Brigas na dupla: realidade e ficção

Grêmio e Atlético, jogo que vale seis pontos, terá no apito o assoprador Héber Roberto Lopes, um juiz caseiro e acomodador. Bom para quem joga em casa.

A interferência no resultado começa nos bastidores, pela definição da arbitragem.

É preciso estar atento aos detalhes.

Felizmente, o Grêmio vai com a sua força máxima para encarar de novo o RG, que, aliás, ao contrário de outras vezes, está falante. Vejam o que ele diz:

– Agora entra todo tipo de ingrediente. É lembrar de tudo o que aconteceu e a gente vai com tudo para conquistar a vitória.

Ninguém esquece o que aconteceu. Quem bate até pode esquecer, mas quem apanha não esquece jamais. RG está eternizado no panteão dos inimigos da torcida gremista.

Agora, no jogo de domingo, o passado fica em segundo plano.

O que interessa é o presente, e o futuro.

E neles não há lugar para o RG no Grêmio.

AS BRIGAS

Fernandão e Datolo discutiram publicamente no treinamento. A coisa foi tão séria que o goleiro Muriel correu para apartar o bate-boca.

Foi uma discussão áspera entre o chefe e seu subordinado. Até nem vejo nada de mais, faz parte. Discussões existem em qualquer lugar, inclusive nas redações de jornais.

Já vi dois colegas, de emissoras rivais, se pegarem a soco de rolar no chão. Mas faz tempo, muito tempo.

Lembro que eu estava ao lado de Assis naquele dia no pátio do Olímpico. Era o Assis de antes da pirataria, quero deixar bem claro. Ele comentou comigo, sorrindo, ao deparar com aquela cena grotesca:

– Ah, então vocês também brigam…

Após o episódio entre Datolo e Fernandão, que apenas confirma o quanto o aprendiz de treinador está desgastado, perdendo o controle do grupo, eis que a imprensa atenta e zelosa pelo equilíbrio, ‘descobriu’ uma briga, ou uma rusga, entre Marcelo Moreno e Kleber.

De repente, e não mais do que de repente, os dois companheiros de ataque do Grêmio, decisivos na campanha no Brasileirão, estariam de ‘mal’. É o que li na coluna do Wianey Carlet, na ZH de hoje.

Só que nessa ‘briga’ a testemunha é um ser que fica na sombra, não tem identidade revelada. Ninguém sabe sequer se existe realmente.

No intervalo do jogo contra o Flamengo, Moreno teria cobrado de Kleber que ele não estaria lhe passando a bola.

Os dois teriam discutido em função disso. Luxemburgo teria acompanhado tudo sem intervir. Depois, teria chamado Moreno para dizer que o substituiria porque teria problemas se tirasse Kleber.

Alguém, sinceramente, consegue imaginar um treinador do porte de Luxemburgo tomando essa atitude?

Uma ficção da pior qualidade.

Vou partir da premissa, a origem da briga: Moreno cobrando mais passes de Kleber. Quem viu o jogo com atenção deve ter percebido o que eu percebi: a bola quase não chegou aos dois atacantes.

Não teve como Kleber deixar de dar passes para Moreno se ele quase não tocou na bola. Todos viram que Kleber fez uma partida ridícula para um atacante de sua grandeza. Até acho que ele estava jogando de má vontade, com pouca disposição, isso é outra coisa.

E tudo tem origem num misterinho: por que sacar Moreno e não Kleber? Eu vi os dois jogando mal, com a diferença de Moreno ter recebido o passe de Elano e feito o gol. E depois não fez mais nada, assim como Kleber.

O fato é que os dois não estavam sendo muito acionados.

Se gostou, compartilhe!

  • Renata

    Bhá Ilgo, de novo o careca, ele não apitou o último jogo do grêmio em casa???…Muita coincidência ele apitar jogos tão próximos????

  • Francisco Coelho

    Andre; não sei o motivo de tanta bronca com o Mamute. Sei que o site especializado em BASE (Olheiros) o tem em alta conta e foi um dos mais elogiados por treinadores da Copa BH. Isso eu assisti dos comentaristas da Sportv e ouvi na Rádio Itatiaia. Será que todos estão errados???

  • MAZEMBIANO

    Temos que jogar com vontade mas também com inteligência, pois a pressão será imensa, não fazer faltas bobas e nem perto da área, outra coisa importante, não ter medo de ganhar, pois isso parece ter sido meio rotinas nesses jogos fora e possíveis…já os beira lago tão pegando fogo, mas claro que a imprensa noticia muito pouco, e agora o W Carlet veio com essa do Kleber e Moreno? Bah a coisa ta ficando escancarada hein…quanta falta de imaginação desses ditos experientes da impensa…

  • celso

    só um adendo: quanto a saída do moreno, eu achei que o leandro entrou muito atrás, quase como um meia, voltando pra marcar na esquerda, já que o léo moura foi cair junto com o lateral em cima do pico, como o atacante ia ficar quase que sozinho na frente, o luxa optou pelo kleber, que apesar de estar mal tinha mais características pra jogar de único atacante.

  • ilgowink

    Até agora, 19h45, não li nada nos sites gaúchos sobre o violento desmentido de Luxemburgo, no final da tarde, sobre a discussão que teria ocorrido entre Kleber e Moreno no intervalo do jogo contra o Flamengo. Luxa ficou muito indignado. Realmente, é algo que não tem pé nem cabeça, até porque nem sei se o Kleber tocou na bola para não dar passe para o Moreno, conforme diz o boato divulgado como notícia pelo WC e sei lá por quem mais.

  • Viviano

    o poder dos medalhões do inter está retratado no http://www.cornetadorw.blogspot.com.br.
    Vale a pena ler!
    O Wianey devia se ocupar disto!

  • Andre

    Francisco,
    Contra fatos nao tem argumentos, não gosto de coisa forçada por midia ou empresarios, forçaram ele no grupo profi por motivos alheios ao merecimento, a verdade é uma só fez na conquista BH fez 4 gols jogando até a final enquanto goleador da competição fez 8 gols ou seja metade dos gols do goleador e sendo que tanto o goleador do santos como os outros fizeram muito menos jogos e fizeram mais gols que ele, quero só escancarar a mentira sobre esse atacante e fato de terem forçado ele no grupo profissional do gremio com Srs Pelaipe e Roth e seu empresario Machado. No grenal juvenil o Mamute nao fez nada, nao resolveu nada e foi substituido e sabado contra ceramica tambem não resolveu nada e foi substituído novamente. O fato é o seguinte quando diferença física diminuiu ele não conseguiu se destacar e resolver nada na base entao ele é um jogador que tem uma força e corpo privilegiado p/ sua idade e só isso nada mais, não é nem metade do que tentaram nos enganar na mídia.

  • I conceive you have noted some very interesting points , regards for the post.