecia ir preso).
    Falsificação de documentos dá cana……..
    E agora RBS ???
    Vai demitir ou vão ficar defendendo ??

    • gremiocampeaomundial

      Já estão defendendo. O Banheiro tá reclamando que o tribunal “está em litígio com o clube”.

      Quem estiver esperando ver o PIFA rebaixado na IVI já pode sentar. De pé vai ficar cansado.

      Ouviremos até 2018 histórias sobre o “clube que nunca caiu mas foi caído por perseguição das entidades representativas”.

      Digo “até 2018” se conseguirem o acesso. Do contrário ouviremos tal ladainha por um looooongo tempo…

  • Mazito Cup Killah

    O Binter não tem como escapar de alguma punição, pois falsificou os documentos, ou utilizou documentos falsificados por terceiro. Na minha visão, ambas as opções possuem o mesmo efeito, e não vejo porque a pena para um caso seria diferente do outro. Por exemplo, é muito cômodo utilizar um documento falso e dizer que achou largado no meio da rua, ou então que uma pessoa passou de bicicleta e caiu da sua mochila. Enfim, a possibilidade de se mentir neste caso e inventar uma historinha não poderia servir de base para amenizar uma pena. Mesmo que um laranja venha a admitir tal feito. Portanto acredito que a pena deva ser a mesma mesmo que o Binter venha com esta lorota de que não leu, apenas grampeou e mandou, e bote a culpa no tio que vende pipoca lá na praça. Em suma, a dúvida que resta é, qual será a pena? Será só financeira, ou será a suspensão? Por quantos dias? Um número X que tirasse uns 20 pontos do Binter já servia de bom exemplo, digamos uns 45 dias. Se o presidente tiver um pouco de bom senso, cancela toda aquela palhaçada na Suiça, e converte a pena em 100 mil reais.

    • Nilton Oliveira

      20 pontos nada. Que os mandem pra C.

      • gremiocampeaomundial

        O Juchem já deu entrevista ontem frisando que “O CLUBE não falsificou nada”…. vão botar a culpa no Cravo ou pagar algum laranja pra ser a “fonte” do trambique e se fazer de vítimas do mesmo estelionato que, aposto, são os autores.

        Mas se enquadrarem eles pela falsificação não vão nem pra C. É suspensão de até dois anos e, quando voltarem, voltam na D.

        • Querubini

          mas usou.

        • Nilton Oliveira

          Se forem pra C eu já fico extremamente feliz. Agora, se houver possibilidade de um rebaixamento para a QUARTA DIVISÃO aí sim será a maior gangorra da história na rivalidade.

          • thuareguy

            Se isso vier a acontecer vai faltar hospicio e camisa de força pra coloradagi!

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          Amigo, o falsificado Advogado Cravo do BBinter ou qualquer outro laranja estavam legalmente ”representando” o clube em todo esse processo desde o início, e é isso que vale perante a Lei, pois fraude em processo é crime e foi por isso que a CBF fez após receber o processo julgado pelo STJD com orientação de legalidade indicando arquivamento, aí, ela procurou o MP e a Polícia Federal que é quem trata de fraudes no Brasil para combater a K..H..DA do BBinter.

          Imagine você porque a CBF nesse momento crítico de sua história onde um Presidente está preso e seu sucessor não pode se ausentar do país iria colocar a cara à tapa sem uma ”prova cabal” do que estava fazendo ????? Acho que nem laranjas salvam os BBolorados dessa enrascada que o Guerrinha enfiou seu clube por causa de um orgulho ferido. Abraço.

    • Ricardo

      A pena mínima é 180 dias.

  • Heraldo

    Em suas proporções – Dinter(lula),stjd(lava jato),ivi(entidades pelegas,sindicatos,une,m…) coloradagi(mortadelas)

  • Fabio Scheffer

    Por tudo que tenho lido, principalmente de fontes de fora da IVI, o negócio do co-irmão hoje nem é mais voltar pra série A ou ate mesmo manter a “honra”…

    Hoje se os MAZEMADOS FALSIFICADORES se MANTIVEREM na SERIE B estão no lucro !!!

    Que rolo que Cravo, Guerrinha, Pedalado, Pífio e cia meteram os coloradinhos, que agora vão ter que gritar muito pra não serem suspensos de atividade (de 180 a 720 dias) e só retornarem conhecendo as profundezas do futebol brasileiro…

    Também conhecido como SERIE D !!! hihihi

  • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

    Amigos Gremistas !!!!!

    Confesso que nunca vi em toda minha vida com 58 anos o meu rival numa fase astral tão ruim, grande e cheia de adversidades vindas de todos os lados desde 09/12/2016 quando pela 1ª vez eu vi & ouvi no Sala de Redação o desespero e pânico explícito nos membros da IVI.

    Aí, 13 dias depois, no dia 22/12, levaram para lá o Dr. Falsificado Cravo para que desse explicações, e naquele dia, ele estava garantindo que tinha uma carta na manga ”poderosa” para eliminar a CBF da face da terra, pois era ela quem estava ”estragando tudo” naquele momento na imagem do clube.

    Na sexta-feira, 31/03), tiveram que trazer o Cláudio Brito para ajudar o Cravo no programa, pois ele começou dizendo dia 09/12 que o BBinter ”recebeu o documento e anexou o mesmo imediatamente no processo”.

    Depois, numa outra entrevista coletiva disse que o documento foi feito com ”fragmentos de emails” e agora no desespero final, em pânico e gaguejando ele vem dizer que que ”pooooode ter um hacker” entrado no servidor da CBF”.