Aipim pra mim só frito ou cozido

O treinador de futebol arma seu time de acordo com o ‘material’ que dispõe. Agora, se ele é treinador de uma seleção, pode armar o time dentro de um modelo pré-estabelecido.

Felipão, na Copa do Mundo, ratificou aquilo que mostrou ao longo de sua carreira: preferência por um camisa 9 típico, cabeceador, alto, espadaúdo. O tal aipim, ou cone, como queiram.

Eu cheguei a pensar que Roger Machado e Renato Portaluppi pensassem diferente, que a opção deles seria por atacantes de movimentação e meias e volantes com qualidade para chegar à frente.

O Grêmio de Roger, até a chegada de Bobô, era assim, um time jogando do jeito que eu gosto, minha preferência pessoal. Não tenho nada contra quem goste de aipim, até porque eu também gosto: frito ou cozido, com um molho encorpado.

Então, na primeira oportunidade, Roger enveredou pelo caminho do mal. E se quebrou. Não, não foi apenas por isso, mas foi também por isso: pela ilusão do camisa 9, aquele que já teve seu momento no futebol, mas que hoje é um animal em extinção, embora muitos não acreditem e não aceitem isso.

O mais grave é que Roger chegou a afirmar que jamais armaria um time pra jogar apenas para um jogador, cruzando bolas para a área.

Roger acabou caindo no Grêmio e depois no Atlético, onde encontrou um aipim com grife, mas decadente, o Fred. Roger acabou fritado. Hoje, o Atlético perde uma atrás da outra porque insiste nos chuveirinhos e balões para dentro da área.

Pois não é que Renato, o cara que soube dar mais peso e consistência ao time herdado do Roger para crescer e se tornar campeão da Copa do Brasil, também foi seduzido pela lenda do centroavante de carteirinha. Incrível, mas parece verdadeiro.

Não sou completamente contra o aipim. Acho que um time pode ter um no grupo, como terceira opção. Jael, domingo, jogou os 90 minutos. Um atacante com sua limitação pode jogar no máximo uns 15 minutos, no final, quando a alma do time já foi encomendada e a salvação só pode vir no desespero das bolas cruzando o céu sobre a área inimiga.

Então, se o treinador chega a um clube e não encontra jogadores para fazer o esquema com atacantes de movimentação e vê centroavantes em abundância, ele acaba armando o time para jogar de uma determinada forma, que talvez não seja a de sua preferência.

O titular é Lucas Barrios, um centroavante de movimentação como era, por exemplo, André Catimba, só pra fazer uma referência ao time campeão de de 1977, o time que quebrou a hegemonia colorada no Estado e se tornou um marco para o clube, um divisor de águas. Não esqueçam de comprar Os heróis de 77.

Se Barrios não puder jogar, que Renato mantenha Jael como uma opção distante, nunca como solução imediata. Que escale dois atacantes pelos lados, como jogava o time campeão de 2016. É o que espero.

PREMIO PRESS

Não esqueçam do RW, nosso candidato:

http://revistapress.com.br/v15/index.php/colunistas/

Se gostou, compartilhe!

  • gremiocampeaomundial

    Se já comentaram no post anterior peço desculpas pela repetição, do contrário aviso aos navegantes: Allione teria dito em entrevista que se jogou.

    Eu sei, todo mundo viu isso (menos o Pedalado), mas só pra confirmar que temos uma confissão do réu.

    • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

      Amigo, isso não muda nada …..

      • gremiocampeaomundial

        Claro que não, foi um comentário totalmente à parte, casual e espontâneo (do “EDIT” pra baixo).

        Mas é melhor do que cornetar o Renato (bem, postar uma receita de miojo já satisfaria esse requisito…)

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          Sim, entendi o antes e o depois do ”EDIT”.

          Ainda tem um urubu maluco ”de tocaia” por aí que acusa você de mais um Fake do Copião de Tudo ????? É só alguém escrever qualquer coisa à favor do clube por aqui e já leva o batismo de ser mais um dos ”meus Fakes”, e já deve haver uns 35 por aqui nas redes sociais.

          Amigo, cornetear o Renato é fácil demais para urubus que comem carniça todos os dias e no teu caso, teu cardápio é muito melhor pelos ”bons conteúdos” (kkkkk).
          Continue assim. Abraço.

          • Diogo S

            O Urubu, ou “Lorpa mor” tem probleminha. Já descobri, é carência. Não tem amigos, só teses contra Renato. rsrsrs

          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Diogo, se estás falando do Pedro de Lara viúva e defensora destemida do Roger Machado, eu bloqueei essa inútil criatura a mais de 30 dias porque o cara não debate futebol de jeito nenhum por ser fraco, desbocado e 100% manipulado pela ”IVI”, portanto, não leio absolutamente nada do que ele escreve por opção minha.

            Ele batizou uns 30 ou 35 seguidores do Ilgo de serem meu Fake, inclusive você (lembras disso?) quando as opiniões são de qualquer menção positiva ou apoio ao clube, presidente, gestão, time e principalmente do Treinador Renato que o irrita demais, e o Ilgo acha que ele levou alguma guampa do Renato para sentir tamanha ojeriza ao cara. Oremos ….. !!!!! Abraço.

            Perguntinha: Você é o Diogo Stein ?????

          • Pedro de Lara

            Claro que não. Ele é o Diogo Schlep. Ops;

          • GremioSempre

            E tu é a Lara qué qué qué ?!!

    • Ilgo Wink

      Realmente, aquilo ali virou um campo de guerra, pura destruição. A escolinha foi cortada quase ao meio em nome do ‘progrerro’.
      Qualquer coisa me liga pra gente trocar uma ideia

  • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

    Grande Ilgo !!!!! (a carniceira urubulândia pira)

    Com inúmeros acertos à partir da saída do Roger ”Joel” Desempregado Guardiola, o Renato Pentaluppi errou feio com essa inscrição do Jael na Libertadores, pois esse cara não pode fardar nem no Confiança de Aracaju-SE que empatou com o São Bento de Sorocaba e ficou na série C para 2018.

    Mesmo assim, lembre-se que perdemos em um ano Giuliano, Wallace, Douglas e Pedro Rocha em definitivo e acrescente aí mais o Maicon que era do quarteto do meio sendo todos importantes, pois não acredito desde fevereiro que o Douglas volte a jogar pifando os companheiros naquele ritmo que estava quando se machucou, mas com Jael, não dá para acreditar porque é jogar com 10.

    Acrescente ao Maicon as lesões de Luan, Geromel e Barrios além das convocações e algumas suspensões, BINGO: sobrou pro Treinador de novo que não consegue outra vez montar um time à cada 60 dias, mas com Jael eu acho que não pode dar certo, então, tragam o Lisca, Zago, Roth, Falcão, Argel, mas ainda não é por aí, mas com Jael, não dá, amigo, tens razão ….. pois é jogar com 10, que cara ruim.

    Ficou evidente demais que mesmo Michel e o ótimo Arthur jogando muito bem, o Ramiro sentiu as ausências de Maicon e Douglas caindo assim de produção notoriamente, portanto, concordo que ele tenha que ser sacado, mas que o Jael definitivamente não pode fardar num time do tamanho e força do Grêmio, pois o cara é mesmo ruim.

    Um grande erro do Renato tão responsável pelos inúmeros acertos após a saída do Roger Machado, foi inscrever Jael na Libertadores, pois esse atacante capiau não terá a menor chance de dar certo no Grêmio, nem no gauchinho amestrado pelo Noveletto.

    Vamos agora dar ritmo aos ”nossos guerreiros” (os carniceiros da urubulândia piram), pois precisamos chegar no jogo com o Barcelona de Guayaquil com o time ”titular” bem entrosado. Oremos ….. !!!!!

    • Fabiano Adamy

      Copião, discordo.
      Ramiro não sentiu as ausências de Maicon e Douglas, e isso é fácil demonstrar.
      2017 foi o melhor ano de Ramiro no Grêmio, também sendo o ano em que Douglas não jogou e em que Maicon jogou pouquíssimas vezes. Ele caiu de produção por ter sido retirado da única função em que rendeu neste tempo todo de Grêmio: pela direita.
      Como não temos mais Pedro Rocha pela esquerda e Fernandinho, como primeira opção, rende melhor pela direita, acho que Renato precisa redescobrir a função do Ramiro, o testando pelo outro lado do campo. Como Luan cai preferencialmente pela meia-direita, não podemos ter ele, Fernandinho e Ramiro se sobrepondo, com ninguém pelo outro lado. Fernandinho, já vimos, não rende por lá, então a primeira alternativa com a volta de Luan deveria ser testar o Ramiro por lá; caso não dê, precisaremos outra alternativa, que não vejo possa ser Arroyo, mas aí é mero preconceito mesmo, pois sempre desconfio desses atacantes sul-americanos.

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Fabiano, concordo em parte, pois não deixas de ter razão, porém, analise que Ramiro jogou com Giuliano, Maicon e Douglas, depois jogou com Maicon, Wallace e Douglas, aí, Douglas se machucou e Miller se ”acadelou”, mais adiante o Maicon também machucou, e Ramiro participou da evolução do Michel e Arthur, e recentemente ainda saiu o Luan do time.

        É evidente que ele se mantendo no time desde 2014 iria sentir tantas ausências e mudanças no setor onde todos os treinadores (Enderson, Felipão, Roger e Renato) o usam nas três funções do meio porque ele mesmo se declara versátil para isso, e não é, pois rende muito mais como 2º volante pela direita e eu acho que a volta do Luan fará ele voltar aos bons tempos, pois é apenas uma má fase.

        • Fabiano Adamy

          Também espero a volta do Luan para ele recuperar a função e o futebol, acredito que consiga.

    • nico pf

      Discordo. No Confiança o Jael não só farda, como é titular em todos os jogos. Rs.

  • Antonio

    Renato ainda vai ver o que todo mundo vê. JAEL NÃO DÁ. E vai retomar o modelo vitorioso. Ele está sendo mas vai deixar de ser bobo. Pelo menos é o que espero CHEGA DE JAEL

    • Eduardo

      Todo mundo não cara pálida: ao contrário do Joé da Silva e do Ilgo Wink que estão dando um pau no grande Renato, eu acredito SEMPRE nas escolhas do grande Renato, então se Ele mandou vir o Jael e o inscreveu na Libertadores, eu ao contrário dos secadores (urubus?) Ilgo Wink e José da Silva, eu acredito e apoio o Jael que aliás jogou bem contra o Bahia e está de parabéns pela movimentação, habilidade entrega e envolvimento em vários setores do campo, pra mim ele não é ‘aipim’ como diz o Ilgo, ele ja jogou de ‘falso 9’ voltando para armar e pifar os companheiros no Joinville assim como o Maestro D10 (tão chineliado pelo Ilgo no início de 2015/2016) fazia com o Roger Machado no início.
      Abaixo a urubulândia estou sempre com o Grêmio e o Renato, esses aí que variam como o vento deviam rechaçar o Mágico e decisivo Diego Clementino tb…. sabem mais que o Rebato, são os Mestres Ilgo e José da Silva!
      Abraços,

      • Antonio

        Respeito tua opinião e retiro o “todo mundo” do meu comentário e troco para “quase todo mundo”

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Eduardo, meus respeitos ao teu Gremismo contagiante e histórico aqui nas redes sociais, parabéns, mas esperar do Jael o que ele não pode dar, é ser otimista demais, amigo.

        Sempre gostei e respeitei muito o Renato jogador, ídolo e Treinador ”do” Grêmio, pois o cara cada vez que vem aqui dá uma ”liga” danada, cala a boca de vários ”sábios bocós”, mas Jael pra mim é demais.
        Abraço.

        • Fabiano Adamy

          Não entendi, Copião.
          Ele está sendo irônico? Chamar tu e o Ilgo de urubus? Nunca li uma linha tua criticando o time, técnico ou direção; o Ilgo acho que pela primeira vez criticou uma decisão do Renato.

          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Não, Fabiano, ele se referiu apenas na questão do Jael que ele concorda com esta opção do Renato, e o Ilgo, eu e mais alguns Gremistas discordamos.

          • Pedro de Lara

            Fabiano. Não o julgue. O espírito crítico do Copião está totalmente ocupado, escolhendo se vai comer uma banana caturra ou uma banana prata.

          • GremioSempre

            Nossa deixa eu rir … La La La qué qué qué , Lara.

      • Ilgo Wink

        Eduardo, muito grato por me chamar de urubu, secador, etc
        é que tem gente que diz que eu sou chapa-branca.
        Assim, equilibra o jogo

        • Juninho Street

          kkkkkkkkk
          O cara foi irônico.

          • IIgo Wink

            Concordo.

        • Márcio Tubarão (PDF FIFA)

          kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      • GremioSempre

        Diminui a dose do teu remédio…

  • Deny Camargo

    Eu não entendo porque o Renato não deu outra chance para o Dionathã em vez de usar o Jael. Com 5 minutos em campo o guri já marcou um gol e mostrou mais qualidade que o aipim e que o Arroyo…

    Um problema histórico do Grêmio é esse medo de colocar os guris em campo. Já pra colocar veteranos ruins ou de qualidade duvidosa como o Jael é de imediato. Aliás guri quando joga bem no Grêmio em vez de ter nova chance é arquivado.

    Eu ainda lembro o parto que foi para o Arthur entrar no time mesmo sobrando em campo. Teve que ser banco do Jailson. Guri para jogar no time do Grêmio parece que tem que provar seu valor 3 vezes mais. E o contraditório é que o Grêmio só está onde ta por causa de jogadores da base como Luan, Pedro Rocha…

    • Eduardo

      Cara tu viu a recomposição do Arroyo? E os 100% de acerto de passes? Foi entrar o ‘Everton cai cai juiz dê falta drible fantasma’ queridinho dos críticos do Renato o Grande e começou a chuver cruzamentos vindo da esquerda de nossa defesa perdemos aquela faixa de meio campo e o Bruno habilidoso Cortez quase infartou com a marcação de 4 a 5 metros de distância que o Cebola faz….
      Grande Arroyo mostrou obediencia tática e disposição de assumir a vaga de Pedro Rocha além de ser equatoriano com certeza vai nos ajudar muito na Libertadores!!!!
      Avante Grêmio e Renato sempre!!!
      Abraços,

      • Pedro de Lara

        Renato, o Grande. Muito boa essa. Qué-qué-qué.

        • GremioSempre

          A Lara qué qué qué !!!

      • Deny Camargo

        Arroyo de fato marca, não tão bem quanto o Pedro Rocha, pois abusou das faltas, mas ofensivamente não mostrou quase nada. Everton embora seja inconstante mostrou mais qualidade ofensiva criando as principais jogadas do Grêmio no segundo tempo.

        Tenho sérios problemas com atacantes que não chutam a gol e que não tem vitória pessoal sobre os adversários. Ex: Kleber Gladiador, Sasha…Vou esperar mais 1 ou 2 jogos do Arroyo para ter uma opinião definitiva, mas até agora não me encantou.

        Não podemos esquecer que Pedro Rocha marcava é verdade mas também estava sempre bem colocado para finalizar (aliás o bom posicionamento era o forte dele) tanto é que perdia vários gols até que começou a acertar o pé e o final todos nós sabemos.

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          Deny, mais ou menos no final do ano passado (não lembro bem) eu e você debatemos esse assunto aqui de finalização no ataque do Grêmio quando a maioria achava até que Pedro Rocha tinha chute de isopor, lembras ????? Me chamaram até de ”sábio” com ironias.

          Aí, ele desandou à partir de outubro a acertar o pé, foi decisivo na conquista do Penta e neste brasileirão mesmo jogando com alguns times alternativos e estando a alguns jogos sem marcar gols, temos o ataque mais positivo do campeonato. Isso, são treinos.

          Gosto do momento do Fernandinho ”pela direita” e quando Éverton entra ”no” 2º tempo, mas quando cebolinha começa jogando ele some do ataque do time, porém, na minha opinião tem um grande futuro, e o Arroyo vai precisar de mais tempo de adaptação e também promete muito.

          Lembre-se que Éverton disputava com Pedro Rocha a posição em 2016, perdeu a disputa e o PR acabou emplacando e até foi negociado, mas se Éverton não aproveitar agora, o Arroyo assume a posição flutuando junto com Bárrios.

          • Márcio Tubarão (PDF FIFA)

            Ano passado quando muita gente fazia chover críticas em cima dos guris, eu também fui um dos que apoiou o voto de credibilidade e paciência com os nossos jovens talentos. O resultado disso foi o penta da Copa do Brasil.

            Não podemos nos queixar do PR em relação ao seu talento em campo. Só pode errar quem está em campo tentando acertar. Aquele que nunca tenta, certamente nunca vai errar. Contudo, o que a mim incomodou um pouco foi aquela novela para a sua renovação de contrato e as suas atitudes após a tal renovação. Não foram poucas as vezes que o PR entrava displicente em campo. O mesmo parece estar acontecendo com o Luan de uns tempos para cá.

            Nos últimos meses, a renovação do Luan virou um carnaval. E a sua falta de vontade aparente em campo faz deixa uma certa insegurança no ar. Os gremistas com quem convivo acham que a cabeça do rapaz está na Europa e não no Grêmio. Eu reconheço o grande talento do nosso jogador, mas infelizmente isso também me parece evidente.

            Vamos torcer para que o Luan volte a ter seu foco e que possamos entrar em campo na próxima partida da LA com garra e futebol. Se jogarmos contra o Barcelona da mesma forma que estamos fazendo nos últimos jogos, seremos eliminados de mais uma competição.

          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Amigo Márcio, analisando o ano do time onde muitas coisas mudaram no meio do percurso com as vendas do Wallace e Pedro Rocha, as lesões de Douglas, Maicon, Luan, Geromel, Bárrios, as suspensões que fazem parte do jogo e algumas convocações além do acadelamento de Miller Bolaños e as fraquezas de Gata Fenández e Lincoln, eu apoio o Renato que teve que remontar o time a cada 30, 45 ou 60 dias com o clube sem caixa por ainda estar no meio da reestrutura na gestão do Romildo que leva à ferro e fogo a situação financeira do clube.

            É evidente que houve uma queda técnica à partir de julho ou agosto, mas isso é perfeitamente aceito por entender as dificuldades que enfrentamos e como não temos a Crefisa para abrir o cofre e buscar a cada momento uma reposição, as coisas tem que ser feitas com calma e sem atropelos evitando mais transtornos no futuro.

            A pilha dos críticos é a maior prova que isso mais atrapalha do que ajuda, ou então, onde tu achas que poderíamos estar num momento desses. Ainda bem que a maioria apoia. Pois é.
            Pense nisso.

          • Márcio Tubarão (PDF FIFA)

            Fala, meu amigo Copião!
            Lógico que entendo que as alterações (desmanche) dos últimos tempos trazem consigo uma queda técnica. Isso é passível de entendimento. Meu receio é quando o jogador não está focado. É o mesmo que um profissional que está em uma empresa, mas com a cabeça em outra vaga de emprego.
            Por isso eu digo: independentemente do resultado, eu aplaudo uma partida onde percebe-se garra e vontade. O que me incomoda é a falta de vontade e a displicência. E é neste sentido que fico na expectativa de que o Luan, neste momento, esteja sendo melhor orientado. Forte abraço.

          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Concordo, valeu, boa semana.

      • Ilgo Wink

        Renato, o Grande. Perfeito

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          kkkkk, concordo também, mas a urubulândia pira com Eduardo, ”o sábio”.
          Boa, Eduardo.

      • Juninho Street

        Que fanfarrão.

  • Pedro de Lara

    Eu não espero a retomada do modelo vencedor. Tomara que eu esteja enganado. Renato Pentaloop forjou sua trajetória de, vá lá, treinador, com o esquema vamu-que-vamu. Esquema esse que NÃO PRESCINDE do aipim. Ao contrário, é FIGURA PRINCIPAL.
    Gostaria de lembrar que Roger Machado foi traído pela sua fragilidade profissional (primeiro grande clube+vice-presidente bocó Guerra+pressão dos antigos caciques conservadores, etc.). Para alguns isso não diz nada. Não conhecem o ambiente contaminado de um clube de futebol.

    Gostaria de lembrar, também, que o time não conta com jogadores do tipo “brigador”, raçudo, a não ser o Kaneman (homem cachorro em assírio, qué-qué-qué). Então, o melhor, na minha opinião seria jogar com a bola no chão, botando os gringo na roda. Ou seja, retomar o esquema vencedor do Roger.
    Gostaria de lembra, também,também, que o Ramiro só caiu de produção há dois meses e não foi pela ausência do Maicon, que não jogou este ano.

    • Luis Augusto Waschburger

      Só pra manter uma certa honestidade intelectual: foi também com Renato que Ramiro subiu de produção.

      • Pedro de Lara

        Honestidade intelectual??? Onde eu fui desonesto ao mencionar o Ramiro, cara pálida??

        • Luis Augusto Waschburger

          Não o chamei de desonesto.
          Mas, para manter a honestidade intelectual do debate, é também preciso reconhecer as virtudes do trabalho.
          De qualquer forma, se foi ofensivo, não era esta a intenção.
          Voltando ao debate: você concorda que foi com Renato que Ramiro subiu de produção?

          • Ilgo Wink

            Não espere que ele admita alguma coisa boa vindo do Renato. tá cheio de gremista assim como esse

          • Luis Augusto Waschburger

            Aí complica pra debater…

          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Pois é, Luis, mas eles são assim, e sempre minoria.

          • Detective

            Boa!

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        É verdade, Dr. Luis, pegando somente aí a tua frase após os 2 pontos: todos lembramos também que Renato fez o Ramiro subir de produção, trouxe o Léo Moura, fixou o Kannemann na zaga, recuperou o Cortêz, eliminou o problema da bola aérea do Roger que tomava gols em todos os jogos, descobriu Michel, revelou o ótimo Arthur para a seleção brasileira, deu maior liberdade pro Luan voar e virar ”o alvo” para negócios, fixou e fez do Bárrios um artilheiro mesmo com problemas físicos e fez o Pedro Rocha insubstituível até agora.

        É por isso que eu afirmo que Renato após o Penta da Copa do Brasil teve que se reinventar a cada 60 dias por várias razões com negociações, lesões, convocações, suspensões, mas os criticos só avaliam o ”resultado” do jogo, o que não é a tua postura. Parabéns.

        • Ilgo Wink

          Muito bem, Copião

          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Obrigado, Ilgo.
            À propósito, você é mais um Fake do Copião ????? (kkkkk) …..

        • Juninho Street

          Selo chapismo branco 100%.

        • Detective

          Isto mesmo.

      • Detective

        Perfeitamente.

      • Rezende

        Para manter ainda mais a honestidade intelectual:
        O esquema vencedor do Grêmio nasceu no primeiro ano do Roger Machado com:
        Pedro Rocha e Luan no ataque, um atacante pela esquerda que mais fazia suporte ao MO e perdia gols a profusão MAS tinha uma movimentação tática primorosa tanto na fase ofensiva quando na fase defensiva e o Luan mais lento, frágil sonolento, cai-cai facilmente marcável e prendedor de bola era o tal Falso Nove MAS em constante evolução (como Pedro Rocha)
        No meio tínhamos um Douglas bem mais restrito e participativo e Giuliano que era O CARA que carregava o TIME nas costas. Armava as jogadas com Douglas na fase ofensiva e voltava como um FALSO TERCEIRO VOLANTE na fase defensiva. E entre uma e outra função ainda chegava na frente fazendo GOLS sendo sempre o segundo ou o terceiro artilheiro do Grêmio.

        A zaga era instável e as laterais uma desgraça.

        Atrás o Grêmio evoluiu na zaga com a contratação do Pedro Geromel que deu consistência primeiramente com o Rhodolfo (e o Geromel invertido), quando ele foi atrás da Turquia, deu-se outro período de instabilidade. Terminou com Kannemann, e uma das CAUSAS da queda de Roger Machado não foi ter escalado Kannemann IMEDIATAMENTE dando chances por dois meses por zicas que já estavam no Grêmio e o argentino no BANCO.

        A bem da verdade Roger Machado caiu Porque:

        Morreu abraçado com a marcação por zona na defesa com jogadores não qualificados para isso e por não usar de IMEDIATO Kannemann;

        Morreu abraçado ao MO e queimou dois jovens no processo (Junior Tavares e Marcelo Hermes);

        Não soube o que fazer após a saída de Giuliano e inventou a jaboticaba Negueba=Giuliano, a maior idiotice que já vi um treinador fazer sem ser seriamente contraditado por ninguém;

        Dobrou-se a pressão dos texanos gaúchos, tirou do time titular Pedro Rocha e Luan* por veteranos de qualidade BEM duvidosa;

        * Primeiro Roger tirou Pedro Rocha e depois deslocou Luan para a posição de segundo atacante do Pedro Rocha onde ele não rende patavinas…

        Com Renato este time do Grêmio evoluiu:

        Com a sacada de Ramiro=70% do Giuliano onde Ramiro emula o antigo titular MAs com menos ajuda no ataque e nem de perto faz os gols que Giuliano fazia;

        Com o reposicionamento de Douglas e a atribuição de mais carga de trabalho, a parte que Giuliano fazia e o Ramiro NÃO, o até então ACOMODADO PIFADOR teve que correr mais e CERTO ainda mais com Renato (até se lesionar);

        Renato teve MUITA SORTE quando assumiu por ter tido de botar em campo Kannemann que só tinha jogado 1,5 partidas com Roger. Não tinha porque ele continuar cozinhando o Gringo (como Renato FEZ com Gaston Fernandez e Miller Bolaños) e a zaga acertoiu de vez é o que já sabemos.

        A vinda de Cortez repetiu o acontecido com Kannemann, o Grêmio CONTRATA a solução para um problema SABIDO E EXISTENTE e o treinador faz que não entendeu e manteve MO de titular supremo, até os Deuses do Futebol finalmente se indignarem e tirarem o barbudinho de campo NA MARRA por “contusão divina” para o Renato constrangidamente fazer o que já devia ter feito há horas, firmar Cortéz como titular. Algo que QUALQUER gremista que acompanhava as excelsas performances do “volante que virou ala” (e ninguém mais quer lembrar disso) já sabia de antemão que Cortez seria mais efetivo que o gente boa, sub-capitão, cascudo querido e CRAQUE da preleção do YOU TUBE…

        O que veio ANTES de Edilson não dá nem para comentar, apenas a menção suportável do Galhardo. Edilson foi o MAIOR presente que o Corinthians já deu pro Grêmio na história recente…

        TOMARA que o Cristian seja tão bom GIFT para o Grêmio quanto foram Rhodolfo, Maicon, Douglas, Edilson e outros, talvez por isso São Paulo e Corinthians odeiem tanto o Grêmio.
        Só que o Renato ao invés de estrear LOGO o Cristian para a gente saber o que ele pode acrescentar ao time ele coloca Ramiro e Michel descontados contra o BAHÊA…

        E a nova evolução do Grêmio se chama ARTHUR que pode ser tanto um Arthur=100%Giuliano ou mais, no pior cenário acho que Arthur pode render 85 a 90% do que rendia Giuliano, principalmente se jogar mais a frente e TREINAR o arremate COLOCADO a meia distância da entrada da área (algo que ACHO ele ser capaz pela maneira com que este guri bate na bola) ou se infiltre na surpresa na grande área à moda que o Giuliano fazia (mesmo jogando atrás do Ramiro o guri JÁ FEZ GOL assim de infiltração na grande área nesta temporada).

        Em RESUMO Arthur é claramente mais jogador que Ramiro.
        Entendeu Renato ou precisa desenho pra te convencer ?

        Sem Pedro Rocha, precisamos SABER das possibilidades que o Cristian pode entregar de segundo volante e a função defensiva do Peter Rock PODERÁ que ser re-distribuida na carga de fuinções táticas dos dois primeiros volantes (para um ou dividida pelo os dois, Michel e Cristian/Ramiro) TUDO para se manter o Cortez como titular na lateral esquerda mais ofensivo.

        Arroyo pode jogar mais e BATER FALTAS revezando com Edilson mas ele é incompatível com Fernandinho e muito difícil com Everton se barrios for mantido. Três atacantes e 3 volantes JAMAIS.

        Patrick é o bola da vez e apresentou tão boas credenciais que tenho medo que ele volte ao transição como o Dionatã…
        (ON) Felizmente (?) a bola contra o Bahia do Patrick não entrou. (IRONIC MODE OFF)

        SE o Douglas voltará a jogar como o meia Pifador ou se o Luan continuará na do Douglas ou ousartmos com o Patrick veremos a seguir, se o Luan não ficar na do Douglas ELE precisará espaço no ataque…

        A continuação da titularidade do Luan sem renovação e a incerteza sobre a volta real do Douglas embaralham o cenário e a insistência irracional de Renato com Fernandinho perturba demais qualquer solução definitiva.

        Minha solução de sonho:

        Luan dá uma trapa no seu empresário e assina uma renovação porque PRECISA ir a Copa da Rússia;

        Renato põe o Arthur mais a frente na posição de Ramiro.

        Michel e Cristian (se realmente estiver melhor que Ramiro) são os dois volantes de ofício.

        Douglas ou Patrick será o 10 . (Douglas mais descontado ou um guri em ascensão mas sem experiência).

        No ataque Barrios tem de ser titular com mais ALGUÉM.

        A única observação é se o Luan for para o ataque, que seja como Falso Nove e o Barrios como segundo atacante. Na função de segundo atacante, Barrios é claramente mais APTO que Luan…

        Luan tem tanta aptidão de segundo atacante como Fernandinho como atacante pela esquerda…

        OREMOS e aguardemos o que vai rolar em OUTUBRO…

        • Luis Augusto Waschburger

          É uma boa análise.
          Não sei se concordo com tudo, mas é uma análise bem coerente.
          Tenho a impressão que você gosta mais do Giuliano do que eu.
          Também tenho dúvidas se o Arthur rende melhor como terceiro ou segundo homem do meio campo.
          Comentarei depois porque o tempo está curto.

          • Rezende

            O Giuliano é um cara injustiçado, inclusive por MIM, sofreu horrores com o DM gremista que seguindo sua maldita tradição o manteve meia boca por toda uma temporada por causa de uma maldita pubalgia tratada conservadoramente com fisioterapia (mais ou menos o caso do Miller), no ano seguinte, já operado, o cara era o segundo artilheiro do time, armava junto com o Douglas e ainda voltava para marcar como terceiro volante quando o Grêmio era atacado.
            APESAR da sua movimentação corporal esquisita de marionete dos velhos bonequinhos marionete da antiga série Thunderbirds ele era tremendamente EFICAZ.
            Não morria de amores por ele naquela época, ele ganhou meu respeito quando finalmente entendi sua importância total, mas foi depois da sua saída e subsequente queda de Roger Machado… E depois com a solução Ramiro do Renato…
            Poucos aceitam isso mas foi o futebol de Giuliano foi que praticamente MODELOU este esquema de JOGO VITORIOSO DO GRÊMIO , para o bem ou para o mal, de Roger para cá…

            UM veterano armador pifador, dois volantes modernos (sem quebrar a bola e o adversário), dois ATACANTES DE MOVIMENTAÇÃO (sem aipim) e um MONSTRO RARO.

            MONSTRO que na fase ofensiva (com a posse da bola) é um segundo meia (ou um Robin para o Batman Pifador) e se infiltrava junto com os dois atacantes de movimentação e na fase defensiva, já sem a bola, o mesmo cara , na velocidade da luz, aparecia lá atrás como um terceiro volante (partindo de onde quer que ele estivesse inicialmente quando a jogada ofensiva terminava, mesmo que fosse DENTRO da goleira adversária), e o louco CHEGAVA LÁ, a tempo de fazer a marcação.

            E ISSO é que tornava o Grêmio um time dificílimo de ser batido.

    • gremiocampeaomundial

      Isso mesmo. E lá no Galo combinaram todos de sacanear o ESTUDIOSO também. Vai vendo.
      Cada uma…

      • Pedro de Lara

        O galo está depenado há quase dois anos. Graças aos chinelinhos de lá. Já passaram 5 treinadores, inclusive os que fazem o teu tipo de treinador e ninguém deu jeito. Esse teu papinho desqualificador é uma retórica infantil sobre o Roger

        • GremioSempre

          Ta brava Lara qué qué qué ??! Se tanto te encomodam vaza Larinha , cada um que bah…

        • Rezende

          E o bocó do presidente deles ainda importou o “gente fina” Fred e aí virou uma gang de veterano arriado…
          Detestaria de ser um jogador jovem naquele elenco, que é um ninho de Galo-Cobra…
          Adorei mesmo quando mandaram o idiota do POKO PIKA para lá, ele tá comendo o pão que o Diabo amassou em BH… MERECIDO…

          • Detective

            Isso.

    • Fabiano Adamy

      Exato.
      Ramiro está no Grêmio há uns cinco anos ou mais e a única função em que rendeu foi na do Giuliano, ou seja, pela direita.
      Com as seguidas ausências de Luan e as perdas de Miller e Gata Fernandes (que quase não fardou), na ausência de alguém para fazer a função ele foi deslocado, deixando de render. O que me incomoda é que todos vemos que Ramiro só rendeu lá, mas os professores insistem em contrariar a lógica. E aqui não vai crítica ao Renato, mas a todos os treinadores, que sempre querem demonstrar que entendem mais que nós, pobres mortais, e acabam se perdendo justamente por isso.
      Quanto ao Jael, nunca deveria ter vindo, e aí sim faço minha crítica pontual ao Renato, pois acho que ele não conhece a fundo o mercado, pois prefere outras atividades a acompanhar futebol. Só como exemplo, suas indicações em suas passagens pelo Imortal abrangem Diego Clementino, Carlos Alberto e Jael.

      • Ilgo Wink

        Ele indicou esses 3 porque queria mesmo ou porque não tinha opção por falta de grana?
        Como é fácil jogar pedra

        • Fabiano Adamy

          Acredito que não fosse falta de grana, pois algum tempo depois das indicações dele trouxemos jogadores caros. Outra coisa: Carlos Alberto não veio por ser barato, mas sim porque estava disponível e Renato afirmou que o interessava. Deu no que deu.
          Neste ano as indicações foram Leo Moura e Jael. Isso demeonstra conhecimento do mercado, que é a crítica pontual feita?
          Em sua ânsia de defender Renato e ver inimigos onde eles não existem (ou Renato é Deus e não pode ser criticado por indicações equivocadas?), você está sendo mais realista que o rei.

  • Pedro de Lara

    Acho que vou reunir meus comentários num livro. Vai se chamar: “Futebol pra quem entende. Entende? (faz sotaque do Pelé)”. sic

    • gremiocampeaomundial

      Acho que vou ter que comprar esse livro. Não li nenhum dos comentários que iria nele.

      • Pedro de Lara

        Não dá, né? Tu é um pesquisador. E provavelmente, nesse momento, deve estar pesquisando sobre o herpes labial que acomete jogadores ucranianos nascidos sob o signo de touro.

    • Ilgo Wink

      Acho que esse livre terá só página em branco, rsrsrs

  • Daniel Scherer

    Bom, todo o problema reside em uma simples questão: foi Renato que pediu o Jael, logo para Renato Jael tem qualidades e sendo assim vai jogar, se bobear banqueia o Barrios. O erro não é colocar o Jael em campo, o erro foi contratar o Jael.
    Como todo treinador, Renato começa a desafiar os astros e criar o ambiente para que as contestações apareçam com mais força e em alguns casos com razão absoluta (Fernandinho fazer a do P. Rocha, Ramiro fazer a do Luan, Léo Moura fazer a do Ramiro).
    Normal, todo o treinador tem a presunção de quando tudo está dando certo e o mais simples é simplificar, eles inventam.

    • gremiocampeaomundial

      Desculpe mas isso não é verdade. Porque você está misturando a contestação à qualidade de um jogador (no caso, o Jael) com uma “acusação” velada de “complicar”, quando na realidade sem alterar o esquema a alternativa que sobrou é o Jael. Ou tem outro?

      Se você quer ou acha certo alterar o esquema por isso é outro papo, mas acusar o treinador de “complicar” nesse contexto não faz sentido.

      O Luan é meia-atacante como o Miller. Os dois se revezavam de acordo com a dinâmica da partida (exceto com três volantes). Portanto, discordo que o Ramiro “faça a do Luan”. O Ramiro é o terceiro da linha de três volantes porque ele fazia essa no Juventude, e mesmo isso é só teoria. Na prática o meio-campo é bem dinâmico.

      O Fernandinho até melhorou (ou ficou menos ruim, que seja) faz a do Pedro Rocha porque não tem outro, simples assim. O PR era um guri. Não temos condições de comprar um jogador desses “pronto” como reforço, e subir da base agora não teria como (aliás mesmo contratando os prazos para transferências e inscrições estão esgotados). Além disso o Grêmio pariu um porco-espinho pra trazer o Miller e olha no que deu. Também não acho que o Fernandinho é o Messi, mas é o que tem pra hoje.

      Léo Moura concordo em parte. Tem jogos que ele pode contribuir, outros nem tanto. O Renato se tocou disso no primeiro tempo contra o Botafogo e tirou. Não é o caso dele “fazer a do Ramiro” mas concordo que, no caso dele, ao contrário dos dois acima, haveria alternativas sem mexer no esquema.

      • Daniel Scherer

        Olha, não estou “acusando” o Renato de nada, estou constatando que as escolhas que ele está fazendo estão complicando. É meu ponto de vista em relação as escolhas dele, incluíndo aí o Jael, que não pode fardar no Grêmio e só está fardando porque foi pedido pelo Renato, ou não foi???

        Em nenhum momento eu disse que Ramiro PODE fazer a do Luan, eu disse que ele está fazendo a do Luan por opção do treinador, ou não está? Não é ele que está jogando mais avançado enquanto o Léo Moura ficou fazendo o lado do campo? Ramiro estava bem quando jogava pleo lado direito e aparecia como elemento surpresa (inclusive fazendo gols) exatamente entrando por aquele lado em diagonal.
        Sobre Fernandinho ele nunca vai fazer a do P. Rocha simplesmente porque não tem qualidade para isso. Se tem outro eu não posso saber porque o Renato não tenta. Se não tem outro, ele tem que trocar o esquema, porque forçar um jogador a fazer uma função que ele não consegue, tu perde a parte boa dele e não ganha nada.
        Léo Moura é reserva ou titular da lateral direita. Colocar ele para fazer outra função e levar três jogos para se dar conta que não está rendendo, para mim é complicar. Tirar ele no primeiro tempo contra o Botafogo é mérito sim, mas não esconde o fato de que precisou de três partidas (Vasco, Botafogo (ida) e Chapecoense.
        Só quero que o Renato aproveite os jogos do brasileiro para reazeitar o time, colocar os titulares para jogar e dar ritmo ao conjunto, que se perdeu (por lesões, suspensões e em alguns casos estratégia errada de poupar), para podermos brigar pelo que nos resta. Libertadores. Brasileiro nem me preocupo mais.

        Por fim, só para constar. Não sou contra o Renato, muito pelo contrário, acho que está fazendo um excelente trabalho, mas estas escolhas podem colocar tudo a perder, ou alguém tem dúvida de que se o Grêmio for eliminado pelo Barcelona o Renato será crucificado, junto com a direção?? Eu particularmente entendo que todo treinador tem seus bruxismos, suas escolhas equivocadas e o trabalho deve ser analisado pelo todo e ter continuidade. Só que aqui a coisa é diretamente relacionada a resultados. Em um dia ganhou é o melhor do mundo , no outro perdeu tem que ser defenestrado. Eu prefiro analisar o conjunto da obra. Ainda tem crédito (pelo menos comigo) mas não está livre de criticas pontuais.

        • Ilgo Wink

          Concordo, não existe quem não seja passível de crítica.
          Com exceção de mim, claro, rsrsrs

          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Tu és um ”safado”, um chapa branca, um oficialista, um baba ovo de diretoria, uma andorinha, um Blogueiro que busca uma cadeira no CD ….. kkkkk ….. kkkkk ….. kkkkk ….. !!!!!

            É dose, amigo Ilgo, eu já li tantas werdas por aqui que nada mais me espanta ou me faz reagir, mas não é o caso do Daniel Scherer que sempre teve ótimo senso de criticas & elogios com conteúdo em seus comentários.

            Ilgo, isso aqui é uma cachaça muito boa, não podemos entrar em ressaca, é só beber (kkkkk).

          • Daniel Scherer

            Com certeza Ilgo. kkkk

          • Detective

            Concordo. Hehehehe!

  • Rezende

    A GRANDE virtude do Barrios e acerto em contratá-lo é JUSTAMENTE dele não ser um Aipim, até porque o Renato adora aipim MAS seus times (mesmo em suas duas passagens anteriores no Grêmio) nunca é armado de forma a beneficiar ou ajudar o aipim a fazer seus gols.

    O técnico Renato mereceria uma avaliação psicológica profunda neste quesito, pois acho que essa sua MANIA de pedir Aipim, colocá-lo em campo para jogar e IGNORÁ-LO na armação tática da equipe (põe no prato mais não come e deixa-o de lado) é coisa de uma obsessão plantada pelo Scolari na cabeça dele e da qual ele simplesmente não CONSEGUE se livrar.
    Suspeito INCLUSIVE que o Roger Machado sofra do mesmo mal… E por isso tenha abandonado a sua própria fórmula de sucesso pelos Bobôs e Fernandinhos da vida…

    Claro que os texanos Gremistas infiltrados no clube (e na mídia) emprenharam os ouvidos de AMBOS o tempo todo em defesa não só do Aipim como do pontinho fora e o fechar a casinha. MAS eu creio que o peso dos conceitos do Scolari na carreira dos dois é o que PERMITE que apesar de TODAS as evidências em contrário eles acabem se rendendo ao canto das sereias texanas.

    Minha recomendação seria conversar com o Scolari e sondá-lo se ele ainda mantém suas antigas convicções texanas com tanto rigor.
    SE ele depois de tudo que ocorreu do 7 x 1 e depois no Grêmio for capaz de RENEGAR os FUNDAMENTOS DA IDEOLOGIA TEXANA que se marque o mais rápido possível um jantar e se convide o Renato Portalupi e o Roger Machado para ceiar junto ao Scolari.
    SE o MESTRE for capaz, pelo BEM DO GRÊMIO, renegar explicitamente estes seus antigos dogmas texanos perante aos antigos pupilos (entre uma taça de vinho ou copo de cerveja) EU VOS DIGO EM VERDADE, ESTA MENSAGEM OS LIBERTARÁ !!!

    Serão ao menos melhores técnicos e o Roger poderá voltar ao Grêmio sem sustos ou receios…

    Resistirão mais facilmente ao canto das sereias texanas..

    • Ilgo Wink

      Muito bom

  • Rezende

    Estou conformado com o título do Cruzeiro, perdemos por nossa própria culpa para o Campeão nos pênaltis.
    E eles foram campeões nos pênaltis em duas OXO rrorosas partidas…
    A semifinal teria sido a decisão futebolística de fato…

    Mas não posso deixar de sentir que este NÃO-título Gremista da Copa do Brasil de 2017 vai para a mesma prateleira que EU GUARDO o Brasileiro de 2008 e a Libertadores de 2014, três títulos que deveriam ter vindo para a Galeria do Grêmio e que por diversas razões de seus profissionais e/ou do clube, acabaram DERROTANDO o Grêmio nas suas próprias incompetências ou indecisões internas quando o time tinha tudo para sair campeão nestas competições.
    MAS NADA em benefício de Flamengo e Corinthians é bom para o Grêmio.
    A Globo depois de sua “patriótica” e efetiva participação na vida do país, realmente não merece ganhar este “prêmio” de ter seus queridinhos abonados no futebol, o Flamengo campeão da Copa do Brasil e o Corinthians campeão do Brasileiro neste ano.
    Estes dois clubes “darem certo” simplesmente fazendo TUDO de errado fora do campo de futebol.

    MENNO MALE…

  • Pedro de Lara

    Reloooo…ou!!!
    A hora de cobrar é agora. O Pentaloop só reage quando pressionado. No final do ano, o cara vai embora e ficaremos nós a lamentar. Do jeito que as coisas estão indo, com o time desmontado técnica e taticamente, a chance de cair já, para o Barcelona Genérico, é grande. Não se trata de pessimismo. Olha o histórico recente, sem paixão. O que indica aí à frente??? Mais um capítulo de superação??? Rei de Copas??? Imortal??? Museu e saite??? Sei.
    O ano da tempestade perfeita (elenco+alguns acima da média+adversários podres+investimento…) está terminando e, até agora, necas de pitibiriba.
    Que adianta fazer um inventário maravilhoso sobre a maravilhosa passagem do Pentaloop, o Maravilhoso, se o ano terminar no quase??

    Acho que esses chapa branca são tudo colorado.

  • wilson santos

    No momento em que mais precisamos da mão do treinador ele se atrapalha.

    O caso de Jael é típico de bruxismo…o treinador indica e força a entrada do jogador para justificar a contratação, assim como Roger fez com peixe Schuster.

    Vejo muitos torcedores indicando Patrick, Everton ou Arroyo para o lugar do PR…minha preferência é Everton ou Patrick.

    No entanto, Renato já está fechado com Fernandinho e não vai mudar.
    Fernandinho vem bem, mas o trabalho coletivo fica prejudicado, ele é muito individualista pro meu gosto.

  • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

    RENATO NO FLAMENGO 2018

    Ilgo, o aipim frito como tira-gosto com uma cerveja 1983 apenas gelada e degustada num copo Penta no final de tarde com a querida ”Dona Patroa” é a minha preferência nesse momento de transição técnica por falta de um pifador no Grêmio desde fevereiro a 8 meses, mas não existe mais nenhum espaço para aipim no futebol moderno, isso era ”até” os anos 90 e acabou.

    Outra coisa, lendo alguns dos teus seguidores, acho que não é preciso escrever ”uma, duas, três toras” de texto para falar em resumo que o treineiro Roger Machado só fracassou até agora como Técnico de futebol porque ainda não está pronto para esta função num grande clube e precisa ralar mais um pouco (uns 5 anos) para se firmar, pois tem futuro ”SE” não se acadelar outra vez jogando pelo Simpof …..

    ….. e que Renato Portaluppi, ídolo de 98% da massa Tricolor cresceu muito em mais uma (sua terceira) ótima passagem Técnica pelo Grêmio durante 16 meses onde ele realmente se sente em casa e dá uma liga por saber fazer, e conhecer o clube 100% por dentro onde ele se criou.

    Que seja feliz em 2018 no Flamengo, e agradeço à Deus por ele não ter ganho o Gaúcho, Copa do Brasil e não ser o Líder do Brasileirão porque isso não aconteceu ”por pouco”, pois eu fico imaginando os desconfortos e inúmeros traumas psíquicos que esse Mito iria causar em 2% dos Gremistas urubus que o odeiam tanto aqui nas redes sociais mesmo ainda estando na semi-final da Libertadores e vivo no brasileirão que nesse, ”eu” não acredito.

    Minha vontade e ”aposta” para 2018 é o Carlos Bianchi ou El Loko Marcelo Bielsa, pois a safra brasileira está muito fraca e o Tite deve ficar na seleção brasileira por mais uns 5 anos até a copa 2022.

    Parabéns ao Cruzeiro, pois merecidamente conseguiu outra vez empatar com o Rei de Copas do Brasil. É isso.

    • gremiocampeaomundial

      Onde que ele vai pro Flamengo???

      E velho, PELO AMOR DE DEUS!!! Já ocorreu que ainda temos Libertadores e, possivelmente, Mundial Interclubes pra disputar???

      Defendi e defendo MUITO o Bianchi mas embora goste dos teus comentários esse me deu um frio na espinha. Teve algum boato ou qual é?

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Prezado Gremista, com muita convicção e certeza, eu posso afirmar que:

        Também gosto de teus comentários e ”até” já vi um urubu imbecil, idiota, ameba e besta por aqui me chamar de teu Fake e vice-versa do Copião por concordar com tua postura sempre equilibrada nos comentários diários, lembras disso ?????

        Vamos lá: o Renato está a 16 meses no Grêmio, recuperou o time dos fracassos do treineiro Roger Machado Simpof que voltava pra casa goleado pelo Rosário Central, Coritiba, Ponte Preta, e tinha perdido o vestiário completamente por falta de experiência & traquejo …..

        ….. Renato também recuperou a defesa nos gols que tomava de bola aérea dentro da pequena área, foi Campeão Nacional tirando o time da fila de 15 anos, trouxe Léo Moura, Cortêz, Michel e Lucas Bárrios, recuperou Ramiro que jogava só 30% com o treineiro Roger, confirmou Michel, Bárrios e Cortêz, ajudou Wallace e Pedro Rocha a serem vendidos para a Europa, revelou Arthur colocando o guri na seleção brasileira, fez o Luan ”voar” sendo o próximo alvo da Europa …..

        ….. é elogiado pelo ”Brasil inteiro” com o melhor futebol desde que chegou em setembro 2016, mas a mídia burra da ”IVI”do RS que contagia até uns inúteis urubus bestas Gremistas insistem em dizer que com suas criticas vão ajudar o Grêmio a ”não passar” da fase de grupos do Gauchão, nem passar das 8ª da Copa do Brasil, não passar da 1ª fase da Libertadores, e estar nesse momento na Zona de Rebaixamento do brasileirão …..

        ….. aí, o que ocorre nos comentários dos bastidores dos ”setoristas” da dupla Grenal é que Renato tem novos planos para o futuro devido a ótima imagem que fez de novo no Grêmio, pois pretende deixar esta sua ótima imagem junto à 98% da torcida Gremista com mais uma entre três ótimas passagens no clube, que se sente valorizado longe da ”IVI” do RS, que ”se” ganhar a Libertadores & Mundial aqui ele vai ficar com boa valorização para aguentar os amebas das mídias e os 2% da torcida e tocar flauta o ano de 2018 inteiro nos caras …..

        ….. mas o Flamengo vem assediando ele desde antes da chegada do Reinaldo Rueda, porém, pela ótima fase do Grêmio desde que chegou ele nem quis conversar, mas a derrota dos cariocas na Copa do Brasil foi o último ”argumento” que deixou essa conversa em aberto.

        Prezado Amigo, para um ótimo entendedor igual à você, meia palavra basta numa questão de convívio onde até as ovelhinhas da ”IVI” com o Tite conseguiram derrubar o maior Treinador que temos hoje no Brasil desde 2003, não achas ?????

        E tem Urubus & Lorpas aí que se deixam manipular por essa ”IVI” todos os dias, pois é só vir nas redes sociais e observar o que fazem ”contra” o clube que dizem ser do coração. Oremos.

        Pense nisso. Também ”Soy Loko Por Tri América”. Abraço.

  • Alexandre

    Buenas, Ilgo!
    Assunto off topic, mas a imprensa paulista diz que o Cícero tá acertando com o Grêmio, acabou de rescindir contrato com o São Paulo… sei que não foi bem lá, mas se for o do Santos/Fluminense, me serve. Mais um pro Renato “ressucitar”.
    Que tu acha? Abraço!

    • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

      Alexandre, embora seja uma vontade do clube desde a época do Felipão em 2014 quando estava muito bem no Santos, e embora sua idade de 33 anos, para o lugar do Jael na Libertadores e sua capacidade, acho ser um bom negócio, pois nessa fase é preciso ir devagar com os guris da base.

      • Alexandre

        Pois é, Copião.. Além de não termos meias (prontos) no grupo, e viria pelo salário, que já não deve estar tão valorizado como antes. Acho que vale a relação custo-benefício. E também já pensando em 2018 E Jael na lista, é pracabá…hehe.. Abraço!

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          Só um detalhe, virá sem custos e com salários divididos com Fluminense que já aceitou as pretensões do Grêmio conforme está nas mídias.

          • Alexandre

            Bah, melhor ainda!!